Fidelidade vende imóveis por 425 milhões a empresas com capital social de 100 euros

É um negócio que está envolto em polémica. A companhia de seguros Fidelidade vendeu várias casas por 425 milhões de euros a quatro sociedades por quotas com um capital social de 100 euros cada.

Estão em causa 2.085 imóveis, como conta o Público, frisando que os inquilinos destas habitações temem vir a ser despejados, depois do negócio concretizado pela Fidelidade. Por outro lado, lamentam que não tiveram o direito de preferência de compra sobre as fracções onde habitam.

O Público nota que o comprador dos imóveis é o Fundo Apollo, por via de quatro sociedades que foram criadas na Madeira e recentemente, transferidas para Lisboa. Estas quatro empresas terão gerentes comuns com moradas fiscais no Luxemburgo.

A mesma fonte destaca que a Fidelidade comunicou aos inquilinos dos imóveis, através de carta, que poderiam exercer o direito de preferência sobre a totalidade dos imóveis pelo referido valor de 425 milhões de euros. Mas aos arrendatários que não foram classificados como propriedade horizontal não terá sido apresentada essa possibilidade.

Os inquilinos temem, agora, que os contratos de arrendamento não sejam prolongados. O Público refere que muitos dos inquilinos com contratos com prazos curtos já receberam cartas a comunicar a não renovação dos mesmos.

Também receiam a possível revenda dos imóveis a outras sociedades, o que poderá colocar em causa a sua continuidade nas habitações.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma consequência da conhecida “Lei Cristas”, aprovada pelo cds ( a actual líder foi a “mãe” da dita) e pelo psd , com as grandes empresas a despejarem pessoas através de esquemas sórdidos e pouco claros, pois sabem perfeitamente que a maioria dos inquilinos prejudicados não têm meios financeiros para entrar numa luta, prolongada e dispendiosa, contra esses gigantes financeiros.

  2. Mas afinal quem é o dono das casas ? É o Estado ou o dono privado? Se querem casa socais o Estado que as compre ora essa…

  3. …Pais de Safardanas… Quem sabe mesmo senão um País de bandidos!!! E uma vergonha… Alguém tem tomar conta disto Politicamente, sob pena de mais 2 ou 3 anos termos ca a Troika novamente… E um fartar de vilanagem… Lol…lol…

    • Esta, confesso, não percebi.

      Certamente que um negócio de 425 milhões com 4 (mas que fossem ‘n’) empresas cujo capital social é 100 euros, só pode cheirar a esturro…

  4. “Estas quatro empresas terão gerentes comuns com moradas fiscais no Luxemburgo.”
    Pois… quando há burlas dentro da UE, o Luxemburgo aparece sempre!…
    E, por acaso, o presidente da Comissão Europeia foi 20 anos presidente do Luxemburgo…
    E agora querem investigar a Zona Franca da Madeira… parece que no Luxemburgo não há nada para investigar!…

Responder a Eu! Cancelar resposta

"Huawei das infraestruturas" compra 23% da Mota-Engil por 169,4 milhões

A construtora portuguesa Mota-Engil anuncia que chegou a acordo com a chinesa Communications Construction Company (CCCC) para a venda de 23% das suas acções por 169,4 milhões de euros. A CCCC é considerada a "Huawei …

PSD confiante num plano de vacinação "a tempo e horas". CDS diz que se anda a "correr atrás do prejuízo"

O presidente do PSD considerou que o plano de vacinação para a covid-19 vai ser "polémico", mas disse acreditar que o Governo vai conseguir concluí-lo "a tempo e horas". Já o presidente do CDS-PP pediu …

Altice escreve a Costa a criticar leilão do 5G (e a informar sobre suspensão de projeto)

Os acionistas do grupo Altice Patrick Drahi (presidente) e Armando Pereira escreveram ao primeiro-ministro a criticar as regras do leilão do 5G, informando que, perante o atual panorama regulatório, veem-se forçados a suspender projetos. "Lamentamos que, …

Anulação de transferência para o Novo Banco foi um "percalço"

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho, considerou hoje que a anulação, pelo parlamento, da transferência de 476 milhões de euros do Fundo de Resolução para o banco foi um "percalço". "O percalço que aconteceu …

Videojogos podem estar a ser usados para espalhar ideologia extremista e preparar ataques

Os videojogos 'online' podem estar a ser usados ​​para propagar ideologias extremistas e para preparar ataques terroristas, afirmou o coordenador antiterrorista da União Europeia (UE), Gilles de Kerchove. A 09 de novembro, Gilles de Kerchove já …

Ex-ministro grego Yanis Varoufakis pede boicote à "black friday" da Amazon

O economista e ex-ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis pediu um boicote de um dia à Amazon, na 'black friday', enquanto sindicalistas, ativistas ambientais, defensores da privacidade e da justiça tributária planeiam ações coordenadas contra …

Bolsonaro nega ter chamado covid-19 de "gripezinha", mas fê-lo pelo menos duas vezes

O Presidente brasileiro negou na quinta-feira ter-se referido à covid-19 como "gripezinha", afirmando que não há nenhum registo que prove o oposto, apesar de a imprensa ter partilhado pelo menos dois vídeos com esse conteúdo. "Falei …

Cuba anuncia mais duas vacinas e já conta com quatro possíveis fármacos contra a covid-19

Cuba anunciou esta quinta-feira que vai começar os ensaios clínicos de dois projetos de vacinas contra a covid-19, que aumentam para quatro o número de possíveis fármacos deste tipo desenvolvidos na ilha para combater a …

Governo garante que não haverá limite de idade na vacinação. Marcelo fala em "ideia tonta"

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde garantiu, esta sexta-feira, que a vacinação para a covid-19 não terá qualquer limite de idade e que os idosos e doentes com comorbilidades serão uma prioridade. Numa conferência …

Descontos nas ex-SCUT poupam privados, mas é o Estado quem sai lesado

Os descontos nas ex-SCUT, aprovados em Parlamento esta quinta-feira, poupam os privados, mas geram perdas de 1.500 milhões de euros para o Estado. Uma maioria de deputados ditou a aprovação da parte de uma proposta do …