Investigação conclui “com grande certeza” que sauditas piratearam telefone de Jeff Bezos

(dr) European CEO

Jeff Bezos, CEO da Amazon

O Governo saudita pirateou o telefone do dono da Amazon e um dos homens mais ricos do mundo, o norte-americano Jeff Bezos, obtendo assim informações privadas, segundo adiantou um responsável de segurança.

“Os nossos investigadores e vários especialistas concluíram com grande certeza que os sauditas tinham acesso ao telefone de Bezos e obtiveram informação privada”, escreveu o chefe de segurança Gavin De Becker (dono de uma empresa privada), num artigo publicado esta semana no The Daily Beast.

De Becker explicou que concluiu a investigação encomendada por Bezos sobre a publicação, em janeiro passado, pelo National Enquirer, de mensagens de texto privadas entre o empresário e a ex-apresentadora de televisão Lauren Sánchez.

O responsável faz uma ligação dos ‘hackers’ à Arábia Saudita devido à enorme cobertura que o Washington Post, propriedade de Jeff Bezos, tem feito sobre o assassinato do jornalista saudita Jamal Khashoggi, que trabalhava nos Estados Unidos e morreu no consulado do seu país em Istambul, no ano passado.

O tabloide publicou no final de janeiro a troca de mensagens românticas entre Jeff Bezos e Lauren Sánchez, com quem o dono da Amazon teve uma relação extraconjugal.

Entretanto, em fevereiro passado, Bezos acusou a empresa detentora do tabloide de o chantagear com a publicação de textos e fotos íntimas para que o dono da Amazon parasse a investigação de De Becker sobre como é que a informação tinha sido obtida pelo National Enquirer. Na altura o dono da Amazon explicou que David Pecker, presidente da American Media Inc, que detém o tabloide, contactou-o através de intermediários mútuos referindo que seriam publicadas fotos e mensagens privadas se a investigação não terminasse.

“Claro que não quero que sejam publicadas fotos pessoais, mas também não quero participar nas suas conhecidas práticas de extorsão, favores políticos, ataques políticos e corrupção”, disse Jeff Bezos sobre a American Media Inc.

Segundo o Wall Street Journal, o irmão da ex-apresentadora, Michael Sanchez, terá vendido as mensagens ao tabloide, mas para De Becker o negócio ultrapassa a capacidade daquele interveniente.

“É claro que MBS [príncipe herdeiro da Arábia Saudita] toma o Washington Post como seu inimigo maior”, escreveu De Becker, embora o senado norte-americano tenha apontado Mohammed bin Salman (MBS) como “responsável” da morte de Khashoggi.

A empresa Gavin De Becker and Associates, criada em 1979 em Los Angeles, é considerada uma das melhores na área de proteção de figuras públicas, dirigentes de empresas ou personalidades políticas nos Estados Unidos. O responsável disse que entregou a sua investigação a funcionários federais dos Estados Unidos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Nicolas Bourbaki foi o maior matemático de sempre (mas nunca existiu)

Considerado como um dos maiores matemáticos de sempre, Nicolas Bourbaki não passava de um pseudónimo adotado por um grupo de grandes matemáticos, que revolucionou a matemática como a conhecemos. Nicolas Bourbaki está entre os maiores matemáticos …

No aquário do Tennessee, é uma enguia que acende as luzes da árvore de Natal

A enguia Miguel Wattson é a responsável pelo espírito natalício que se vive no Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos. O Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos, encontrou uma forma inusitada de celebrar esta época festiva: …

Há 34 anos, Diana dançou com Travolta. Agora, o seu vestido foi vendido por 261 mil euros

O vestido que a Princesa Diana usou para jantar na Casa Branca, em 1985, foi vendido por mais de 261 mil euros. O vestido azul que a Princesa Diana usou num jantar na Casa Branca, em …

Doentes crónicos com baixo nível de literacia em saúde recorrem mais às urgências

Os doentes crónicos e com um nível de literacia em saúde mais baixo utilizam mais vezes os serviços de urgência hospitalares e dos centros de saúde, bem como as consultas de medicina geral e familiar, …

Ártico viveu em 2019 o segundo ano mais quente em 119 anos

O Ártico viveu em 2019 o seu segundo ano mais quente desde 1900, de acordo com um relatório publicado na terça-feira, aumentando receios de degelo e aumento do nível da água. O Polo Norte está a …

Jardineiro encontra por acaso a obra mais procurada de Gustav Klimt. Estava no galeria onde foi roubada

Um funcionário da galeria de arte Ricci Oddi, na cidade italiana de Piacenza, encontrou por acaso a obra mais procurado do pintor austríaco Gustav Klimt. Estava na própria galeria, onde a obra terá sido roubada …

YouTube reforça políticas contra assédio online

O YouTube anunciou, esta quarta-feira, um conjunto de alterações às políticas que visam combater o assédio que existe na plataforma. O YouTube anunciou esta quarta-feira o reforço das suas políticas contra o assédio online, que preveem …

Deus bebé indiano vence caso em tribunal e reinvindica território sagrado

O Supremo Tribunal Indiano declarou Ram Lalla Virajman, um deus bebé, como o legítimo proprietário de Ayodhya, uma terra no norte da Índia considerada sagrada por muçulmanos e hindus. O tribunal decidiu que o Governo …

China usa comités partidários para manipular empresas estrangeiras

Em outubro, quando a Liga Norte-Americana de Basquetebol (NBA) tentou voltar atrás no apoio aos protestos em Hong Kong, foi criticada por se submeter ao regime autoritário da China. Mas são cada vez mais as …

Ângelo Rodrigues, Flamengo e Tinder. Os temas mais procurados pelos portugueses no Google

Ângelo Rodrigues, Flamengo, como saber onde votar, como funciona o Tinder e "Game of Thrones" estão entre os tópicos que os utilizadores portugueses do Google mais pesquisaram ao longo de 2019. Os dados são divulgados …