Ex-amante (e testa de ferro) de Juan Carlos I revela os seus negócios secretos

A alemã Corinna zu Sayn-Wittgenstein, apontada como amante do Rei Juan Carlos I, foi apanhada a fazer várias denúncias contra o monarca, nomeadamente confessando que é sua testa-de-ferro e revelando que tem contas bancárias em paraísos fiscais.

As denúncias feitas por Corinna zu Sayn-Wittgenstein, uma filantropa alemã, foram apanhadas em escutas realizadas sem o seu conhecimento, em 2015, durante uma reunião que ela manteve com o ex-comissário da polícia espanhola José Villarejo Pérez, e com o empresário Juan Villalonga Navarro.

O jornal El Español divulgou algumas das revelações feitas por Corinna zu Sayn-Wittgenstein que contou, nomeadamente, que o ex-Rei de Espanha a usava como testa-de-ferro. “Não por gostar muito de mim, mas porque resido no Mónaco“, sustenta a mulher que terá sido amante de Juan Carlos entre 2006 e 2013.

A alemã refere que o facto de o Mónaco ter uma fiscalidade facilitada, nomeadamente em termos da isenção de declaração de bens, levou Juan Carlos a colocar várias propriedades no nome dela. O monarca estará, agora, a pressioná-la para transferir esses imóveis para o nome do primo dele, Álvaro de Orleans de Borbón.

Aleph / Wikimedia

Juan Carlos I de Espanha

Corinna também diz que o antigo Rei tem uma conta bancária num banco do Mónaco no nome deste primo, bem como outra na Suíça no nome do advogado Dante Canonica.

Este advogado trabalhou durante vários anos para Arturo Gianfranco Fasana, gestor suíço apanhado nos “Panama Papers” e condenado por tráfico de influências, fraude fiscal, associação criminosa e lavagem de dinheiro no chamado caso Gürtel.

Este caso judicial envolve uma gigantesca teia de corrupção política, com o Partido Popular no centro, e que já levou à condenação de 31 pessoas. Mas prosseguem em investigação vários inquéritos que podem levar ainda a mais condenações.

Corinna sublinha, na gravação divulgada pelo El Español, a ligação de figuras próximas de Juan Carlos a este caso Gürtel, em especial a uma conta criada na Suíça para movimentar “dinheiro sujo”. O próprio monarca terá recorrido a esta conta, usando o nome do primo, para efectuar pagamentos de voos privados para os EUA.

A alemã também diz que recebeu ameaças de morte do Director do Centro Nacional de Inteligência de Espanha, Félix Sanz Roldán, para não revelar o seu caso com Juan Carlos.

Esse terá sido o motivo que a levou a contactar o ex-comissário da polícia José Villarejo Pérez, recorrendo a Juan Villalonga Navarro, que já foi CEO na Credit Suisse First Boston e na Telefónica em Espanha, como intermediário.

Villarejo Pérez deveria chantagear a Casa Real Espanhola no âmbito do escândalo do relacionamento amoroso entre Juan Carlos e Corinna. O ex-comissário de polícia está detido desde 2017 por organização criminosa, suborno e branqueamento de capitais.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Já nada me espanta, desta realeza caquéctica e fedorenta. Em que o absolutismo ainda é reinante numa €uropa feudalizada.

  2. O dom, é algo que repugna ao mais elementar cidadão, a assistir ao desmoronamento do feudalismo, que ainda paira em algumas cabeças. Corruptos é cadeia porque nós cidadãos pagamos impostos e esta gentalha da realeza fazem o que querem e entendem. E depois tem a distinta lata vir a público com ares de heróis de um passado longínquo.

  3. Esta senhora é duma baixeza inerranável. Se o monarca fosse já falecido,a situação seria diferente. Assim ??!!

  4. Quer dizer com isto que a justiça de Madrid irá certamente actuar de igual forma como o está a fazer aos independentistas catalães e aqui certamente com razões mais justificadas e menos políticas.

  5. … apanhado nos Panamá papers… Condenação de 31 pessoas… Diz o texto. Em Portugal os Panamá papers o que deram? Audiências e lucro aos média?

RESPONDER

Primeiro não flutuava, e agora o novo submarino espanhol não cabe nas docas

Primeiro não flutuava, por excesso de peso, e agora, não cabe nas docas. O novo submarino da Marinha Espanhola é um embaraço para a Defesa do país vizinho e um caso flagrante de derrapagem, com …

Prisão preventiva para 39 dos 58 arguidos dos Hells Angels

O Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa determinou prisão preventiva para 39 dos 58 arguidos como medidas de coação no âmbito do processo do grupo Hells Angels e apresentações periódicas às autoridades para os restantes. Segundo …

Bruxelas aplica multa recorde de 4,3 mil milhões de euros à Google

A Comissão Europeia aplicou, esta quarta-feira, uma multa com valor recorde de 4,3 mil milhões de euros ao gigante norte-americano Google por abuso de posição no mercado devido ao sistema Android. Esta sanção, destinada a punir …

Rapazes salvos na Tailândia saíram do hospital e recordam "milagre"

As 12 crianças e o treinador de futebol que ficaram presos numa gruta inundada na Tailândia e que estavam internados desde a semana passada receberam esta quarta-feira alta hospitalar e falaram pela primeira vez desde …

Hotel processa sobreviventes do massacre de Las Vegas

A empresa que detém o hotel Mandalay Bay, em Las Vegas –  onde Stephen Paddock disparou sobre uma multidão num festival de música country –, processou mil de vítimas do ataque, argumentando não ter "qualquer …

Jesus pediu a Cintra para anular cláusula de confidencialidade

Nas primeiras entrevistas após a sua saída do Sporting e das agressões em Alcochete, o Jorge Jesus disse que a equipa não devia ter jogado a final da Taça de Portugal e que Sousa Cintra …

Trump "traidor" recua e diz que, afinal, a Rússia pode ter manipulado eleições

Donald Trump cedeu à pressão e afirmou, esta terça-feira, que acredita nas conclusões dos serviços secretos de que houve, de facto, ingerência russa das presidenciais de 2016. O Presidente dos Estados Unidos disse esta terça-feira que …

Cientistas alcançam recorde impressionante de entrelaçamento quântico

Um grupo de cientistas da Universidade de Ciência e Tecnologia da China conseguiu armazenar 18 qubits - a unidade básica da computação quântica - em apenas seis fotões entrelaçados. O feito inédito de três qubits emaranhados …

Sistema informático lança caos nas escolas no último dia de matrículas

Hoje é o último dia para efectuar as matrículas no próximo ano lectivo, mas as demoras e falhas no portal electrónico onde o processo tem que ser realizado estão a lançar o caos nas escolas. …

Militares da GNR revoltados com castigos para quem passa poucas multas

"Desmotivados e apavorados." É assim que 14 dos 18 militares do posto da GNR no Sameiro, em Braga, se queixam de sofrerem pressões do sargento que comanda a unidade para passarem multas aos automobilistas. O desabafo …