Europa cada vez mais quente. Portugal é o país que menos aqueceu

José Sena Goulão / Lusa

As temperaturas médias registadas nas cidades europeias estão cada vez mais altas. No topo da lista dos aumentos encontram-se os países nórdicos e no fim da lista as cidades portuguesas.

Um estudo do Centro Europeu de Previsão do Tempo a Médio Prazo (ECMWF) analisou as temperaturas médias diárias registadas em 588 cidades de 1900 a 1999. Os dados foram recolhidos pela European Data Journalism Network.

Kiruna, na Suécia, é a cidade que mais aumentou a temperatura média em relação ao século passado (+3,4ºC). Portugal encontra-se no fundo da lista, com cinco cidades entre as que registaram menor aumento. Évora foi a cidade que registou um maior aumento de temperatura, cerca de +0,8ºC desde 1900.

A Suécia é o pais mais afetado, com cinco das suas cidades a figurarem no top10 das cidades onde a temperatura média mais subiu. A Finlândia é o 2º país mais afetado pelo aumento de calor. O país nórdico viu quatro das suas cidades a entrar no top10.

No extremo oposto do ranking, surge Portugal, com cinco das 12 cidades analisadas entre as que tiveram menor aumento de temperatura desde o século passado. Irlanda, Reino Unido, e o norte de Espanha completam o fundo da lista onde o último lugar pertence mesmo a uma cidade portuguesa: Ponta Delgada com um aumento de +0,1ºC.

Em Portugal, a maior subida de temperatura ocorreu em Évora (+0,8ºC), Lisboa (+0,7ºC) e Coimbra (+0,7ºC).

Beja (+0,6ºC), Vila Nova de Gaia (+0,6ºC), Funchal (+0,4ºC), Faro (+0,4ºC), Aveiro (+0,3ºC), Sintra (+0,2ºC), Matosinhos (+0,2ºC), Setúbal (+0,2ºC) e Ponta Delgada (+0,1ºC) são as outras cidades portuguesas alvo do estudo.

O estudo realizado pelo ECMWF permitiu ainda demonstrar o aumento do número de dias quentes por ano. Em média, este aumento foi de três dias na maioria das cidades.

Contudo, 18 locais registaram uma tendência oposta a esta. Dentro destas 18 cidades, surgem duas cidades portuguesas – Évora e Beja perderam dois dias quentes desde o século passado. Em conclusão, o estudo permite afirmar que, desde 1900, a temperatura média na Europa aumentou um grau.

Segundo a Sábado, depois dos recordes de temperatura atingidos em Portugal durante este ano, registaram-se mais 500 mortes do que é normal. Em 2003, outra onda de calor vitimou cerca de 70 mil pessoas.

Ao Público, João Camargo, mestre em Engenharia do Ambiente e Produção Animal e autor do Manual de Combate às Alterações Climáticas, considera “normal” as cidades portuguesas estarem no final da lista.

“A temperatura de partida já era superior e é normal que nas longitudes mais altas suba mais”, explica, acrescentando que a temperatura irá aumentar mais no “pólo Norte e no pólo Sul, porque são os locais onde o ponto de partida já era mais baixo“.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Coloridos e selados. Descobertos no Egito sarcófagos com mais de 2.500 anos

As autoridades egípcias anunciaram esta segunda-feira a descoberta de uma coleção de sarcófagos datados de há mais de 2.500 anos, na zona arqueológica de Sakkara, a sul da cidade do Cairo. Em comunicado, citado pela agência …

Nokia vai criar para a NASA a primeira rede móvel operacional na Lua

O grupo finlandês Nokia vai fabricar para a NASA aquela que será a primeira rede móvel móvel na Lua, como parte de um projeto de base humana permanente da agência espacial norte-americana, foi esta segunda-feira …

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …

Chega quer tornar voto obrigatório e sanções para quem não cumprir

O deputado único do Chega entregou uma nova proposta no âmbito do projeto de revisão constitucional do partido para tornar o voto obrigatório para todos os cidadãos que o possam exercer e sanções para quem …