“Exercício de poder político brutal”. Biden critica substituição no Supremo antes das presidenciais

DNCC / EPA

Joe Biden, candidato do Partido Democrata na corrida à Casa Branca

O candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, afirmou hoje que substituir a juíza Ruth Bader Ginsburg no Supremo antes das eleições presidenciais é um “exercício de poder brutal” e apelou aos republicanos moderados para que respeitem as obrigações constitucionais.

No sábado, Biden já tinha defendido que deveria ser o próximo Presidente dos Estados Unidos, que será eleito a 3 de novembro, a escolher o substituto ou substituta de Ginsburg, que morreu na sexta-feira, no Supremo.

O desejo do Presidente Donald Trump de substituir a juíza antes das eleições presidenciais é “um exercício de poder político brutal”, afirmou Joe Biden, numa intervenção em Filadélfia, acrescentando ainda que esta “é uma questão de poder. Pura e simplesmente”.

“Se o Presidente Trump insiste em dar um nome, o Senado não deverá agir antes que os americanos possam escolher o seu próximo Presidente e o seu próximo Congresso”, prosseguiu o antigo vice-presidente de Barack Obama, que lidera as sondagens nacionais para a corrida à Casa Branca.

Num tom áspero, Joe Biden criticou também o líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, depois de este ter anunciado “na hora do anúncio da morte” de “RBG”, como era conhecida Ruth Bader Ginsburg, que iria organizar a votação para a sua substituição e reforçar o conservadorismo no Supremo Tribunal.

O líder republicano tinha recusado a audiência de um juiz nomeado para o Supremo Tribunal, em 2016, nomeado pelo então presidente democrata Barack Obama, argumentando tratar-se de um ano eleitoral, “e muitos senadores republicanos concordaram”, acrescentou. Na altura, Obama estava a 9 meses do fim do mandato.

“Eles não podem mudar o seu caminho, quatro anos depois, só porque isso serve os seus interesses”, criticou assim Biden, dizendo que “não sou ingénuo, não estou a falar com o Presidente Trump, mas sim com um punhado de senadores republicanos que sabem no fundo o que é bom para o seu país”. O candidato democrata apelou ainda: “Respeitem as vossas obrigações constitucionais, sigam a vossa consciência”.

Ainda assim, Donald Trump revelou no comício da campanha eleitoral em Fayetteville, que na próxima semana irá nomear uma mulher para substituir a juíza do Supremo Tribunal Ruth Bader Ginsburg, que morreu na sexta-feira, aos 87 anos.

Trump já disse que vai nomear o sucessor de Ginsburg “sem demora”. Revelou ainda que a escolha está para breve e já deixa algumas dicas sobre quem será o escolhido. “Irei fazer uma nomeação na próxima semana. Penso que deverá ser uma mulher porque, na verdade, gosto muito mais das mulheres do que dos homens”, disse o presidente dos EUA.

De acordo com a Constituição norte-americana, o Presidente nomeia os juízes vitalícios para o Supremo Tribunal, e o Senado é responsável por confirmar a sua escolha.

O Partido Republicano tem 53 dos 100 eleitos, mas duas senadoras republicanas moderadas já anunciaram que não pretendem participar na votação antes da eleição, o que complica a equação para Donald Trump.

Na sequência da morte de Ginsburg, a mais alta instância judicial dos Estados Unidos integra oito juízes: três progressistas e cinco conservadores. A juíza do Supremo Tribunal dos Estados Unidos Ruth Bader Ginsburg morreu aos 87 anos de “complicações causadas por um cancro do pâncreas”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …