Espiões russos foram à Irlanda investigar cabos submarinos de Internet. Teme-se que os cortem

Esta segunda-feira, o mundo entrou em estado de alerta: agentes secretos da Rússia foram descobertos na Irlanda, numa missão para mapear a localização exata dos cabos submarinos que conectam a Europa à América do Norte.

Não se sabe ainda qual é o objetivo da Rússia mas, como estes agentes pareciam estar a procurar pontos fracos na estrutura dos cabos, é possível que estejam a tentar hackear as comunicações que passam por eles – ou até mesmo cortá-los, de acordo com o jornal britânico The Sunday Times.

De acordo com o Business Insider, estes cabos submarinos são o principal elo de ligação entre os servidores de Internet de diferentes continentes. Ao todo, existem 300 cabos a passar por baixo dos oceanos, que são responsáveis 97% de todas as transferências intercontinentais feitas atualmente pela Internet. A rutura desses cabos pode não só causar danos gravíssimos à economia global, mas até mesmo deixar países inteiros sem acesso à Internet.

Apesar da importância, estes cabos são hoje o maior ponto fraco de praticamente todos os países do mundo: apesar de serem responsáveis por praticamente todas as grandes transações globais, não possuem qualquer mecanismo de defesa, sendo que a sua localização pode ser descoberta em mapas públicos e fáceis de serem alcançados por qualquer pessoa com o equipamento de mergulho adequado.

De acordo com o serviço de inteligência irlandês, os agentes descobertos terão uma ligação com o Departamento Central de Inteligência (GRU) da Rússia e estariam também a monitorizar o Porto de Dublin, o que obrigou o governo do país a reforçar o patrulhamento da costa do país.

A escolha de Dublin para este tipo de atividade de espionagem é facilmente compreendida: por estar próxima tanto dos Estados Unidos como da Europa, diversos dos cabos submarinos passam pelo país, ligando os Estados Unidos à Irlanda e, de lá, para o Reino Unido e o resto da Europa. Assim, ao cortar os cabos do país, a Rússia abalaria de uma só vez toda a comunicação entre seus dois maiores adversários sem sofrer qualquer tipo de dano.

Telegeography.com / Asia Times

Mapa da rede mundial de cabos submarinos de telecomunicações

Recentemente, o país instalou uma nova infraestrutura de rede que o separa do resto da Internet, permitindo que possa continuar a operar localmente para o caso de algum inimigo do estado russo tentar cortar os cabos de Internet que chegam ao país.

Outro motivo é que, por causa dessa importância para os cabos submarinos, a Irlanda é um verdadeiro hub europeu de serviços online, e praticamente todas as grandes empresas do setor – Google, Facebook, Twitter – possuem sedes e servidores no país. Aliado ao facto de a Irlanda não possuir nenhuma ferramenta de contra-espionagem, isto faz do país um alvo perfeito para os russos.

Já há muito que os países do ocidente temem que a Rússia tente cortar os cabos submarinos de Internet e, assim, interferir com toda a comunicação e economia global. Em dezembro de 2017, o Almirante Sir Stuart Peach, o mais condecorado militar ainda em serviço de todo o exército inglês, já havia alertado sobre como os cabos submarinos que atravessavam o oceano seriam a maior vulnerabilidade de qualquer país, pois o corte desses equipamento que estão desprotegidos no fundo do oceano poderiam levar a um colapso económico mundial.

Quando navios espiões russos foram detetados próximos à área por onde os cabos passam em 2018, esse medo deixou de ser um possível cenário de preocupação para se tornar algo real e palpável.

Por enquanto, escreve o CanalTech, os especialistas em segurança militar acreditam que o principal objetivo dos russos seriam encontrar formas de intercetar os dados enviados através desses cabos para que possa espionar todas as transações económicas e comunicações enviadas entre os Estados Unidos e a Europa.

No entanto, ninguém descarta a possibilidade de uma rutura dos cabos como uma forma do governo russo demonstrar que possui força para ferir gravemente o ocidente sem usar armas nucleares.

ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. Mas o que querem estes pulhas? O que os move? Quem os ameaça? São uma ameaça constante para a paz no Mundo e rm concreto para a Europa estando em pré-guerra com todos os vizinhos, devido a desejos e expansionistas sobre todos eles, quando têm uma população miserável pobre, subdesenvolvida e nem sequer é suficiente para ocupar toda a federação russa! Ainda estes canalhas se queixam sobre as medidas cautelares das potências Ocidentais! Que porcos.

