EUA e Israel perdem direito de voto na UNESCO por falta de pagamento

Albertus teolog / wikimedia

Placa no edifício sede da UNESCO em Paris (foto: Albertus teolog / wikimedia)

Placa no edifício sede da UNESCO em Paris (foto: Albertus teolog / wikimedia)


Os Estados Unidos e Israel perderam hoje automaticamente o seu direito de voto na UNESCO, após terem falhado o pagamento da contribuição financeira à organização das Nações Unidas, indicou uma fonte da entidade.

“Na lista de países que irão perder o direito de voto vão estar os Estados Unidos e Israel”, afirmou a fonte da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), citada pela agência noticiosa francesa AFP.

Os dois países “não apresentaram hoje de manhã a documentação necessária para evitar a perda do direito de voto”, indicou a mesma fonte, que preferiu o anonimato.

O regulamento interno da organização refere, segundo a agência espanhola EFE, que o país que, sem justificação, não cumprir os pagamentos, perde o seu direito de voto.

Washington e Telavive deixaram de pagar as contribuições financeiras para UNESCO depois de a Palestina ter sido admitida como membro a 31 de outubro de 2011.

Na altura, a Palestina tornou-se no 195.º membro da UNESCO.

O incumprimento dos Estados Unidos provocou uma grave crise financeira no seio da organização, que teve de lidar com uma redução na ordem dos 22 por cento no seu orçamento, passando de 653 para 507 milhões de dólares.

Para enfrentar os constrangimentos orçamentais, cerca de 300 pessoas correm o risco de despedimento. A agência das Nações Unidas integrava, em 2012, 1.200 pessoas na sede em Paris e cerca de 900 em todo o mundo.

Apesar destas dificuldades, a diretora-geral da UNESCO, Irina Bokova, de nacionalidade búlgara, que conseguiu arrecadar cerca de 75 milhões de dólares para enfrentar a crise, foi reeleita em outubro passado.

“A lista de países que vão deixar de ter direito de voto será anunciada provavelmente amanhã [sábado] em sessão plenária”, precisou a mesma fonte.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Advogados continuam luta para manter declarações fiscais de Trump em segredo

Depois de o Supremo Tribunal ter determinado que os procuradores nova-iorquinos podem ter acesso às declarações de impostos do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, os seus advogados informaram na quarta-feira que estavam a considerar …

EUA negam vistos a funcionários da Huawei que apoiem "violadores de direitos humanos"

Esta quarta-feira, o Governo norte-americano que vai impor restrições nos vistos a funcionários da Huawei e a outras empresas que os Estados Unidos vejam como apoiantes de Governos violadores de direitos humanos. Além das restrições, o …

Ventilador produzido em Portugal recebe autorização de utilização do Infarmed

O ventilador Atena, produzido em Portugal, recebeu, na terça-feira, a autorização do Infarmed para o seu uso em contexto hospitalar na luta contra a covid-19. Esta quarta-feira, numa publicação na sua página de Facebook, o CEiiA …

American Airlines avisa 25 mil trabalhadores que podem perder emprego

Os dirigentes da American Airlines escreveram a cerca de 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em outubro. Os dirigentes das Companhias de aviação dos Estados Unidos admitiram …

Trump substitui diretor de campanha a menos de quatro meses das eleições

O Presidente dos Estados Unidos substituiu, esta quarta-feira, o seu diretor de campanha, perante os maus resultados nas sondagens, a menos de quatro meses das eleições. "Tenho o prazer de anunciar que Bill Stepien foi promovido …

Bristol acordou com uma nova estátua. Manifestante antirracismo substitui comerciante de escravos

Bristol acordou com uma nova estátua. Um artista britânico ergueu uma estátua de uma manifestante do movimento ‘Black Lives Matter’ no topo do pedestal na cidade inglesa antes ocupado pela estátua de um comerciante de …

Enfermeira norte-americana matou sete doentes num hospital de veteranos com injeções de insulina

Uma enfermeira num hospital de veteranos norte-americanos matou deliberadamente pelo menos sete doentes com injeções de insulina. A mulher, que admitiu o crime, deverá ser condenada a sete penas de prisão perpétua, mais 20 anos …

PSP pôs fim à festa do título na Avenida dos Aliados. Um polícia ficou ferido

Na parte final dos festejos portistas, já durante a madrugada, nos Aliados, o Corpo de Intervenção da PSP do Porto foi obrigada a intervir contra um grupo de adeptos. Ninguém foi detido, mas um agente …

PJ detém cinco pessoas por esquema fraudulento com tratamentos para a covid-19

Cinco profissionais ligados ao ramo da saúde foram detidos, esta quinta-feira, pela Polícia Judiciária (PJ) numa operação que envolveu buscas a clínicas médicas, residências e empresas e que investiga crimes de corrupção, burla qualificada, falsificação …

Suárez aborda eventual saída de Messi. "Saberá do que precisa"

O futebolista Luis Suárez comentou a possível saída do seu companheiro de equipa Lionel Messi do Barcelona. "Saberá do que precisa", disse o internacional uruguaio, frisando que não consegue ver o astro argentino noutra equipa. …