Nova adversária de Guterres “entra nos últimos 100 metros para tentar ganhar a maratona” na ONU

EU2016NL / Flickr

Kristalina Georgieva, comissária europeia para o Orçamento e Recursos Humanos

Kristalina Georgieva, comissária europeia para o Orçamento e Recursos Humanos

A Bulgária mudou a sua candidata ao cargo de secretário-geral da ONU, substituindo Irina Bokova por Kristalina Georgieva, anunciou o primeiro-ministro do país, citado pela AFP. Marcelo Rebelo de Sousa considera que a candidata entra nos últimos 100 metros para tentar ganhar a maratona.

Kristalina Georgieva, candidata apoiada pela chanceler alemã, Angela Merkel, é considerada a mais difícil adversária do ex-primeiro-ministro português António Guterres na corrida à liderança das Nações Unidas.

O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro búlgaro Boiko Borissov hoje em Sofia.

“Nós acreditamos que é uma candidatura de sucesso”, disse o chefe do governo de centro-direita aos jornalistas na capital búlgara referindo-se à atual comissária europeia para o Orçamento e Recursos Humanos.

Kristalina Georgieva foi comissária europeia para a Cooperação Internacional, Ajuda Humanitária e Resposta à Crise, entre 2010 e 2014, e pertence ao partido conservador Cidadãos pelo Desenvolvimento Europeu da Bulgária, ligado ao Partido Popular Europeu (ao qual pertencem PSD e CDS).

O nome de Irina Bokova tinha sido proposto pelos socialistas da Bulgária.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, comparou a candidatura de Kristalina Georgieva às Nações Unidas a um concorrente que entra nos últimos 100 metros para tentar ganhar a maratona, sublinhando que António Guterres é um “maratonista natural”.

“Por princípio, Portugal respeita e saúda todas as candidaturas. No entanto, tive aquela sensação de estar a ser corrida uma maratona e de repente aparecer um concorrente que entra nos últimos 100 metros para tentar ganhar a maratona“, afirmou o chefe de Estado em declarações aos jornalistas à saída do congresso da Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações, que decorre em Lisboa.

O Governo português, por seu lado, disse ver “com serenidade” a entrada de Kristalina Georgieva na corrida à liderança das Nações Unidas, hoje anunciada pela Bulgária, reiterando o valor da candidatura de António Guterres, que foi “transparente e a tempo”.

Em declarações à TSF, Augusto Santos Silva lembra que esta é apenas mais uma candidatura e não acredita que vá tornar “mais difícil” o processo avançado por Portugal.

“Apresentámos a candidatura do engenheiro António Guterres no fim do mês de fevereiro. Fizemo-lo a tempo, com toda a transparência e de forma a que António Guterres fosse sujeito a todas as provas e passos que o processo de seleção a secretário-geral das Nações Unidas hoje exige”, algo que considerou ser “um comportamento exemplar”, afirmou ainda o ministro dos Negócios Estrangeiros.

AF, ZAP / Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Está tudo podre. Só jogos de bastidores.
    O Centro-Direita não quer perder o comando da “Europa” com a porca do costume a comandar…

    • Sem duvida. É uma autentica vergonha e revela bem os jogos de bastidores.
      É uma vigarice pegada e só mesmo compreensível na lógica que referiu, e bem.
      Não faz qualquer sentido, nem devia ser autorizado, esta senhora entrar na corrida, nesta altura do “campeonato”. É um tratamento desigual face a todos os outros candidatos.
      Quanto a Guterres, espero que ganhe, não apenas por ser português. Trata-se de uma pessoa extremamente humana, condição fundamental para organizações deste tipo, que lidam com a miséria, a falta de dignidade e a desumanização cada vez maior no Mundo. Trata-se ainda dum homem honesto, sério, de quem nunca se ouviu falar em trafulhices, contraraiamente a muitos outros que têm passado pela politica.
      A mim interessam-me dados oficiais, os do INE. Conversa de chácha há muita, geralmente oriunda daqueles que não são da côr politica dele ( a clubite ás vezes tem destas coisas e, provavelmente alguns até acham que Durão Barroso foi um grande presidente da comissão europeia, só porque é da cor), mas enfim.

