Equipa da OMS visita hospital de Wuhan onde primeiros pacientes foram tratados

Uma equipa da Organização Mundial da Saúde (OMS) visitou esta sexta-feira o hospital onde a China diz que os primeiros pacientes com covid-19 foram tratados, há mais de um ano, na cidade de Wuhan.

A visita faz parte da investigação no terreno sobre as origens do novo coronavírus.

Os especialistas da OMS viajaram para a China, procedentes de Singapura, a 14 de janeiro passado, mas desde então estiveram duas semanas de quarentena. A missão prolongar-se-á por mais algumas semanas.

Os especialistas e as autoridades chinesas tiveram as primeiras reuniões presenciais num hotel esta manhã.

“Primeiro encontro cara a cara com os nossos colegas. Correção: máscara para máscara, dadas as restrições médicas”, apontou a virologista holandesa Marion Koopmans, através da rede social Twitter.

Membros da equipa deixaram depois o hotel de carro e pouco tempo depois entraram nos portões do Hospital Provincial de Medicina Integrada Chinesa e Ocidental de Hubei, onde, de acordo com o relato oficial da China, a 27 de dezembro de 2019, o médico Zhang Jixian diagnosticou os primeiros casos do que era então designado como “pneumonia de origem desconhecida”.

A OMS disse anteriormente no Twitter que a equipa solicitou “dados subjacentes detalhados” e planeou falar com alguns dos primeiros pacientes.

Os especialistas também têm planeado visitar locais como o mercado de mariscos de Huanan, ligado a muitos dos primeiros casos, o Instituto de Virologia de Wuhan e laboratórios em instalações como o Centro de Controlo de Doenças de Wuhan.

A investigação no terreno, que a China levou mais de um ano a autorizar, é extremamente sensível para o regime comunista, cujos órgãos oficiais têm promovido teorias que apontam para que o vírus tenha tido origem em outros países.

A visita dos especialistas acontece depois de longas negociações com Pequim, que incluíram uma rara reprimenda por parte da OMS, que afirmou que a China estava a demorar muito para fazer os arranjos finais.

Todas as hipóteses estão sobre a mesa enquanto a equipa segue a ciência no seu trabalho para entender as origens da covid-19″, afirmou a OMS.

A determinação da origem do vírus pode levar anos. Determinar o reservatório animal de um surto normalmente requer pesquisa exaustiva, incluindo amostras de animais, análises genéticas e estudos epidemiológicos.

Uma possibilidade é que um caçador de animais selvagens tenha passado o vírus para comerciantes que o levaram para Wuhan. O Governo chinês promoveu teorias, com poucas evidências, de que o surto pode ter começado com a importação de frutos do mar congelados contaminados com o vírus, uma ideia totalmente rejeitada por cientistas e agências internacionais.

Um possível foco para pesquisadores é o instituto de virologia da cidade. Um dos principais laboratórios de pesquisa de vírus da China, que detinha um arquivo de informações genéticas sobre coronavírus em morcegos.

Os membros da equipa da OMS passaram as últimas duas semanas em quarentena obrigatória, período durante o qual comunicaram com as autoridades chinesas por videoconferências, para estabelecer as bases para as visitas no terreno.

Os primeiros casos de covid-19 foram detetados em Wuhan no final de 2019. Desde então, a China relatou mais de 89.000 casos e 4.600 mortes.

Apesar de alguns surtos recentes, o país conseguiu extinguir a doença em grande parte do território, após ter adotado restritas medidas de prevenção, que incluíram isolar cidades inteiras e confinar centenas de milhões de pessoas.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Só podem andar a gozar connosco!
    Então o vírus e as circunstâncias misteriosas , e notóriamente muito mal explicadas, são de 2019, e só agora é que a OMS vai começar a fazer a investigação que poderia e deveria ter logo dado início! ?

RESPONDER

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Na Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, ao leme do comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. …

Governo aperta regras. Passageiros do Brasil ou Reino Unido têm de ter teste negativo e cumprir isolamento

Os passageiros provenientes do Brasil e do Reino Unido vão ser obrigados a apresentar um teste negativo e a cumprir 14 dias de isolamento profilático. A partir deste domingo, os passageiros provenientes do Brasil e do …

O primeiro hotel espacial mudou de nome (e deverá abrir em 2027)

Fechado em casa a sonhar com a próxima viagem? Esqueça as praias paradisíacas ou as grandes metrópoles. As férias do futuro podem vir a ser no Espaço. Tudo começou em 2019, quando a empresa californiana Gateway …