Investigação desmente Governo e confirma queda de helicóptero no incêndio de Alijó

DR GPIAAF

Helicóptero destruído após queda no combate a incêndio em Alijó, a 16 de Julho de 2017.

O Ministério da Administração Interna tinha negado a tese de queda de um helicóptero no combate a um incêndio em Alijó, mas o relatório que investigou o caso desmente o Governo e confirma o acidente, divulgando a primeira fotografia da aeronave destruída.

Este relatório feito pelo Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves (GPIAAF) foi agora divulgado pela entidade no seu site oficial, confirmando a queda e a destruição do helicóptero e não deixando dúvidas de que o Governo quis “abafar” o acidente.

A agência Lusa reportou, na altura, a 16 de Julho passado, a queda da aeronave, citando o Comandante Distrital de Operações de Socorro de Vila Real, Álvaro Ribeiro, mas fonte oficial do Ministério da Administração Interna desmentiu a informação, falando antes numa “aterragem de emergência”, após uma avaria.

“Houve uma anomalia com o aparelho, tendo o piloto conseguido ir em segurança até à margem e sendo nesse momento, que se deu o incidente com o helicóptero a tocar o chão de forma algo controlada pelo piloto”, disse então a adjunta nacional de operações da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), Patrícia Gaspar, conforme recorda a TSF.

A estação lembra também que foi alguns dias depois desta aparente contradição entre fontes que a ANPC impôs a “lei da rolha” aos Comandantes Distritais, centralizando as informações prestadas aos jornalistas na sede da ANPC.

Quanto ao relatório do GPIAAF, aponta que, após se ter deparado com dificuldades aquando do carregamento do balde de água na barragem, no âmbito do combate ao fogo em Vila Chã em Alijó, “a aeronave entrou em instabilidade, desconhecendo-se nesta fase da investigação, se o aparelho sofreu uma perda de estabilidade, ou algum tipo de toque em alguma superfície da represa”.

“Apesar da tentativa por parte do piloto de recuperar a estabilização do voo do helicóptero, o mesmo acabou por girar em volta do eixo vertical tendo as pás do rotor embatido na água”, acrescenta o documento, notando que “o aparelho tocou o solo e rolou para a direita, ficando imobilizado na beira da represa” e “destruído”, como atesta a imagem divulgada pelo Gabinete e reproduzida no início deste artigo.

O MAI não se quis pronunciar sobre estas conclusões, sublinhando, numa nota à TSF, que “questões operacionais devem ser remetidas para a ANPC”.

ZAP //

PARTILHAR

19 COMENTÁRIOS

  1. Foi descoberto, com provas a sustentar(foto e relatório), mais uma mentira deste governo!
    Já não basta a recusa em assumir mais mortos em Pedrão Grande…bem como o roubo de armas que possivelmente nesta altura deverão estar nas mãos de criminosos ou terroristas! Foi material que ia ser destruído…afirmam!
    São mentiras…atrás de mentiras que este governo e afins vai governando! Por isso não entendo como o POVO continua com os olhos fechados…daí o lema “Cego é aquele que não quer ver!”.

  2. Isto não é governo é desgoverno. Mentiras atrás de mentiras, já parece a era Socrates…
    è gato escondido c/ rabo de fora. Andam a tentar esconder a incompetência??? Esta gentalha só tem habilidade p/ as vigarices, roubos e afins. Até quando os portugueses vão aguentar este tipo de vermes?

    • Em primeiro lugar quem tem apetencia pelo poder raras vezes o faz por razões altruísticas. Depois, a escola actual é a do sr. dos infernos que regressa em força por todo o lado, e isso pelo mundo inteiro. Basta ver os “valores” que são impostos aos jovens através dos vídeos, etc, especialmente através da trampa dos usa das últimas décadas e em aceleração fulgurante. Enganar, enganar, enganar, corromper, corromper, corromper.

  3. Se lerem bem a notícia, não se vê qualquer divergência entre o que disse Patricia Gaspar : ““Houve uma anomalia com o aparelho, tendo o piloto conseguido ir em segurança até à margem e sendo nesse momento, que se deu o incidente com o helicóptero a tocar o chão de forma algo controlada pelo piloto” e o que diz o relatório do GPIAAF: “a aeronave entrou em instabilidade, desconhecendo-se nesta fase da investigação, se o aparelho sofreu uma perda de estabilidade, ou algum tipo de toque em alguma superfície da represa”. E acrescenta:- ” Apesar da tentativa por parte do piloto de recuperar a estabilização do voo do helicóptero, o mesmo acabou por girar em volta do eixo vertical tendo as pás do rotor embatido na água”, acrescenta o documento, notando que “o aparelho tocou o solo e rolou para a direita, ficando imobilizado na beira da represa” e “destruído”. Trata-se de uma noticia pafiosa para confundir as pessoas.

