/

Infarmed chama PJ e ASAE para investigar uso indevido de testosterona

Linden Tea / Flickr

A autoridade do medicamento esclareceu que há apenas três medicamentos com testosterona autorizados em Portugal, pois têm indicações terapêuticas “bem estabelecidas”. 

A autoridade do medicamento (Infarmed) pediu a colaboração da Polícia Judiciária (PJ), da ASAE e da Inspeção-Geral das Atividades em Saúde (IGAS) para investigar eventuais usos de medicamentos contendo testosterona no circuito ilegal.

A informação surge numa altura em que circulam notícias que garantem que o ator Ângelo Rodrigues, internado recentemente numa unidade hospitalar, tomou injeções de testosterona, adianta o Expresso.

Numa nota enviada à comunicação social, o Infarmed revela que estão autorizados em Portugal três medicamentos contendo testosterona, com indicações terapêuticas “bem estabelecidas” e cuja utilização carece de prescrição para a sua dispensa. O infarmed adianta ainda que a sua administração é efetuada por profissionais de saúde.

em relação ao eventual desvio de medicamentos utilizados no circuito legal para circuitos paralelos, “o Infarmed desencadeou ações de averiguação dessas eventuais situações”, tendo solicitado para isso a intervenção da PJ e outras entidades, nomeadamente Inspeção-Geral das Atividades em Saúde (IGAS) e Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), se necessárias, à investigação.

Ainda assim, o Infarmed garante que, este ano, “não existe qualquer reporte de uso ilícito destes medicamentos no circuito legal” comunicado a esta autoridade.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE