/

Guerra acesa. Ventura diz que PCP apagou Lenine do site, mas Comunistas mostram links sobre o líder

António Cotrim / Lusa

Debate televisivo entre André Ventura e João Ferreira

A guerra entre João Ferreira e André Ventura chegou às redes sociais. O líder do Chega acusa os comunistas de apagarem Lenine do site depois do debate de sábado à noite, porém o partido desmente e mostra os vários links disponíveis no site oficial sobre o 150º aniversário do fundador da União Soviética.

Depois de um aceso debate onde os dois candidatos presidenciais passaram quase todo o tempo a falar ao mesmo tempo e a trocar acusações, a guerra entre João Ferreira e André Ventura passou para o facebook.

O Chega publicou este domingo um post com o título “o comunismo tem vergonha” em que divide o tempo entre “Antes de Ventura” e “Depois de Ventura”.

De acordo com partido, já depois do debate, o PCP teria apagado do site um link que celebrava os 150 anos do nascimento de Lenine. “Muito mais temos para mostrar se necessário for, e para que fique provado e claro que se alguém mentiu descaradamente no debate de ontem à noite na TVI, esse alguém não foi seguramente André Ventura”, revela o Chega.

O PCP reagiu com a publicação de um dossier com o link do artigo que o Chega diz ter sido apagado, sendo que uma fonte da candidatura explicou ao Expresso que só esteve em destaque no site “na altura do aniversário do nascimento de Lenine”, em abril de 2020. “O banner é dinâmico e os conteúdos em destaque vão mudando. O do Lenine saiu há muito tempo, não foi mudado no dia do debate”.

No frente-a-frente com João Ferreira, depois de ter sido acusado de apoiar a Frente Nacional, partido de extrema-direita francês, André Ventura replicou: “Um candidato que tem no site dele e do partido dele que Cuba, Coreia do Norte e Vietname são boas referências para criar sociedades socialistas, eu acho que vir falar de outros países e dos líderes com que eu ando”.

O líder do Chega questionou ainda: “Porque é que o PCP apagou do site a referência à Coreia, a Cuba e ao Vietname? E porque é que o João Ferreira, candidato a Presidente, não é capaz de condenar os países tão próximos do seu partido e tão próximos de si, como é o caso da Coreia do Norte?”.

O candidato comunista desafiou Ventura a demonstrar o que dizia mas nas três horas que se seguiram ao debate, o site do PCP foi abaixo. Nas redes sociais, Ventura queixou-se então de a referência a Lenine ter sido apagada.

Segundo o Expresso, o site da candidatura de João Ferreira, que está dentro do site do PCP, não tem qualquer referência aos países de que Ventura falou. No site do PCP, há muitas referências recentes à “República Bolivariana da Venezuela” e críticas a todos os países, como Portugal, que criticam o regime de Nicolas Maduro.

A falha do site do PCP não está, pelo menos para já, a ser investigado pela PJ e, como avança o Expresso, os comunistas não apresentaram qualquer queixa sobre o sucedido.

  Ana Moura, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.