“Tem corrido tudo muito bem”. Governo desvaloriza incidente em Évora

José Sena Goulão / Lusa

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales

O secretário de Estado Adjunto da Saúde considerou o início da vacinação contra a covid-19 “uma luz ao fundo do túnel” e desvalorizou os incidentes em Évora, na segunda-feira, com o transporte das vacinas.

“Acho que nenhuma imagem deslustra aquilo que tem, de facto, sido muito importante” neste processo, “que é a luz ao fundo do túnel que é a vacina e, neste caso particular, a vacina aos nossos profissionais de saúde”, afirmou António Lacerda Sales, em Évora.

Questionado pelos jornalistas no Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), onde assistiu esta manhã ao início da vacinação dos profissionais de saúde, o secretário de Estado lembrou que o Governo “já abriu um inquérito” sobre os alegados incidentes entre a PSP e a GNR na distribuição da vacina, na segunda-feira, nesta unidade hospitalar.

Trata-se de “uma matéria do Ministério da Administração Interna (MAI) e, portanto, não vou comentar”, disse o governante, frisando, contudo, que o arranque da vacinação é “a imagem que ficará, com certeza, para a História e que se sobreporá a todas as outras questões”.

Já no Algarve, à margem de uma visita ao centro de vacinação improvisado no Hospital de Portimão, Lacerda Sales declarou que “os profissionais têm tido uma adesão à vacinação muito grande, o que dá um sinal de confiança para as pessoas e para os portugueses”.

O governante sublinhou que cada vacina que é administrada a um profissional de saúde é “uma garantia na resposta a cada um dos cidadãos portugueses”, assegurando que essa “mensagem e essa confiança tem passado” para os cidadãos.

Em relação aos números atuais da pandemia em Portugal, António Lacerda Sales é cauteloso, aditando que “a incerteza é muito grande”, apesar de o país estar “numa fase decrescente”, ainda assim “com uma incidência ainda alta”.

Vamos viver um período pós-festas e não sabemos os números que teremos. Estamos a preparar-nos o melhor possível para o que possa acontecer. Garantidamente estamos a preparar-nos para números menos bons, mas se não acontecerem melhor ainda”, declarou.

Questionado pelos jornalistas, o secretário de Estado afirmou que em relação à vacinação dos idosos a estratégia ainda está a ser definida, mas garantiu que quando chegar a altura dos lares, em janeiro, haverá uma “manifesta mensagem de solidariedade na proteção das faixas mais vulneráveis”.

A campanha de vacinação contra a covid-19 arrancou no domingo em Portugal, à semelhança de outros países da União Europeia. A vacina é facultativa, gratuita e universal, sendo assegurada pelo Serviço Nacional de Saúde.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

Cruz Vermelha estará a contratar enfermeiros por WhatsApp sem confirmar identidade nem validade da cédula

A Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) estará a contratar enfermeiros através da rede social WhatsApp para reforçar as equipas de enfermagem do Serviço Nacional de Saúde (SNS) para o processo de vacinação contra a covid-19 no …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …

Chega apresenta oito candidatos para o distrito do Porto. Ventura acredita que vai ter "grande resultado"

O líder do Chega anunciou este sábado oito candidatos às próximas eleições autárquicas no distrito do Porto, onde André Ventura acredita que o partido vai ter "um grande resultado". "Fizemos esta deslocação ao Porto para anunciar …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

"Novas dificuldades e entropias". Autarcas independentes exigem extinção imediata da CNE

Os presidentes de Câmara e representantes de movimentos independentes decidiram este sábado dar um novo prazo aos partidos para que estes possam alterar a lei eleitoral autárquica. Porém, exigem a extinção imediata da Comissão Nacional …