NYT acusa Trump de ajudar os pais a fugir aos impostos e de lucrar milhões

Kevin Dietsch / EPA

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

Uma investigação do The New York Times acusa Donald Trump de ter participado num esquema de fuga aos impostos, nos anos de 1990, para ajudar o pai. O Presidente dos Estados Unidos terá recebido uma “recompensa” no valor de 413 milhões de dólares.

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, terá participado num esquema de fuga aos impostos nos anos de 1990 para ajudar o pai, empresário da construção civil, que também lhe rendeu 413 milhões de dólares, cerca de 357 milhões de euros.

O jornal norte-americano The New York Times analisou um vasto arquivo com mais de 200 declarações fiscais e registos financeiros e concluiu que Donald Trump e os irmãos criaram uma empresa-fantasma para disfarçar as transferências de milhares de milhões de dólares que receberam de recompensa pela sua participação no esquema fraudulento.

A investigação contraria assim a ideia de que Trump se tornou milionário à custa do seu esforço. Segundo o jornal, o Presidente recebeu este dinheiro para ajudar os pais a fugir aos impostos.

Fred e Mary Trump terão transferido para os seus filhos mais de mil milhões de dólares cerca de 855 milhões de euros, verba pela qual apenas pagaram ao fisco 52,3 milhões de dólares (44,7 milhões de euros).

O NYT revela ainda que, em 1997, Trump e os seus irmãos fizeram diligências para evitar os impostos quando adquiriram a maior parte do negócio do pai. Nessa altura, a família terá declarado por baixo o valor do seu imobiliário, assegurando que os edifícios em questão valiam 41,4 milhões de dólares, cerca de 38,8 milhões de euros.

Todavia, os imóveis acabaram por ser vendidos anos depois por uma verba 16 vezes superior à avaliação que foi feita na altura.

Nas últimas semanas, o jornal pediu a Donald Trump uma explicação sobre a alegada fraude fiscal, mas o Presidente recusou tecer qualquer comentário. Aliás, a única reação que o jornal conseguiu obter foi a de Charles J. Harder, advogado de Trump, que garantiu que as acusações de “fraude e evasão fiscal são 100% falsas”.

O advogado disse ainda que os factos apresentados no artigo do The New York Times “partem de bases falsas”, acrescentando que Trump terá delegado os assuntos fiscais “noutros membros da família e a profissionais”, ou seja, “nunca se ocupou com questões fiscais”.

“Os assuntos foram tratados por outros membros da família Trump que não eram especialistas e, portanto, dependiam inteiramente dos profissionais licenciados acima mencionados para garantir o cumprimento integral da lei”, argumentou Harder.

Especialistas em impostos adiantam que é muito improvável que Donald Trump seja processado criminalmente, dado que os seus possíveis crimes já prescreveram. Ainda assim, poderá ser multado por fraude fiscal.

Os registos citados pelo jornal norte-americano não incluem as declarações de impostos, dado que, ao contrário de outros candidatos e Presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump recusou tornar públicas as suas declarações fiscais.

Casa Branca nega

Esta terça-feira, a Casa Branca negou e rejeitou as conclusões da extensa investigação publicada pelo The New York Times. “Há muitas décadas, o Serviço de Impostos Internos (IRS, na sigla em inglês) analisou e aprovou estas transações“, afirmou em comunicado, a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders.

Além de rejeitar as acusações, a Casa Branca considerou ainda “triste” o facto de o jornal ter tocado no nome do pai de Donald Trump, que faleceu em 1999. “Fred Trump faleceu há quase 20 anos e é triste presenciar este falso ataque contra a família Trump”, disse Sanders.

ZAP ZAP // EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

27 reúnem-se numa videocimeira para discutir restrições e a aceleração do processo de vacinação

Esta quinta-feira, os 27 reúnem-se virtualmente, numa cimeira coordenada, a partir de Bruxelas, pelo presidente do Conselho Europeu Charles Michel.  Segundo apurou a TSF, na videocimeira desta quinta-feira, os governos deverão reconhecer que a situação epidemiológica …

Em risco de perder a imunidade, Puigdemont fala em "pressão espanhola"

Carles Puigdemont, Toni Comín e Clara Ponsati estão em risco de perder imunidade. O ex-presidente do governo da Catalunha fala em "pressão espanhola" no Parlamento Europeu. O levantamento da imunidade de Carles Puigdemont e de dois …

Plano de desconfinamento a circular nas redes sociais é falso. Governo faz denúncia ao Ministério Público

Esta quinta-feira, começou a circular nas redes sociais um alegado plano de desconfinamento que teria início já no mês de março. O Governo já veio avisar que o documento é falso e vai fazer uma …

Carlos Carreiras diz que "Passos Coelho não é passado, é presente"

O presidente da Câmara de Cascais voltou a criticar a liderança do líder do PSD e, em sentido contrário, deixou rasgados elogios ao seu antecessor. Numa entrevista ao jornal Público e à rádio Renascença, Carlos Carreiras …

PSP diz que jovem que se gabou de violação no Instagram pode ter "fantasiado"

A Polícia de Segurança Pública (PSP) de Viseu afirma que "tudo leva a crer" que o jovem que assumiu, em direto no Instagram, ter violado uma rapariga estivesse a fantasiar. A PSP de Viseu identificou o …

Termina hoje o prazo para validar faturas para apresentar no IRS

Os contribuintes têm até esta quinta-feira para validar e verificar as faturas de 2020 no Portal e-fatura e que vão servir de base no cálculo das deduções no IRS. Há já vários anos que as deduções …

“Foi torturada”. Princesa Latifa escreve carta à polícia a pedir que investigue desaparecimento da irmã

Latifa escreveu à polícia britânica em 2019. O caso da sua irmã Shamsa, raptada em Inglaterra há mais de vinte anos, tem muitas semelhanças com o drama agora vivido pela princesa. A princesa Latifa, filha do …

Pelo menos oito mortos após golpe de Estado em Myanmar. ONG pedem embargo ao fornecimento de armas

Pelo menos oito pessoas morreram em Myanmar, como resultado da violência desencadeada após o golpe de Estado realizado pelos militares a 1 de fevereiro, segundo a Associação de Assistência aos Prisioneiros Políticos (AAPP). Até agora, o …

24 mil milhões até 2025 e 100% renovável até 2030. Eis o novo plano estratégico da EDP

A EDP apresenta esta quinta-feira o seu novo plano estratégico, comprometendo-se a investir 24 mil milhões de euros até 2025 na transição energética e anunciando o objetivo de até 2030 se tornar 100% verde. Na nota …

Manchester United e Liverpool querem Raphinha, ex-Sporting

Raphinha, antigo jogador do Sporting CP e do Vitória SC, está a ser sondado pelo Manchester United e pelo Liverpool. O brasileiro tem estado em destaque na Premier League, ao serviço do Leeds. Manchester United e …