FIFA recusa compensar clubes por mudar datas do Mundial 2022

Tânia Rego / ABr

Jérôme Valcke, secretário-geral da FIFA

Jérôme Valcke, secretário-geral da FIFA

O secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, rejeitou esta quarta-feira a hipótese de compensar financeiramente os clubes pela calendarização do Mundial 2022, no Qatar, que deverá realizar-se no inverno, entre 26 de novembro e 23 de dezembro.

“Não haverá compensações financeiras. Há ainda sete anos para organizar tudo”, frisou o número dois da FIFA numa conferência de imprensa em Doha.

Para Valcke, os clubes têm de aceitar a eventual mudança de datas, “mesmo que não seja perfeita”.

Vai acontecer uma vez e não estamos a fazer nada que prejudique o futebol“, alegou o secretário-geral da FIFA.

Pouco depois do grupo de trabalho da FIFA ter anunciado na terça-feira, também em Doha, que o Mundial 2022 deveria realizar-se no inverno para escapar às altas temperaturas, o presidente da Associação Europeia de clubes (ECA) veio exigir contrapartidas financeiras para a reprogramação do calendário.

“Todos os calendários europeus deverão acomodar na época o Mundial, o que implica uma vontade de compromisso de cada parte, razão pela qual não têm que ser os clubes europeus a suportar o peso financeiro”, disse o alemão Karl-Heinz Rummenigge, também presidente do Bayern de Munique.

A FIFA tomará uma decisão final sobre as datas do Mundial de 2022 na próxima reunião do Comité Executivo, agendada para 19 e 20 de março, em Zurique.

Futebol365 / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Hackers bloquearam mais de 30 organismos públicos em 2019

Desde o início deste ano, mais de 30 organismos públicos foram alvo de ataques informáticos, escreve o Jornal de Notícias esta terça-feira. De acordo com o diário, os hackers atacam sistemas informáticos de câmaras municipais, juntas de …

Liderança da bancada do PSD: Negrão quis sair, Rio é "boa solução" a curto prazo

Fernando Negrão, que no último ano e meio liderou a bancada parlamentar do PSD, admitiu esta terça-feira não estava disponível para continuar no cargo. "Não estava disponível [para continuar à frente da bancada] porque foi …

José Maria Ricciardi diz que está disponível para "erguer o Sporting"

José Maria Ricciardi, um dos candidatos nas eleições de setembro de 2018, anunciou através das redes sociais que está disponível para "erguer o Sporting". Na página do Facebook "Ricciardi - Erguer o Sporting", José Maria Ricciardi …

Boris Johnson volta aos Comuns para aprovar Brexit em tempo recorde e sair dia 31 de outubro

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, vai tentar esta terça-feira aprovar a legislação necessária para poder garantir que o Reino Unido sai da União Europeia no dia 31 de outubro quer haja ou não consenso na …

Líbano. Governo corta metade dos salários de políticos em resposta aos protestos

Ao quinto dia de manifestações, o governo libanês respondeu com a aprovação de um pacote de emergência de reformas económicas que deixa cair a introdução de novos impostos e passa pela redução do défice. O primeiro-ministro …

Caso Griezmann. Barcelona paga 15 milhões pelo silêncio do Atlético (e fica com benefício futuro)

Escreve o jornal espanhol El Mundo que Barcelona e Atlético de Madrid já chegaram a acordo no "caso Griezmann". O clube catalão pagou 15 milhões de euros pelo silêncio dos colchoneros, ficando ainda com benefício …

Professor detido depois de ser acusado de agredir aluno “com enorme violência”

Um aluno do 8.º ano da Escola Secundária Rainha Dona Leonor, em Alvalade, em Lisboa, terá sido esta segunda-feira agredido por um professor durante uma aula. Segundo o relato da Associação de Encarregados de Educação dos …

Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último. O primeiro-ministro, António Costa, …

Fim do cessar fogo na Síria. Turquia ameaça que milicianos curdos no terreno serão abatidos

O período de cessar-fogo de 120 horas acordado entre a Turquia e os Estados Unidos (EUA) para permitir que as milícias curdas saiam do nordeste da Síria termina esta terça-feira, pelas 19:00 (20:00 em Lisboa), …

Ministro adjunto cabo-verdiano encontrado morto no gabinete

O ministro adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde para a Integração Regional, Júlio Herbert, foi encontrado morto, esta segunda-feira, no seu gabinete, no Palácio do Governo, na Praia, confirmou fonte governamental. Elementos da Polícia Nacional cabo-verdiana …