Fotojornalista refém da Al-Qaida morto em tentativa de resgate

Freedom for Kidnapped Journalist Luke Somers / Facebook

O foto-jornalista Luke Somers, refém da Al-Qaida no Iémen

O foto-jornalista norte-americano Luke Somers, mantido refém pela rede terrorista Al-Qaida no Iémen, foi morto este sábado, durante uma operação militar que visava a sua libertação, confirmou à agência France Presse um responsável iemenita.

Os Estados Unidos e o Iémen lançaram este sábado uma operação conjunta para tentar libertar o foto-jornalista Luke Somers, sequestrado há mais de um ano, em Sanaa, a capital iemenita.

Segundo o responsável iemenita, o foto-jornalista terá sido morto pela Al-Qaida durante a operação de resgate.

Dez militantes da Al-Qaida terão também sido mortos na operação, realizada na província de Shabwa, no Sudeste do Iémen.

O responsável iemenita, que pediu o anonimato, não adiantou mais pormenores, mas já antes a imprensa americana citava Jordan Somers, irmã do foto-jornalista, segundo a qual o irmão tinha morrido.

O secretário de Estado norte-americano, Chuck Hagel, confirmou entretanto a notícia, adiantando que Luke Somers e o professor sul-africano Pierre Korkie foram executados durante a missão de resgate.

Recentemente, os Estados Unidos tinham já tentado a libertação de vários reféns, incluindo Luke Somers, retidos no Iémen pela Al-Qaida.

“Vários reféns foram libertados mas outros, incluindo Somers, não estavam no edifício alvo da operação”, explicou o porta-voz do Departamento de Defesa norte-americano, John Kirby, em comunicado.

Num vídeo, divulgado na quinta-feira, o foto-jornalista surgia a dizer o nome e idade, afirmando que tinha sido raptado em setembro de 2013 na capital iemenita e que corria perigo de vida.

Segundo o The New York Times, as forças especiais norte-americanas terão conseguido na altura libertar oito reféns.

Resgatado suíço raptado há quase três anos nas Filipinas

Um cidadão suíço raptado por militantes islâmicos no sul das Filipinas há quase três anos foi resgatado este sábado durante confrontos entre soldados e os seus raptores, informou o exército.

Lorenzo Vinciguerra fugiu dos homens do grupo armado Abu Sayyaf durante os confrontos na remota ilha de Jolo, e foi resgatado pelos soldados, disse um porta-voz do comando regional do exército à AFP.

O suíço tinha sido raptado  no final de Janeiro de 2012 por homens armados no sul do arquipélago das Filipinas, juntamente com um cidadão holandêds, Ewold Horn.

Tawi-Tawi Provincial Police

O holandês Ewold Horn, à esquerda, como suíço  Lorenzo Vinciguerra, mantidos reféns em local desconhecido nas Filipinas

O holandês Ewold Horn, à esquerda, com o suíço Lorenzo Vinciguerra, à direita, mantidos reféns em local desconhecido nas Filipinas

Ivan Sarenas, um guia filipino dos dois europeus, descritos como observadores de pássaros, também foi raptado mas conseguiu pôr-se a salvo, ao saltar de um barco dos raptores e nadar até uma ilha remota.

Criado em 1991, o Abu Sayyaf é composto por cerca de 400 rebeldes, a maioria antigos combatentes da guerra do Afeganistão contra a antiga União Soviética e tem no seu historial alguns dos mais sangrentos atentados nas Filipinas.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal …

Apple e Google removem das suas lojas de aplicações um dos jogos mais populares do mundo

As gigantes tecnológicas Apple e Google removeram esta semana das suas lojas de aplicações, a App Store e a Google Play Store, respetivamente, o Fortnite, um dos jogos mais populares de todo o mundo. As …

Encontrado tesouro de artefactos nazis no "Covil do Lobo", o quartel-general ultrassecreto de Hitler

Quando os nazis se prepararam para invadir a União Soviética, em 1941, construíram um quartel-general militar secreto na floresta Masúria, na Polónia, ao qual chamaram "Wolfsschanze" ou "Covil do Lobo". Desde a sua descoberta após a …

Itália vai construir um túnel submarino para unir Sicília ao continente

Itália está a planear construir um túnel para ligar a região insular da Sicília ao continente italiano. O projeto de cinco mil milhões de euros vai ser pago com a parte do Fundo de Recuperação …

Point Roberts tinha um pé nos EUA e outro no Canadá (mas agora não "pertence" a nenhum)

Point Roberts, em Washington, está numa posição única. Localizada na ponta da Península de Tsawwassen, a cidade fica totalmente abaixo do paralelo 49, a linha que separa o Canadá dos Estados Unidos. Agora, a cidade …

Milhares de processadores quebraram um trilião de chaves para resgatar um Zip com bitcoins

Um misterioso homem perdeu o acesso a um ficheiro Zip onde estavam encriptadas as suas chaves privadas de bitcoins. Os 300 mil dólares foram resgatados por dois especialistas em criptografia — e por muitos milhares …

Reino Unido com mais de mil novas infeções pelo quarto dia consecutivo

O Reino Unido registou mais 11 mortos e 1.441 infeções de covid-19 nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde britânico, que manteve restrições sobre a área metropolitana de Manchester e parte do norte …

Governo não pondera (para já) proibição de fumar ao ar livre

O Governo não está a ponderar, neste momento, proibir fumar ao ar livre como foi decretado em Espanha, mas há “muitos aspetos em aberto” que serão acompanhados, disse esta sexta-feira a ministra da Saúde, Marta …

Lotação do Avante reduzida a um terço. Visitantes terão uma "área superior à que está estabelecida para as praias"

O PCP anunciou que vai limitar a entrada na sua anual Festa do "Avante!" a um terço da capacidade total, em virtude do contexto de pandemia de covid-19. O espaço de 30 hectares das Quinta da …

Governo da Guiné Equatorial demitiu-se em bloco

O Governo da Guiné Equatorial, liderado pelo primeiro-ministro Francisco Pascual Obama Asue, apresentou a sua demissão em bloco. Em declarações aos jornalistas, o ministro da Comunicação e porta-voz do Governo em funções, Eugenio Nze Obiang, explicou …