  2. Podes crer Ana, pq se cortarem os cabos, ainda temos os “link’s” por satélite… ou seja, não dá em quase nada.
    O único senão é uma ligeira redução velocidade de tráfego.

  3. Oa russos, sempre os russos a tramarem os inocentes europeus e americanos, quando estes têm espionado até os próprios aliados e lhes fazem constantemente chantagem

  4. Dantes era a URSS ou USSR, toda gente pensava que eram anormais por causa do ‘comunismo’.
    Mas o comunismo foi e os russos continuam iguais a si mesmo, malucos. Até os alemães do Terceiro Império tinham um nome para isto.
    Os russos nunca inventaram nada, roubaram a bomba nuclear, tudo que fazem é feio.
    Num livro de Frodo a russia seria o país das sombras

  5. Incrivel, esta noticia abre novos horizontes a Portugal.
    Sugiro que transfiram os hubs de comunicação e internet para Portugal, não só pela sua recente frota submarina, o que constituí por si só um valiosíssimo factor dissuasor, mas porque também é um país onde os segredos são invioláveis, ver por exemplo onde param as facturas e contratos de compra dos submarinos!!! informação top secret e em quase 10 anos, nunca foram encontrados vestigios dessa operação, ainda bem que era uma operação isenta de IVA.

RESPONDER

Autarca de Cascais associa festa privada de luxo a “número muito expressivo” de casos

O presidente da Câmara Municipal de Cascais associou este sábado uma festa privada, organizada num clube de luxo na Avenida de Liberdade, a "um número muito expressivo de casos" registado no concelho. "A festa de aniversário …

João Almeida acaba em 4.º e faz história no Giro. É o melhor português de sempre na prova

O português João Almeida (Deceuninck-QuickStep) subiu este domingo ao quarto lugar final da 103.ª edição da Volta a Itália em bicicleta, no contrarrelógio da 21.ª etapa, que 'coroou' o britânico Tao Geoghegan Hart (INEOS). O português …

Santo Stefano paga 8.000 euros por ano a quem quiser viver na vila medieval italiana

Santo Stefano di Sessanio, uma vila medieval em Abruzzo, uma região no lado leste do centro-sul da Itália, está disposta a pagar a quem quiser mudar-se e começar um negócio nesta pequena localidade. Uma pequena vila medieval …

Portugal com mais 19 mortos e 2.577 casos confirmados

Portugal contabiliza este domingo mais 19 mortos relacionados com a covid-19 e 2.577 casos confirmados de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o boletim este …

Espanha decreta novo estado de emergência. Durará seis meses e terá recolher obrigatório

O Governo de Espanha aprovou este domingo o estado de emergência sanitária que permitirá a instauração do recolher obrigatório em todo o país para travar a de casos do novo coronavírus, anunciou o primeiro-ministro. O estado …

CDS quer saber se proibição de deslocações entre concelhos exclui assistir a espetáculos

O grupo parlamentar do CDS-PP questionou este sábado o Governo se a proibição de deslocações durante o fim de semana dos Fiéis Defuntos exclui deslocações para assistir a espetáculos culturais, querendo saber como justifica a …

Pandemia "roubou" dez anos à almofada financeira das reformas

O jornal Público escreve este domingo que dez meses de pandemia foram o suficiente para encurtar em uma década o prazo previsto até ao esgotamento do fundo que serve de almofada financeira para o sistema …

Chicago tem a maior praga de ratos dos Estados Unidos (pelo 6.º ano consecutivo)

Chicago, a cidade mais populosa do estado do Illinois, é, pelo sexto ano consecutivo, aquela que tem a maior praga de ratos dos Estados Unidos. Uma empresa de controlo de pragas garante receber mais chamadas …

Presidente da Samsung morre aos 78 anos

O presidente da Samsung Electronics, Lee Kun-hee, morreu este domingo aos 78 anos, disse o grupo sul-coreano em comunicado. Lee, que transformou o grupo num gigante global das telecomunicações, estava acamado desde um ataque cardíaco em …

Chuva de críticas à F1 em Portimão. Organização promete expulsar quem não cumprir distanciamento

Fotografias das bancadas da Fórmula 1 em Portimão começaram a correr este sábado nas redes sociais, gerando alguma polémica e descansando uma série de críticas, uma vez que as bancadas pareciam ter mais público do …