Estado Islâmico já tem um novo líder. Chamam-lhe “O Destruidor”

O Estado Islâmico já tem um novo líder para substituir Abu Bakr al-Baghdadi, morto no sábado num raide das forças especiais norte-americanas em Idlib, na Síria.

Chama-se Abdullah Qardash e era há muito o braço direito do ex-chefe da organização. Qardash era o sucessor designado e já era, de acordo com o jornal Público, o responsável pelo planeamento do dia-a-dia do Daesh, com Baghdadi a ser uma figura simbólica. O novo líder tem de provar o que vale e espera-se uma campanha de vingança num momento em que os Estados Unidos preparam a saída da Síria.

De acordo com o Newsweek, Qardash, que também usa o nome “Hjji Abdullah al-Afari”, é um ex-oficial do Exército iraquiano, que serviu sob o comando de Saddam Hussein.

Qardash e Baghdadi conheceram-se em 2003, quando ambos foram detidos pelos EUA, em Bassorá, suspeitos de ligações à al-Qaeda, a organização terrorista fundada por Osama bin Laden, da qual nasceu o EI. Baghdadi e Qardash estiveram detidos no campo de Bucca por combateram lado a lado as forças invasoras norte-americanas no país.

Em 2014, quando Baghdadi tomou Mossul e proclamou o califado, Qardash assumiu um papel cada vez mais proeminente na organização. Em agosto, foi nomeado sucessor do califa que deixou de o ser em 2017, quando o Daesh perdeu todo o seu território no Iraque e na Síria.

Abdullah Qardash foi responsável religioso da Al-Qaeda antes de se juntar ao autodenominado Estado Islâmico. Qardash é conhecido por duas alcunhas: “Destruidor” e “Professor”, uma vez que é descrito como sendo cruel, autoritário e muito respeitado entre os membros do Estados Islâmico, mas também visto como um estratega. Era ele quem comandava e planeava as operações diárias do Daesh.

Pesquisas em fontes abertas revelam, de acordo com o Expresso, que Qardash é de Tal Afar, no Iraque, e terá estudado Ciências Islâmicas em Mossul.

O Amaq, a revista da propaganda do Estado Islâmico, anunciou que Qardash foi indigitado para reconstruir a organização terrorista, sendo previsível uma onda de atentados, onde quer que o grupo tenha ainda forças para os executar.

No domingo, Donald Trump confirmou a morte de Abu Bakr al-Baghdadi, que se fez explodir num túnel enquanto fugia dos militares norte-americanos. O líder do Estado Islâmico fugiu com três dos seus filhos pequenos, e quando se viu encurralado num túnel sem saída, ativou o colete de explosivos, causando não só a sua morte como também das crianças.

Um cão usado pelos militares norte-americanos que tinha ficado ferido na operação que conduziu à morte do líder do Daesh já recuperou e está de volta ao serviço ativo.

“A última noite foi uma noite importante para os Estados Unidos e para o mundo. Um assassino implacável foi eliminado e não irá fazer mais vítimas. Morreu como um cão“, afirmou. “Não morreu como um herói, morreu como um cobarde”, disse Trump, sublinhando que Baghdadi morreu “a gemer, a gritar e a chorar”. O corpo terá sido sepultado no mar.

Abu Bakr al-Baghdadi era um dos homens mais procurados do mundo. Em outubro de 2011, os Estados Unidos designaram-no oficialmente como “terrorista” e ofereceram uma recompensa de 10 milhões de dólares, cerca de 9 milhões de euros, por informações que pudessem levar à sua captura.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Tudo invenções ocidentais que inventaram o terrorismo para depois nos sacar o dinheiro supostamente gasto para nos “libertar” desse terrorismo. Sistema podre mas muito criativo em engenharia manipulativa e propaganda. Goebells deve estar invejoso no caixão.

  2. Sempre se disse e sempre se repetirá, que os EUA são os grandes (i)responsáveis pela criação do Daesh. Por isso, aguentem-nos, tratem deles, desenrasquem-se, mas não envolvam países inocentes nas borradas dos presidentes americanos. A invasão e destruição do Iraque, sem motivo aparente, até hoje, fez com que se criasse um exército de oficiais e soldados que, de um momento para o outro ficaram sem emprego, sem pátria, sem comando, sem rumo e à deriva. E o resultado viu-se.

    • Claro, abatê-lo rapidamente para que nunca possa dar com a língua nos dentes e dizer quem é que o pôs lá e quem é que os financia realmente. Muito conveniente. Já foi assim com outros no passado e assim continuará a ser. Mortos e caladinhos.

  3. Esta cria da cia vai ser tão abatida como a anterior cria que foi abatida em 2014, 2015, 2017, 2018 e novamente em 2019 e tudo com funerais. A juntar à história da carochinha dos amérikas temos as várias inconsistências do relatório. Esta nova cria deve ter uns 10 funerais oficiais. Afinal os terroristas criados pelo ocidente estão cada vez mais resistentes.

  4. Quando escrevi num comentário, que estes simpáticos rostos, são tão numerosos como “pulgas num cão vadio”, não quis ofender a raça canina por a qual tenho todo respeito !….. Portanto enquanto forem fornecidos em armamento, iremos assistir e ser vitimas das acções orquestradas por estes débeis mentais ! Somos o que somos!!! os piores seres ditos “inteligentes”, a superficie da Terra desde que o Mundo é Mundo !

  5. GRANDE presidente americano ! Se não é a américa, o mundo está fodricado. Agora é já em cima deste novo líder do IE e liquidá-lo, quanto antes. Obrigado, Presidente.

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …