14 mil (e 400) euros em livros levam ex-secretários de estado de Sócrates à justiça

José Sena Goulão / Wikimedia

Os dois ex-secretários de Estado no governo de José Sócrates ficaram sujeitos a Termo de Identidade e Residência

O Ministério Público acusou de peculato dois secretários de Estado do último governo de José Sócrates por utilizarem cartões de crédito atribuídos para fins públicos em benefício próprio.

Fonte Ligado ao processo disse à Agência Lusa que se trata dos ex-secretários de Estado José Magalhães e José Conde Rodrigues.

Uma nota divulgada hoje pela Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL) indica que o MP requereu o julgamento em tribunal coletivo de dois secretários de Estado do último Governo de José Sócrates, em funções entre 2009 e 2011, sem revelar os nomes.

A PGDL adianta que os dois ex-secretários de Estado utilizaram “os cartões de crédito que lhes foram atribuídos para fins públicos em benefício próprio, adquirindo bens para uso pessoal, nomeadamente adquiriram livros e revistas que não se enquadravam no âmbito funcional ou de serviço, quer pela sua temática, quer pela sua natureza, que não reverteram a favor do Estado, produzindo no erário público prejuízo pecuniário”.

A Sábado avança que José Condes Rodrigues terá gasto 14 mil euros em livros que, no final, levou para casa, enquanto que José Magalhães gastou 400 euros em livros e revistas para proveito próprio.

Segundo a PGDL, os dois ex-secretários de Estado estão sujeitos às medidas de coação de Termo de Identidade e Residência (TIR), tendo o MP deduzido pedido de indemnização civil em representação do Estado português.

Na origem do processo está uma denúncia apresentada pela Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP) contra incertos relativa a determinados procedimentos adotados no âmbito dos gabinetes ministeriais e das secretarias gerais do XVIII Governo Constitucional relacionados com a atribuição e utilização de cartões de crédito destinados ao pagamento de despesas de representação do Governo, suscetíveis de integrar ilícito criminal.

// Lusa

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

    • Como se em algum pais africano os secretários de estado gastassem dinheiro em livros!…
      Alguns nem sabem ler…
      De qualquer modo, estes “artistas” só tem que devolver o que roubaram e pagar uma boa indemnização ao Estado!!
      Além do mais, deveriam ser proibidos de trabalhar para o Estado ou de se aproximar de dinheiros públicos!

        • Ok, mas espero que tenhas noção que a tua “avaliação” sobre a “decência” dos meus comentários é-me completamente indiferente!…
          Mas não te preocupes, é a tua e a de todos!…
          E se foi a primaria vez, se calhar o problema está do teu lado… até um relógio parado está certo duas vezes por dia!…

  1. É engraçado, como é que numa altura em que existem juizes a serem constituidos arguidos, esta associação vem com denuncias que nem sequer são da competencia deles. Porque que é que não denunciaram antes!? Porque está na altura de criar ruido e desviar o mediatismo para outros assuntos. Até porque, quando se comentava sobre prisão preventiva ou domiciliaria para o Juiz Rui Rangel, a ASJP foram logo os primeiros a insurgirem-se, dizendo que se tinha de respeitar a imunidade dos Juizes.
    Vamos a ver, e está tudo enterrado até às orelhas. Grandes artistas!!

  2. Imagino que entre os livros adquiridos deve aparecer o que Sr. Sócrates aparece como autor. Quantos mas livros comprados mais ganharia o Sr. Sócrates em direitos de autor.
    Será que a comunicação social pode saber e informar se o tal livrinho do pseudo autor Sócrates faz parte das compras deste senhores secretários de estado

RESPONDER

Jerónimo frisa que passes de transportes mais baratos foram obra da CDU

O secretário-geral comunista vincou o papel do PCP e "Os Verdes" na redução dos preços dos passes dos transportes públicos, numa sessão pública com trabalhadores das empresas do setor, na estação de comboios de Santa …

Morte de menina de oito anos com bala perdida revolta Brasil

A morte de Ágatha Félix, uma menina de oito anos atingida, alegadamente, por uma bala perdida da polícia do Rio de Janeiro, está a provocar indignação no Brasil. Ágatha Felix tinha oito anos e foi baleada …

Nós, Cidadãos! defende mudanças na escolha do PGR para combater corrupção

O presidente do partido Nós, Cidadãos! defende mudanças na escolha do Procurador-Geral da República, afirmando que boa parte dos 42 mil milhões de euros que a corrupção custou aos portugueses se deveu à inoperância desta …

"Estranhos sintomas" que afligiam diplomatas em Cuba podem ter sido causados por pesticidas

A misteriosa origem dos estranhos sintomas (entre eles, zumbidos, tonturas, náuseas, perdas de audição e de memória e outras dificuldades cognitivas) que afligiram diplomatas canadianos e norte-americanos em Cuba entre 2016 e 2018 dever-se-á a …

Testes rápidos ao VIH já podem ser feitos em casa

A partir da próxima semana vai ser possível comprar nas farmácias autotestes ao vírus da SIDA para fazer em casa. Os resultados demoram apenas 15 minutos. As farmácias portuguesas vão começar a vender, a partir da …

Polícia dispara balas de borracha sobre manifestantes em Hong Kong

A polícia disparou no domingo balas de borracha em confrontos com manifestantes pró-democracia, em Hong Kong, perto de um centro comercial no qual causaram distúrbios. Pelo décimo sexto fim de semana de mobilização, milhares de manifestantes …

Portugal já paga juros mais baixos que Itália e Espanha, diz Costa

"Todos em Portugal estão hoje a viver melhor do que viviam há quatro anos", afirmou António Costa, durante uma ação de campanha do PS. António Costa disse, este domingo, que Portugal já está a pagar a …

Os últimos cinco anos foram os mais quentes de sempre

Um relatório das Nações Unidas revelou que, entre 2015 e 2019, foram atingidos níveis históricos. Desde 1850, as temperaturas aumentaram 1,1ºC. O período entre 2015 a 2019 é o mais quente alguma vez registado, indicou este …

Duarte Lima perde último recurso e deve ser julgado pela morte de Rosalina Ribeiro em Portugal

O Supremo Tribunal brasileiro indeferiu um novo recurso de Duarte Lima que assim está mais próximo de ser julgado em Portugal, pelo homicídio de Rosalina Ribeiro, em Maricá, em 2009. Ao recurso extraordinário, interposto de uma …

Governo britânico cumprirá decisão do Supremo sobre suspensão do Parlamento

O Governo britânico cumprirá a decisão do Supremo Tribunal do Reino Unido sobre a legalidade ou ilegalidade da suspensão do Parlamento, uma decisão que deverá ser anunciada esta semana. A garantia foi dada este domingo à …