Hominídeos antigos podem ter vivido com humanos modernos na Arábia Saudita

(dr) Ian R. Cartwright / Palaeodesert

Ferramentas de pedra da Cultura Acheuleana

A História da origem humana mudou de novo. A descoberta de ferramentas de pedra na Arábia Saudita sugere que os Hominídeos viveram na Península Arábica na mesma época que os Homo sapiens. Estas ferramentas fornecem evidências da presença humana onde não há fósseis para análise.

No período de 240 a 190 mil anos atrás, parentes humanos antigos viveram na Península Arábica tendo-se espalhado pelo coração da região. Esses antigos parentes humanos persistiram durante tanto tempo que poderiam ter encontrado alguns humanos modernos, como o Homo sapiens, avançaram investigadores num novo estudo, publicado recentemente na Scientific Reports.

A equipa de cientistas fez esta descoberta numa viagem à Arábia Saudita, na qual examinaram e dataram machados de pedra que esses antigos parentes humanos construíram.

Desta forma, a equipa de investigadores examinou os machados feitos pelos Hominídeos, que antecederam os Homo sapiens. “Por outras palavras, os Hominídeos fizeram a divisão entre a linha que originou os nossos ancestrais e a linha que deu origem aos ancestrais dos chimpanzés”, explicou a investigadora e autora principal do estudo Eleanor Scerri, do Instituto Max Planck para a Ciência da História da Humanidade, na Alemanha.

À Live Science, a investigadora adiantou que os Hominídeos tinham cérebros muito pequenos e fabricavam as suas próprias ferramentas. “No entanto, os Hominídeos posteriores tinham cérebros maiores e eram mais sofisticados. Em vez de baterem pedras para produzir pedaços de pedra com arestas afiadas, criaram artefactos simétricos chamados machados de mão.”

As ferramentas, habilmente moldadas, são conhecidas como ferramentas acheuleanas. Estes instrumentos, chamados de “canivete suíço da pré-história”, datam de 1,5 milhão de anos atrás, e integram a tradição de fabricação de ferramentas mais duradoura da História.

É muito raro encontrar ossos de Hominídeos. Por esse motivo, as ferramentas acheuleanas são um importante substituto para os cientistas, quando estes tentam descobrir quando e onde moravam os Hominídeos.

No entanto, não está claro que Hominídeos fizeram os machados encontrados na Arábia Saudita. “Ainda assim, os Hominídeos que foram encontrados com ferramentas acheuleanas incluem o Homo erectus, que foi, provavelmente, um ancestral direto dos humanos”, disse Scerri.

Até agora, pouco se sabia sobre os grupos acheuleanos da Península Arábica, a região entre a África e a Eurásia. Durante esta investigação, os arqueólogos reuniram-se em Saffaqah, um sítio arqueológico na província de Riad, na Arábia Saudita. Já haviam sido encontrados instrumentos neste lugar, mas durante as mais recentes escavações os investigadores encontraram mais de 500 artefactos de pedra adicionais.

Em termos práticos, a datação das ferramentas acabou por revelar que os Hominídeos viviam em Saffaqah há pouco mais de 188 mil anos, tornando-se o mais novo local acheuleano no sudoeste asiático.

Esta descoberta é importante na medida em que mostra que o acheuleano da Arábia terminou um pouco antes (ou até ao mesmo tempo) que os primeiros Homo sapiens chegarem à região. Isto supõe possíveis encontro entre diferentes espécies.

Para a datação das ferramentas, a equipa usou a datação por luminescência, um método que mede a luz que é emitida pela energia armazenada em certos tipos de rocha e solo.

“Quando os minerais são enterrados, não conseguem armazenar mais energia. Ao aquecer os minerais, a energia armazenada desvanece, e a quantidade de energia ‘esvaziada’ dá uma medida de um ponto no tempo em que esse mineral foi exposto pela última vez à luz do dia”, explicou a investigadora.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Teresa Leal Coelho admite processar ex-vereador Fernando Nunes da Silva

A vereadora da Câmara Municipal de Lisboa Teresa Leal Coelho admitiu que poderá vir a processar o antigo vereador Fernando Nunes da Silva, devido às declarações sobre a reposição dos sentidos de circulação na Avenida …

Linha de Fundo: Benfica reforça liderança, mais recados de Conceição, um jardim de infância especial e João “rosa” Almeida

Era uma vez um Clássico... Deu empate o primeiro clássico da época 2020/21. Em Alvalade, Sporting e FC Porto igualaram-se a duas bolas, num jogo que valeu pelas mudanças de resultado, mas que nem sempre foi …

CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está "chocado" por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa. O …

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …