/

Família Real Inglesa acusada de desrespeitar restrições aplicadas para combater a pandemia

Tim Clayton / AELTC

A duquesa de Cambridge Kate Middelton, à esquerda, com o príncipe William de Inglaterra

Alguns membros da família real britânica foram fotografados, aparentemente, a infringir os regulamentos aplicados para o combate ao novo coronavírus no Reino Unido. O momento foi capturado durante um passeio a um parque em Sandringham, Inglaterra.

O príncipe William, Kate Middleton e os seus três filhos – George, Charlotte e Louis – foram fotografados a passear num parque no passado domingo, segundo o jornal britânico Mail Online.

Contudo, a família não estava só, pois fazia-se acompanhar pelo príncipe Edward (filho mais novo da monarca) e pela sua família, enquanto exploravam uma floresta perto da residência da rainha Isabel II em Norfolk, Sandringham.

As fotos partilhadas pelo meio de comunicação britânico parecem mostrar mais de seis pessoas presentes no momento familiar no Luminate Sandringham, situação que está a gerar alguma controvérsia tendo em conta as restrições tomadas no Reino Unido na tentativa de combater a pandemia de covid-19.

Norfolk, a região onde a família real foi fotografa, está também sob a alçada das restrições aplicadas pelo governo britânico e encontra-se na zona 2 de perigo, o que significa, que limita as reuniões ao ar livre apenas a seis pessoas. Porém, de acordo com o registo parece que a realeza não estava a cumprir esta medida, uma vez que durante o passeio estavam presentes pelo menos 9 pessoas.

Segundo as regras do Luminate Sandringham, os visitantes devem permanecer em grupos de no máximo seis pessoas durante a visita, de modo a cumprir as imposições.

No entanto, uma fonte oficial de Sandringham disse à CNN que “houve momentos na caminhada de 90 minutos em que foi difícil manter os dois grupos familiares separados”, contudo garante que “as duas famílias chegaram e partiram nos próprios grupos familiares”.

No início deste mês, os Duques de Cambridge percorrerem mais de dois mil quilómetros em três dias, a bordo do comboio real. O objetivo da viagem foi o encontro com profissionais de saúde da linha da frente para poderem agradecer pelos seus esforços durante a pandemia.

O Reino Unido está atualmente a lutar contra um grave aumento nos casos de covid-19, consequência do surgimento de uma nova variante potencialmente mais contagiosa. No fim de semana, o primeiro-ministro Boris Johnson impôs medidas mais rígidas e colocou a cidade de Londres, e outras áreas no sudeste da Inglaterra, no nível 4 de alerta.

De acordo com os organizadores do evento que decorre em Sandringham, todos aqueles que vivem em regiões que se inserem no nível 4 foram convidados a não visitar a atração, que está localizada numa região integrada no nível 2.

  Ana Moura, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.