    • Seria melhor para Portugal, Europa e restante mundo que Guterres fosse afastado. Guterres é um brinde para o Daesh, que tem na invasão dos refugiados islâmicos uma forma de introduzir os seus operacionais nos países “infiéis”.
      Guterres é um fraco em liderança e um incompetente em gestão e … contas. “…é só fazer a conta ! ”
      Ser português, não é argumento suficiente para todos lhe colocar-mos a mão debaixo.
      Guterres é um socialista terceiro-mundista. Não é um líder realista e pragmático.
      Espero que fique em 2º lugar !

  2. Mais uma vez a direita bafienta que controla a UE com os desastrosos resultados que estão á vista tenta á revelia das boas práticas e regras de conduta que devem ser observadas por pessoas de bem, tenta afastar um candidato que cumpriu todos o requesitos, mesmo informais, normais neste tipo de assunto, propondo uma candidata tirada da cartola na ultima fase do processo.
    Uma vergonha.

RESPONDER

Ucrânia perdeu 11 milhões de habitantes desde 2001

A Ucrânia perdeu mais de 11 milhões de habitantes desde o último censo de 2001 devido à imigração, à anexação da Crimeia e à guerra no leste do país. De acordo com os novos dados oficiais, …

CGD sobe comissões a partir deste sábado (incluindo MB Way)

As transferências por MB Way, as contas-pacote e os serviços mínimos bancários na Caixa Geral de Depósitos vão sofrer um agravamento a partir deste sábado. Tal como tinha sido anunciado em outubro do ano passado, a …

Isabel dos Santos não vai ser detida se for a Angola, garante PGR

O procurador-geral da República de Angola afirmou, esta sexta-feira, que a justiça quer esgotar todos os procedimentos para notificar a empresária angolana antes de pedir um mandado internacional de captura. "Primeiro vamos esgotar a possibilidade de …

Assange deixa ala médica da prisão e passa para área com outros reclusos

O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, foi transferido da ala médica da prisão de Belmarsh, no sudeste de Londres, onde estava isolado, para uma área da prisão com outros presos, anunciou hoje um membro do …

"Saudações da Tailândia." Depois de fugir da prisão, Sekkaki enviou um postal aos diretores

Depois de fugir da prisão, Oualid Sekkaki provocou os responsáveis do estabelecimento prisional e enviou-lhes um postal. Em dezembro do ano passado, Oualid Sekkaki e outros quatro indivíduos fugiram do estabelecimento prisional de Turnhout, na Bélgica. …

Irlanda. Tribunal decide extraditar motorista acusado da morte de 39 migrantes vietnamitas

O tribunal de Dublin sentenciou, esta sexta-feira, que o motorista acusado da morte de 39 imigrantes vietnamitas - encontrados em outubro num contentor refrigerado, perto de Londres - pode ser extraditado para o Reino Unido, …

Atriz norte-americana confronta em tribunal Weinstein com acusação de violação

A atriz americana Annabella Sciorra, conhecida por ter participado na série "Os Sopranos", confrontou na quinta-feira o produtor Harvey Weinstein em tribunal, acusando-o de a ter violado, em meados dos anos 1990. Segundo avançou o Expresso, …

Mulher agride médica na Urgência do Hospital de Águeda

Uma médica foi agredida, esta quinta-feira, na Urgência do Hospital de Águeda, por uma mulher que acompanhava o filho a uma consulta. De acordo com o Jornal de Notícias, a médica, de 33 anos, que estava …

Polícia do Rio de Janeiro matou cinco pessoas por dia em 2019

A polícia do Rio de Janeiro matou 1.810 pessoas em 2019, um recorde de cinco mortes por dia e um aumento de 18% em relação ao ano anterior, informou o Instituto de Segurança Pública (ISP) …

Governo dedica 20 milhões do Orçamento ao combate à violência doméstica

O orçamento total para combater a violência doméstica em 2020 é de 20,3 milhões de euros, adiantou na quinta-feira a ministra de Estado e da Presidência no Parlamento, Mariana Vieira da Silva, sublinhando o reforço orçamental …