Governo aprova compra do SIRESP

Miguel A. Lopes / Lusa

O Governo chegou a acordo, esta quarta-feira à noite, para a compra do SIRESP, adquirindo a participação de 52,1% da Altice Portugal e os 14,9% da Motorola Solutions Portugal.

O acordo para a compra do Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança de Portugal (SIRESP) terá sido fechado esta quarta-feira à noite, com o Governo a concluir as negociações com as empresas privadas que detêm o sistema.

O confirmação foi dada em conferência de imprensa esta quinta-feira, após uma reunião do Conselho de Ministros. Assim, o Governo passa a deter 100% do SIRESP, ao adquirir as participações da Altice Portugal e da Motorola Solutions Portugal.

Segundo o Jornal Económico, o SIRESP, criado em 2006, tem ainda uma participação da Parvalorem — a sociedade gestora de ativos do Estado — de 33%.

O decreto-lei, aprovado hoje em Conselho de Ministros, “transfere integralmente para a esfera pública” as funções relacionadas com “a gestão, operação, manutenção, modernização e ampliação da rede SIRESP, e também a estrutura empresarial.

Ontem o ministro adjunto da Economia, Pedro Siza Vieira, já tinha dito em entrevista à SIC que o acordo seria alcançado em breve. Quanto aos valores pagos, Siza Vieira disse que o Estado pagaria “o justo valor que resulta dos livros da empresa”.

A transferência será feita a 1 de dezembro de 2019 e o Estado vai pagar sete milhões de euros, que corresponde a 33.500 ações, afirmou, no final da reunião, o secretário de Estado do Tesouro, Álvaro Novo.

Na semana passada, também António Costa tinha afirmado que o acordo estava prestes a ser concluído, faltando apenas selar alguns detalhes jurídicos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Uma prestação paga ao Bloco de Esquerda, da fatura das esquerdas unidas para salvar Costa da derrota eleitoral de 2015

  2. Agora já estão uma data de gulosos a afiar os dentes e a pensar como se vai ocupar um posto importante num sítio que movimenta muita massa, depois mais milhão menos milhão, nem se dá por falta…

    Espero sinceramente que o problema das comunicações fique resolvido de vez, que o posto de comando não fique em Lisboa, tudo dependente da internet, senão pode acontecer como é habitual “temos um problema de sistema, não podemos fazer nada, temos de esperar, resolvemos amanhã, etc…”.

    lembro-me que há uns anos num simulacro em Lisboa, o maior problema foram as comunicações, ninguém se entendia e se fosse a sério dava raia da brava.

  3. Então mas o SIRESP só dava falhas e agora vai-se comprar? Isto só de uma entidade Parva mesmo. Já se percebe o nome “parvalorem”, sendo que Lorem = “Força”, a própria entidade será uma Forte/Enorme/Energética Parvoíce.

Caso BPN. Relação condena dois dos absolvidos e agrava penas a outros dois

O Tribunal da Relação de Lisboa condenou esta quarta-feira dois dos três arguidos absolvidos no processo principal da falência do BPN, Ricardo Oliveira e Filipe Nascimento, e agravou as penas a dois dos 12 arguidos …

Operação Éter. Hermínio Loureiro entre as dezenas de autarcas arguidos

Hermínio Loureiro, ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis, está entre as dezenas de atuais e antigos autarcas que foram constituídos arguidos no âmbito da Operação Éter. Este processo levou à prisão preventiva do antigo presidente …

Proteção Civil quer que bombeiros voltem a ser obrigados a usar cinto de segurança

A estrada mata mais bombeiros do que os incêndios. Por isso, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil criou um grupo específico para analisar o problema. Rui Ângelo, chefe da Divisão de Segurança, Saúde e …

Estratégia prevê rede de bancos de leite materno e revisão das licenças para amamentar

A ENALCP apresentada esta quarta-feira prevê a criação de uma rede nacional de bancos de leite materno e a revisão dos diretos de parentalidade. Ambientes favoráveis deverão ser também revistos. A Estratégia Nacional para a Alimentação …

DGS aconselha grávidas e bebés vegetarianos a tomarem suplementos

A Direção-geral da Saúde recomenda suplementos de vitaminas e minerais para bebés e grávidas com alimentação vegetariana e lembra que a dieta não omnívora no primeiro ano de vida deve estar sempre sob supervisão médica. "A …

Entre os boletins de voto dos emigrantes, também há cheques e contas da luz

Para exercer o seu direito de voto, os eleitores portugueses residentes no estrangeiro deveriam enviar de volta para Portugal a documentação que receberam em casa – um envelope verde com o boletim de voto, dentro …

Ryanair despede 432 trabalhadores em Espanha

A companhia aérea irlandesa Ryanair confirmou esta quarta-feira a sua intenção de despedir em Espanha 432 trabalhadores das suas bases de Girona e Canárias, 327 tripulantes de cabine e 105 pilotos, informou o sindicato USO. Num …

Eleições em Moçambique. Dados preliminares dão vitória a Nyusi

Segundo as projeções de resultados da Sala da Paz, de acordo com valores “preliminares” baseados na leitura dos editais pelos seus observadores, o atual Presidente moçambicano e candidato da Frelimo, Filipe Nyusi, terá sido reeleito …

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …