Irão tentou colocar um satélite em órbita. Falhou pela quarta vez consecutiva

(h) IRIB / EPA

Um foguetão iraniano falhou este domingo a colocação em órbita de um satélite, o mais recente revés de um programa que, segundo os Estados Unidos, ajuda a República Islâmica a avançar no desenvolvimento de mísseis balísticos.

Ahmad Hosseini, porta-voz do Ministério da Defesa, disse que o Irão lançou o satélite para o espaço “com sucesso”, mas que não conseguiu colocar o Zafar 1 em órbita.

O lançamento do satélite de observação científica, a partir do porto espacial Imã Khomeini na província de Semnan, a cerca de 230 quilómetros a sudeste de Teerão, foi anunciado antes pelo ministro das Telecomunicações, Mohammad Javad Azari Jahromi.

O Governo admitiu depois que o lançamento “falhou”. “Mas somos INVULNERÁVEIS. Temos outros satélites iranianos incríveis a chegar”, adiantou na rede social Twitter.

Morteza Barari, chefe da agência espacial do Irão, indicou este dominho antes do lançamento que o aparelho, com 113 quilogramas e capaz de realizar 15 voltas completas à Terra por dia, devia ser colocado em órbita a 530 quilómetros do planeta e tinha sido concebido para estar operacional “mais de 18 meses”.

A sua principal missão será “recolher imagens”, disse o responsável, enfatizando as necessidades do Irão nesta área, em particular para estudar e prevenir terramotos e desastres naturais e desenvolver a agricultura.

O fracasso deste domingo ocorre depois de dois lançamentos falhados, os dos satélites Payam e Doosti, o ano passado, bem como de uma explosão de foguetões na plataforma de lançamento em agosto. Tal como frisa o Business Insider esta segunda-feira, esta é a quarta tentativa fracassada levada a cabo pelo Irão.

Os Estados Unidos alegam que tais lançamentos de satélites desrespeitam uma resolução do Conselho de Segurança das Nações Unidas que apela ao Irão para não desenvolver atividades relacionadas com mísseis balísticos capazes de transportar armas nucleares.

Teerão afirma não ter qualquer projeto para obter a arma atómica e que os seus programas balísticos e espaciais são legais e não violam qualquer resolução da ONU.

Os Guardas da Revolução iranianos revelaram também neste domingo um míssil balístico de curto alcance, que pode, dizem, ser projetado por um reator de “nova geração” concebido para colocar satélites em órbita.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

"O tempo das autoestradas terminou", diz Pedro Nuno Santos

O ministro das Infraestruturas defendeu esta quinta-feira, durante a apresentação do Programa Nacional de Investimentos 2030, que a aposta dos “sucessivos” governos na rodovia reflete-se na condição atual da rede ferroviária. “Não temos um grande histórico …

Arcebispo russo considerado "sexista do ano" morre durante reabilitação do coronavírus

O arcebispo russo Dimitry Smirnov, conhecido por fazer comentários controversos sobre mulheres, morreu aos 69 anos durante a reabilitação do coronavírus, anunciou um porta-voz da Igreja Ortodoxa Russa na quarta-feira. No início de 2020, Dimitry Smirnov foi …

Será necessária declaração para deslocações entre concelhos

O Governo esclareceu que quem precisar de se deslocar entre 30 de outubro e 3 de novembro, quando estará proibida a circulação entre concelhos, necessita de uma declaração, sendo as exceções as mesmas que foram …

Cães conseguem detetar covid-19, mas não estão a ser usados. "Podiam salvar tantas vidas"

Um cão pode cheirar um pano que antes esteve no pulso ou no pescoço de alguém e identificar imediatamente se a pessoa contraiu o vírus até cinco dias antes do aparecimento de qualquer sintoma. Parece …

Noruega com poucos casos de infeções nas escolas. Medidas podem ser aliviadas

A Noruega mantém as escolas com o segundo nível das medidas para combate à pandemia. Contudo, pondera aliviá-las caso se confirme que as crianças não têm um papel acrescido na transmissão do vírus. As autoridades de …

Ex-SCUT com descontos para passageiros frequentes e transporte de passageiros

Os passageiros particulares frequentes e os veículos de transporte de passageiros vão ter descontos na passagem pelas portagens das antigas SCUT a partir de 1 de janeiro, anunciou esta quinta-feira o Governo. De acordo com a …

Situação "muito grave" leva a uma nova corrida ao papel higiénico na Alemanha

A Alemanha atingiu esta quinta-feira um novo máximo diário, com mais de 11 mil casos em apenas 24 horas. A nova vaga de infeções está a levar os alemães a um novo açambarcamento de papel …

Taça: todos os "grandes" defrontam equipas do terceiro escalão

FC Porto, Benfica e Sporting vão jogar em casa de formações do Campeonato de Portugal. Sporting de Braga estará na Trofa. Decorreu nesta quinta-feira o sorteio da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, a …

DGS vai comprar mais de 100.000 frascos de Remdesivir até março de 2021

A Direção-Geral da Saúde vai adquirir entre este mês e março de 2021 mais de 100.000 frascos do medicamento antiviral remdesivir, com a designação comercial Veklury, para tratamento de doentes com covid-19. A decisão foi tomada …

Utilizadores do PayPal vão poder usar criptomoeda para pagar a mais de 26 milhões de comerciantes

O PayPal anunciou que vai investir no mercado das criptomoedas, lançando um novo serviço que permitirá aos utilizadores da plataforma nos Estados Unidos comprar, guardar e vender moeda digital, já a partir de 2021. De acordo …