Fim do confinamento em França a duas velocidades a partir de 11 de maio

O confinamento em França vai mesmo chegar ao fim no dia 11 de maio, mas com mais restrições em quatro regiões, anunciou o primeiro-ministro francês.

O primeiro-ministro francês, Édouard Philippe, anunciou esta quinta-feira que o confinamento vai mesmo chegar ao fim no dia 11 de maio em França, mas com mais restrições em quatro regiões, incluindo a região parisiense.

“Na maior parte do país, conseguimos travar a vaga epidémica. Temos margem de manobra nos hospitais e estamos prontos para os testes. Noutras, o vírus ainda circula ativamente”, referiu Édouard Philippe.

Assim, vai ser possível circular sem que seja necessário apresentar uma justificação escrita, como acontecia até aqui, mas algumas medidas como o encerramento de parques e jardins e controlos nos transportes públicos vão manter-se em quatro regiões: Ile-de-France (região parisiense), Hauts de France, Bourgogne-Franche-Comté e Grand-Est.

Nas restantes regiões francesas, vai ser estudado a partir de junho a possibilidade de abertura de liceus e cafés, assim como outras estruturas.

As autoridades assinalaram duas zonas como especialmente de risco: a região parisiense, devido à sua densidade populacional e saturação dos hospitais, e Maiote, uma das regiões ultramarinas de França onde os casos continuam a aumentar. O confinamento vai continuar na Maiote até decisão em contrário.

As fronteiras continuam fechadas com os outros países europeus pelo menos até 15 de junho e vão prolongar-se com pessoas vindas de outros países, indicou o ministro do Interior, Christophe Castaner. A livre circulação vai ser mantida para os trabalhadores agrícolas vindos dos vários países europeus.

Os transportes públicos vão ser reforçados, passando a oferecer em média 50% da oferta normal, com obrigação de máscara para todos os passageiros com mais de 11 anos.

A partir do dia 11 de maio, todos os comércios vão voltar a estar abertos, exceto locais de convívio como bares, cafés e restaurantes. Nas regiões verdes, estes estabelecimentos podem vir a ser reabertos já a partir do final de maio.

A reabertura das praias ou lagos vai ser decidida caso a caso pelas autoridades locais de cada região e os cultos religiosos poderão voltar a acontecer no fim do mês de maio, dependendo da evolução da pandemia.

Na segunda-feira, regressam à escola 130 mil professores, com 80 a 86% das escolas a abrirem portas. Quanto aos alunos, o ministro da Educação, Jean-Michel Blanquer disse que vão regressar à escola um milhão de crianças de forma progressiva.

O desrespeito das medidas impostas tanto nas regiões verdes como vermelhas vai ser vigiado por 20 mil polícias que vão continuar a aplicar multas de 135 euros para quem as infringir.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Há 49 escolas com surtos ativos de covid-19

Cerca de meia centena de escolas têm surtos ativos de covid-19, avançou esta quarta-feira a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, que fez um balanço positivo das primeiras semanas de aulas. "Neste momento, estão ativos 49 surtos …

Índia pode atingir os 600 milhões de casos de covid-19 em fevereiro, dizem especialistas

Mais de 600 milhões de indianos, mais da metade da população do país, provavelmente serão infetados com o novo coronavírus até fevereiro de 2021, segundo um painel de especialistas que aconselha o Governo do país. Segundo …

Ficheiro apreendido a Rui Pinto tinha número de telemóvel da procuradora

Um ficheiro de um dos dispositivos apreendidos ao criador do ‘Football Leaks’, Rui Pinto, contém o número de telemóvel da procuradora do Ministério Público (MP) envolvida no julgamento, Marta Viegas, confirmou a própria na 15.ª …

Rio anuncia vota contra no OE. "O PSD é mais responsável na oposição do que o PS no Governo"

O presidente do PSD anunciou esta quarta-feira o voto contra do partido na proposta de Orçamento do Estado para 2021, dizendo que esse é “o único voto coerente” e porque outra votação nem sequer “evitaria …

"A pandemia derrubou-me." "Pepe" Mujica, ex-Presidente do Uruguai, abandona a política

O ex-presidente uruguaio José "Pepe" Mujica disse que continuará a ser "conselheiro" dos companheiros de partido. José "Pepe" Mujica, ex-Presidente do Uruguai, renunciou esta terça-feira ao seu lugar no Senado e abandonou definitivamente a política ativa. …

Milhares de reclusos na Nigéria fugiram depois de invasões a prisões

De acordo com as autoridades nigerianas, cerca de 2000 presos fugiram de prisões na Nigéria, após os locais terem sido invadidos por multidões. Foi imposto um recolher obrigatório em resposta à agitação resultante de duas …

Manuel Maria Carrilho absolvido pela terceira vez do crime de violência doméstica

O ex-ministro Manuel Maria Carrilho foi esta quarta-feira novamente absolvido do caso de violência doméstica em que era suspeito de ter agredido a apresentadora de televisão Bárbara Guimarães. Em comunicado Manuel Maria Carrilho explica que o …

Maiores construtoras portuguesas juntam-se contra a "armada espanhola"

As duas maiores construtoras portuguesas, Mota-Engil e Teixeira Duarte, aliaram-se num consórcio, no âmbito de um concurso público lançado pela Infraestruturas de Portugal (IP), para tentar derrotar a concorrência espanhola. Habitualmente concorrentes na disputa pelas grandes …

Novo recorde: SNS24 recebeu mais de 23 mil chamadas só esta segunda-feira

O centro de contactos SNS24 bateu um novo recorde de atendimentos no dia 19 de outubro, com 23.373 chamadas atendidas, revelaram os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) ao Público. Os picos de chamadas …

Israel descobre túnel escavado desde a Faixa de Gaza

"O túnel, com várias dezenas de metros de comprimento, foi escavado em Khan Younès, no sul da Faixa de Gaza, e entra no território israelita", afirmou o porta-voz do exército, Jonathan Conricus, durante uma conferência …