    • tenha vergonha na cara. essa gente devia era demitir-se em bando e era já. e quem os defende podia também emigrar p países com os governos que gostam

    • Exactamente!!!
      É engraçado como a comunicação social tenta criar casos onde estes não existem!
      Quando li a noticia pensei mesmo que o governo tivesse mentido, afinal não… é uma noticia retorcida! com o intuito de levar aos comentarios imbecis que já li anteriormente!
      E Portugal é isto…

    • Meu amigo, segundo a foto parece-lhe um forma controlada de aterrar?
      Não desejo que aterre alguma vez numa aeronave desta forma controlada.
      Se aterrar de forma controlada fosse destruir uma aeronave já não havia uma no ar!

      • O piloto tentou uma aterragem controlada mas, mais à frente diz que por razoes ainda nao esclarecidas perdeu o controle da dita. Não são assim todos os acidentes, quer de helis, de avioes, de automóveis?

  4. Lamentável. E mais uma vez ficará tudo impune. Este já ficará para a história como o desgoverno da aldrabice e da impunidade.

  5. Mas que grande trapalhada de informação e contra-informação vai por este país, parece um concurso de ver quem é o mais mentiroso e ver quem ganhará o prémio!.

  6. Já conheciam o zé Sócrates, Engº.
    Quizeram-no outra vez pra nosso primeiro e aí têm………….. (o quê ???? não é ele ???? Então quem é que lá está, porra ??????)

Responder a real Cancelar resposta

Para além de autocarros, Cascais quer comboios gratuitos dentro do município

Desde 1 de janeiro de 2020, Cascais tornou-se no primeiro concelho do país a ter transportes públicos rodoviários gratuitos. Agora, quer alargar a iniciativa aos comboios. "Estamos a abrir um novo paradigma, que encara a mobilidade …

Governo convoca sindicatos para negociar aumentos acima dos 0,3%

O Governo convocou as estruturas sindicais da administração pública para voltar a negociar a proposta dos aumentos salariais de 0,3% para este ano. De acordo com a agência Lusa, o Governo convocou as estruturas sindicais da administração …

Governo prepara injeção final de 1400 milhões no Novo Banco

Desde a venda, em outubro de 2017, o Estado já injetou 1,9 mil milhões de euros no Novo Banco. Agora, o Fundo de Resolução estuda injetar mais 1,4 mil milhões. O Fundo de Resolução e o …

Em Espanha, há jogadores a serem pressionados a sair para países árabes

Jogadores do UD Almería estão a ser pressionados pelo dono do clube a sair para clubes de países árabes. Alguns atletas já apresentaram queixa ao sindicato. O xeique Turki Al-Sheikh, dono do Almería, da segunda divisão …

Chuva forte inunda Hospital de São José, em Lisboa

As chuvas fortes que se fizeram sentir esta quinta-feira inundaram o Hospital de São José, em Lisboa, deixando algumas salas alagadas. A informação é avançada pelo Correio da Manhã, que publicada algumas fotografias nas quais se …

Aos 58 anos, Carlos Sainz volta a fazer história ao conquistar o seu terceiro Dakar

Carlos Sainz reforçou o estatuto de piloto mais veterano a conquistar o Dakar, ampliando assim por mais um par de anos o recorde que já lhe pertencia. O espanhol Carlos Sainz (Mini) conquistou a terceira vitória …

Alunos até ao 6.º ano vão poder ficar nas escolas das 9 às 17 horas

O princípio da Escola a Tempo Inteiro (ETI), que permite prolongar o horário escolar dos alunos do 1.º ciclo através de Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC), vai ser também alargado aos estudantes do 2.º ciclo. …

Bruno Fernandes corre risco de não fazer o último jogo contra o Benfica

Com a transferência de Bruno Fernandes para o Manchester United quase fechada, o internacional português corre o risco de não alinhar esta sexta-feira no dérbi com o Benfica. A notícia avançada hoje pelo Correio da Manhã …

Carreiras chama "traidor" a Rio (e considera que Passos Coelho voltará a unir o partido)

O autarca de Cascais, Carlos Carreiras, classifica Rui Rio como "traidor" e considera que, "se e quando decidir voltar", Pedro Passos Coelho voltará a unir o PSD. Carlos Carreiras, presidente da maior autarquia social-democrata do país, …

Docentes com mais de 60 anos podem deixar de dar aulas

Tiago Brandão Rodrigues colocou em cima da mesa a opção de docentes com mais de 60 anos poderem deixar de dar aulas e passar a desempenhar outras atividades nas escolas. Na nota de apresentação do Orçamento …