A fronteira mais importante da China é imaginária: a Linha Hu

A Linha Hu, também conhecida como linha Heihe-Tengchong, é uma linha imaginária que divide a China em duas partes com áreas quase iguais. Estende-se da cidade de Heihe até Tengchong.

Desenhada pela primeira vez em 1935, a Linha Hu ilustra a divisão demográfica persistente no território chinês. Foi idealizada pelo geógrafo chinês Hu Huanyong, que lhe chamou uma “linha de demarcação geodemográfica”.

De acordo com dados da época, a oeste da linha estava 64% da área do território chinês, mas apenas 4% da população. Por sua vez, a leste da linha estava 36% da área, mas 96% da população vivia lá.

Estatísticas mais recentes, de 2002, mostram que a realidade pouco mudou, apesar de a população ter triplicado, de cerca de 500 milhões para 1,4 mil milhões de pessoas: a oeste da linha estava 6% da população, enquanto a leste estava 94%.

O reconhecimento da independência da Mongólia mudou ligeiramente a distribuição do território: a oeste está agora 57% da área, enquanto a leste está 43%.

Apesar da sua importância, não é possível encontrá-la em nenhum mapa oficial da China, nem no próprio país. A Linha Hu é tão invisível quanto imaginária, escreve o Big Think.

O clima e a geografia explicam esta dicotomia persistente na demografia chinesa. A leste da linha, o terreno é mais plano e húmido, o que significa que é mais fácil cultivar e, portanto, produzir alimentos. A oeste da linha, há desertos, montanhas e planaltos, com um terreno muito mais duro e um clima mais seco.

Isto faz com que as infraestruturas e a economia da China se concentrem essencialmente a leste da Linha Hu. O PIB per capita no oeste é 15% menor, em média, do que no leste. À noite, os satélites mostram uma área a leste a cintilar, enquanto a oeste se vê um cobertor de escuridão quase total.

NASA Earth Observatory / Wikimedia

Iluminação do território chinês à noite, vista de um satélite da NASA.

Além disso, embora a China seja um país bastante homogéneo a nível étnico – 92% são chineses Han – a maioria dos 8% que são minorias étnicas vivem à esquerda da linha. Distantes cultural e geograficamente do leste do país, tibetanos e uigures têm sido alvo de forte repressão do Governo chinês.

Daniel Costa Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Biden prepara-se para reconhecer massacre arménio como genocídio

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, está a preparar-se para reconhecer formalmente os massacres arménios do início do século 20 como genocídio, cumprindo assim uma promessa que fez durante a sua campanha, decisão …

Football Leaks. Consultor de cibersegurança aponta para ataque único à Doyen

A intrusão no sistema informático da Doyen terá resultado de um único ataque conduzido por uma pessoa e não várias, defendeu na quarta-feira o consultor inglês de cibersegurança contratado pelo fundo de investimento, no julgamento …

Cavaco Silva volta a estar ausente das cerimónias do 25 de Abril

O ex-Presidente da República já informou que não vai marcar presença na cerimónia comemorativa dos 47 anos do 25 de Abril, este domingo, no Parlamento, por continuar "a respeitar as regras sanitárias". Fonte oficial do gabinete …

No dia da Terra, os líderes mundiais juntaram-se para "passar à ação"

A Casa Branca organizou uma Cimeira de Líderes sobre o Clima, que decorre de forma virtual e durante dois dias. Começou esta quinta-feira, dia em que se comemora o Dia da Terra, e junta cerca …

Detido em Itália homem que terá fornecido arma ao autor do atentado de Nice em 2016

Um homem que teria fornecido uma arma ao autor do atentado com um caminhão na cidade francesa de Nice, em 14 de julho de 2016, foi detido na Itália, anunciaram na quarta-feira vários veículos de …

"Invisibilidade" do LGBTI nos Censos é alvo de críticas

A Associação ILGA Portugal - Intervenção Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo e o Bloco de Esquerda estão a criticar os Censos 2021 devido à ausência de perguntas relacionadas com identidade de género, o que …

Rússia vai dar início à retirada de tropas perto da fronteira com a Ucrânia

A Rússia anunciou que vai iniciar, esta sexta-feira, a retirada das suas tropas concentradas perto da fronteira com a Ucrânia e na Crimeia anexada, referindo que os exercícios foram concluídos. "As tropas demonstraram a sua capacidade …

KPMG desconhecia problemas no BESA que justificassem reserva às contas

A KPMG Portugal afirmou, numa carta enviada à comissão de inquérito do Novo Banco, que desconhecia factos no BES Angola que pudessem levar a uma opinião com reservas às contas do BES. A KPMG Portugal desconhecia …

Ferro Rodrigues está "perfeitamente de acordo" com Marcelo sobre enriquecimento ilícito

O presidente da Assembleia da República (AR) concorda com o Presidente quanto à urgência de melhorar a lei contra o enriquecimento ilícito e diz que isso pode ser feito sem pôr em causa princípios constitucionais. Numa …

Índia regista subida drástica de infeções e mortes. EUA com 200 milhões de vacinas tomadas

O número de novas infeções pelo coronavírus dispararam na Índia, com a falta de preparação do Governo e a forma como a pandemia tem sido gerida apontadas como causas para a subida dos casos e …