Distanciamento de 2 metros e lugares cruzados. Há novas regras para restaurantes e cafés

Patrícia de Melo Moreira / AFP

As orientações para restaurante e cafés mudaram. Apenas pessoas que vivem juntas não são obrigadas a manter um distanciamento de dois metros entre si.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) atualizou as orientações para restaurantes e cafés durante a pandemia de covid-19. As novas regras devem estar visíveis para os clientes e o distanciamento de dois metros deve ser garantido em todas as ocasiões — até no pagamento.

Apenas as pessoas que viviam juntas podem estar a menos de dois metros de distância e frente a frente ou lado a lado, escreve o Jornal de Notícias. A atualização foi publicada no site da DGS esta sexta-feira.



Para os que não vivem juntos, “a disposição das cadeiras e mesas no interior do estabelecimento tem de garantir uma distância de, pelo menos, 2 metros”, lê-se na norma.

A orientação da DGS pressupõe que os cidadãos saibam exatamente a norma em vigor ou que quem os serve pergunte se são coabitantes, esclarece o Expresso.

Os clientes também estão impedidos de mudar a disposição das mesas e das cadeiras. Apenas os trabalhadores do estabelecimento o podem fazer, cumprindo sempre com as orientações da DGS.

Os clientes devem sentar-se na diagonal e os estabelecimentos devem colocar as mesas desfasadas, aumentando a distância entre as pessoas.

Por sua vez, os lugares de pé são desaconselhados, uma vez que é difícil controlar o distanciamento físico desta forma. O mesmo aplica-se às “operações do tipo self-service”.

A DGS pede ainda aos cafés e restaurantes que criem “circuitos” para manter o distanciamento “entre as pessoas que circulam e as que estão sentadas”.

Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Medidas que parecem lógicas, coerentes, do bom senso comum. O oposto foi o que o Governo, leia-se o MAI, e a CML permitiram na celebração do Sporting, sem terem tomado quaisquer medidas para evitar o que toda a gente (inclusivamente a PSP) sabia que iria passar-se. Depois os responsáveis que culpem a PSP por ter tentado impedir o descalabro, e que assumam o aumento da taxa de infecção/ 100000 habitantes na região de Lisboa e Vale do Tejo… Os outros que paguem…

  2. e ao pé cochinho!

    e as pessoas continuam a acatar sem pestanejar ou raciocinar estas idiotices sem qq fundamento cientifico.

    enquanto isso milhares de pessoas vão morrer de cancro por não terem sido diagnosticadas e tratadas a tempo, mas isso já não causa qq problema nem é passível de contagem crescente de vítimas nos telejornais.

  3. Então e se eu for com 4 amigos ao café, tem de estar um em cada mesa?
    Isto é macabro.
    O que vale é que se nos perguntarem se coabitamos todos, é claro que a resposta vai ser: Sim, Claro.

  4. Quantos cafés e restaurantes, não cumprem as regras !!
    Pessoas a conversar a mesa sem mascaras , pessoas que estando a mesa , saem sem por a mascara ,
    excesso de lotação, sem distanciamento entre mesas , entrada e saida sem desinfetar as mãos, cães a comer da mão dos donos , e outras
    Informações é o habitual .
    O mais triste , a PSP, estar no local e não dizer nada !!!
    Passa-se na localidade onde moro !!!
    Será que os jogadores que comemoram , foram autuados e o restaurante???
    Por estes e outros ‘ favores’ isto nunca mais acaba .
    Cuidem-se

  5. Ainda falam do caso Sporting? O que se passou no Sporting é a prova mais do que provada da grande farsa chamada Covid. Aconteceu alguma coisa?? Não! E porquê? Porque a Civic é uma invenção para manter o Povinho com rédea curta. E pelos vistos há quem goste…

    • Ó Tony… já deu para perceber que andas de honda civic… Quanto ao resto um conjunto de disparates. Vê a evolução que Lisboa registou nos últimos dias e depois volta cá.

  6. Se as autoridades afirmam que as vacinas não inibem os contágios e transmissões… então nunca estas medidas deixarão de vigorar porque risco existirá sempre.
    Faz-vos sentido?

  7. A DGS esta a estudar a possibilidade de aumentar a lotação dos restaurantes e cafés de 25%, as pessoas que entrarem dentro desses 25% terão de entrar nos estabelecimentos a fazer o pino de modo a aumentar a distancia útil de respiração entre as pessoas presentes no mesmo.

    • A notícia que o amigo veicula está apenas parcialmente correta. Esqueceu-se de referir que os que entrarem a fazer o pino não estarão desobrigados do recurso à máscara. Apenas a poderão tirar no momento do consumo o qual, obviamente, deverá ser realizado mantendo a posição com que entraram no estabelecimento.

RESPONDER

Ousmane Dembélé

França com baixa de peso (e há quem peça "a equipa B contra Portugal")

A Selecção francesa não vai poder contar com Ousmane Dembélé para o jogo de quarta-feira contra Portugal, no encerramento da fase de grupos do Euro 2020. Uma lesão tira o avançado do Barcelona do torneio. O …

Portugal regista recorde de alunos estrangeiros no Ensino Superior

A procura de alunos estrangeiros por instituições de Ensino Superior portuguesas atingiu o valor mais alto de sempre: 3.483 candidaturas feitas por estudantes internacionais até 31 de maio. Os dados são avançados pelo Ministério da Ciência, …

FC Porto já tem acordo por Kim Min-jae

O FC Porto já chegou a acordo com o Beijing Guoan para a contratação de Kim Min-jae, defesa-central de 24 anos. O sul-coreano é treinado por Paulo Bento na seleção e já andava sob a mira …

Única central nuclear iraniana suspende atividade após situação de emergência

A única central nuclear do Irão registou, este domingo, uma situação de emergência temporária que implicou a suspensão da sua atividade e por motivos ainda inexplicáveis, informou a televisão estatal. Um responsável da empresa elétrica estatal …

Forças Armadas com mais 252 operacionais prontos para apoiar no combate à pandemia

As Forças Armadas têm 252 militares prontos para ajudar no combate à pandemia, dos quais mais de metade para apoiar a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT). Atualmente, esta é a …

UEFA investiga incidentes discriminatórios no Hungria-Portugal

A UEFA anunciou ter aberto um inquérito para apurar “eventuais incidentes discriminatórios” nos jogos da Hungria, no Euro 2020 de futebol, com Portugal (0-3) e França (1-1), disputados na Arena Puskás, em Budapeste. De acordo com …

Financiamento da TAP travado em Bruxelas

O plano de reestruturação da TAP, que prevê injetar na empresa até 3,72 mil milhões de euros até 2024, continua à espera de uma resposta de Bruxelas. O Governo esperava obter luz verde de Bruxelas em …

Jogos Olímpicos vão poder ter até 10 mil japoneses nas bancadas

As autoridades japonesas decidiram permitir que até 10 mil espetadores possam assistir aos eventos dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 nas bancadas, mesmo reservando o direito de reverter a decisão. Segundo o anúncio dos organizadores, as autoridades …

Arqueólogos descobriram que viveram pessoas no "Stonehenge alemão"

Arqueólogos descobriram que viveram pessoas no "Stonehenge alemão", um local arqueológico conhecido pelas evidências de rituais e sacrifícios humanos. De acordo com o site Live Science, uma equipa de arqueólogos encontrou cerca de 130 casas no …

Preços das casas não subiam tanto há mais de dois anos

Os preços da habitação registaram uma subida de 2,5% em relação ao mês anterior. Não subiam tanto há mais de dois anos. O preço de venda das casas em Portugal Continental registou um aumento de 2,5% …