/

Especialista põe em causa autoria de Goya em “dezenas de quadros”

Vicente López y Portaña (1772–1850)

Retrato de Goya, pintado por Vicente López y Portaña (1772–1850), exposto no Museu Nacional do Prado, Espanha

Juliet Wilson-Bareau, uma especialista na obra de Goya, está a pôr em causa a autenticidade de “várias dezenas” de quadros atribuídos ao pintor espanhol, aconselhando os museus que têm obras deste artista a reexaminar os quadros em acervo e a esclarecerem essa questão.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Segundo noticiou o Diário de Notícias, Wilson-Bareau definiu como quadros “problemáticos” aqueles que, ao invés de terem sido pintados pelo espanhol, serão obra dos seus assistentes e aprendizes. “É um campo minado”, avisou.

A revelação foi divulgada pelo Observer, ao qual Wilson-Bareau se mostrou espantada por assistir a sucessivos leilões onde os negociantes sabem que os quadros não serão de Goya mas não hesitam na sua comercialização.

“Todos querem ter quadros de Goya e ninguém se importa se são ou não de autoria duvidosa. Os quadros sobre os quais já existem dúvidas continuam a ser apresentados como sendo de Goya”, indicou a especialista, que foi curadora de exposições do pintor no Museu do Prado.

Juliet Wilson-Bereau, também professora em Oxford sobre o artista, afirmou que são “dezenas” de quadros considerados como de Goya que necessitam de ser atribuídos ao seu verdadeiro autor.

“Temos estado esquecidos desta situação há demasiados anos e chegou a hora de esclarecer. Quase todos os museus que têm um Goya devem confrontar-se agora com a questão possuírem ou não um Goya problemático”, frisou, considerando que “muitos destes quadros são sem dúvida falsos, enquanto outros resultam do trabalho dos seus assistentes no estúdio”.

E acrescentou: “Todos os grandes artistas têm assistentes e Goya também os tinha, o problema é que acreditámos que todos os quadros que constavam do inventário feito após a sua morte era seus e, com o passar do tempo, já se percebeu que não é bem assim”.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.