Iniciativa Liberal defende taxa única de IRS e liberdade de escolha da escola

Gatopolitico / Wikimedia

Carlos Guimarães Pinto, presidente do Iniciativa Liberal.

Esta é a primeira vez que o partido concorre a umas eleições legislativas e, em declarações à agência Lusa, o presidente do partido e cabeça-de-lista pelo círculo do Porto, Carlos Guimarães Pinto, destacou algumas das propostas do programa eleitoral.

O partido Iniciativa Liberal vai propor uma taxa única de IRS e a liberdade de escolha da escola no programa eleitoral que vai apresentar às eleições legislativas de 6 de outubro, foi esta quinta-feira anunciado.

Esta é a primeira vez que o partido concorre a umas eleições legislativas e, em declarações à agência Lusa, o presidente do partido e cabeça-de-lista pelo círculo do Porto, Carlos Guimarães Pinto, destacou algumas das propostas do programa eleitoral.

“As principais bandeiras vão ser a liberdade de escolha — é bastante importante devolver a liberdade de escolha, que as pessoas possam escolher a forma como os seus impostos são gastos — e também a libertação das pessoas do Estado fiscal totalitário que temos hoje”, começou por dizer o líder do partido.

Nesse âmbito, a Iniciativa Liberal (IL) defende a instituição de uma taxa única de IRS, de 15%, que “se enquadra, tanto na redução da carga fiscal, como na simplificação dos impostos, evitando vários tipos de distorções que existem na economia“.

Na ótica do candidato, “toda essa complicação que hoje as pessoas têm e que tem um peso na economia seria reduzida com esta taxa única”.

“Todo este processo de simplificação e redução fiscal, que ajudou outros países a crescerem e a estarem hoje com uma economia mais forte do que a nossa, é só isso que queremos trazer”, sublinhou.

Carlos Guimarães Pinto participou hoje numa conversa organizada pelo partido, que decorreu em Lisboa, e na qual o dirigente explicou algumas das questões defendidas pelo partido.

“Nós falámos aqui um bocadinho sobre isso, da forma como as pessoas têm medo de cada vez que recebem uma carta das Finanças, da forma como as empresas não investem devido, tanto à carga fiscal, como em relação aos problemas que podem resultar daí. E a defesa da pessoa do Estado fiscal totalitário vai ser uma das nossas principais bandeiras também”, apontou.

Neste sentido, a IL defende também a “retirada do poder à administração fiscal, como a questão da execução prévia que hoje tem e que não deveria ter”.

“Passa também por, não só reduzir a carga fiscal das pessoas, mas aquilo que pagam ao Estado, depois poderem escolher a forma como é aplicado, em que escola é que querem que os seus filhos estudem, em que hospital é que querem ser tratados”, acrescentou Carlos Guimarães Pinto.

Assim, especificou, o partido pretende o “alargamento da ADSE a todos os portugueses”, com o objetivo de “aumentar a liberdade de escolha, ou seja, para que as pessoas possam escolher se querem ser tratadas no privado ou no público”.

O presidente da IL advogou ainda que “hoje a restrição da escolha da escola à morada, ao local onde a pessoa vive, é um dos maiores fatores de desigualdade e discriminação no acesso à educação”.

“Nascer num bairro pobre não deve ser decisivo na escola para onde a pessoa pode ir. Se uma pessoa nasce nesse bairro e tem uma má escola, deve poder optar para ir para outra escola, mesmo que essa escola seja fora da rede pública”, vincou.

Notando que “a educação é um dos principais fatores de mobilidade social do país”, Carlos Guimarães Pinto defendeu que não pode haver restrição “a que tipo de escola é que alguém que nasça num bairro pobre tem acesso”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O cometa interestelar 2I/Borisov partiu-se em dois

O cometa interestelar 2I/Borisov, o primeiro do seu tipo a ser descoberto em agosto do ano passado, começou a dividir-se em duas partes na semana passada. As imagens contínuas do telescópio espacial Hubble do objeto interestelar …

Estudo estima 471 mortes em Portugal até agosto (e que o pico foi atingido a 3 de abril)

De acordo com as estimativas do estudo, cerca de 151.680 pessoas vão morrer na Europa durante a "primeira vaga" da doença. Um estudo divulgado esta terça-feira nos Estados Unidos estima que a covid-19 venha a provocar …

Mais de metade da população mundial está fechada em casa

Mais de metade da população mundial (52%) está atualmente confinada nas suas casas por ordem das autoridades para combater a propagação da doença covid-19. Segundo um balanço feito pela agência France Fresse (AFP), mais de quatro …

Documentário da Netflix reacende debate sobre os milhares de tigres em cativeiro nos Estados Unidos

A minissérie documental da Netflix "Tiger King: Morte, Caos e Loucura" veio reacender o debate sobre os grandes felinos que estão em cativeiro, frisando que há cerca de 10.000 espécimes nestas condições nos Estados Unidos. …

Luciano venceu a covid-19 aos 100 anos. Teve direito a bolo, a um desenho e a uma alta hospitalar

Luciano Marques da Silva completou 100 anos no hospital de São João, no Porto, onde se encontrava hospitalizado devido à infeção por covid-19. Depois de dez dias de internamento, conseguiu vencer e recebeu alta. No dia …

Geneinno S2, a scooter subaquática que o impulsiona entre as ondas

Há dois anos, foi anunciada a Trident, uma scooter subaquática fabricada pela startup chinesa Geneinno. Agora, a empresa lançou um modelo mais barato e portátil, conhecido como Geneinno S2. O Trident - ou Geneinno S1 - …

WhatsApp restringe opção de reencaminhar mensagens para evitar desinformação

A rede social anunciou que vai passar a restringir o reencaminhamento de mensagens para tentar diminuir a disseminação de informação falsa sobre a pandemia de covid-19. De acordo com a revista Newsweek, a partir desta terça-feira, …

"Mostre-me a sua identificação." Na Tunísia, um robô pergunta às pessoas por que não estão em casa

Nas ruas de Túnis, a capital da Tunísia, um robô não pilotado aborda as pessoas na rua e pergunta-lhes por que não estão em casa, exigindo-lhes um documento de identificação. A Tunísia está em confinamento obrigatório …

Putin não quer repetir os erros dos outros países

Vladimir Putin diz que "o pico da epidemia ainda não foi superado", mas garante que tem "em consideração as experiências positivas e negativas de outros países". O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou esta terça-feira para …

É possível fazer uma máscara de tecido em apenas alguns segundos

O cirurgião-geral norte-americano Jerome Adams disse que as máscaras faciais de pano podem ser feitas a partir de utensílios domésticos comuns. No início do mês, Jerome Adams, cirurgião-geral dos Estados Unidos, deixou um aviso ao público …