Dores de costas indiciam risco de morte

-

Um novo estudo científico revela que as pessoas que têm dores de costas podem correr maiores riscos de morte, especialmente em idades mais avançadas.

A investigação, que foi publicada no Jornal Europeu da Dor e que se centrou em dados sobre pessoas com 70 anos de idade ou mais, apurou que aquelas que reportaram ter dores de costas ou de pescoço são “13% mais propensas a morrer”, em comparação com as que não revelam este tipo de dores.

Importa sublinhar que não se trata de uma ligação causal, isto é, as dores de costas, por si só, não provocam a morte, mas podem indiciar outros factores ou problemas directamente relacionados com um risco acrescido de morte, “tais como uma saúde empobrecida e fracas capacidades físicas”, evidenciam os cientistas.

A equipa de investigação da Universidade de Sidney, na Austrália, analisou dados do Registo de Gémeos da Dinamarca que inclui mais de 4.300 gémeos com 70 ou mais anos. A estes gémeos perguntaram se sofriam de dores de costas ou de pescoço e voltaram a avaliá-los nove anos depois.

“As pessoas com dores de costas ou de pescoço revelaram um risco de morte 13% maior, devido a qualquer causa, a cada ano, comparativamente com os que não revelaram dores de costas ou de pescoço”, explicaram os investigadores, citados pelo Live Science.

Quando tiveram em conta as capacidades físicas das pessoas e a eventualidade de existirem sintomas de depressão, “a associação entre dores de costas e de pescoço já não era estatisticamente significativa”, apuraram também.

Assim, o autor principal da pesquisa, Matthew Fernandez, constata, em declarações divulgadas pelo The Telegraph, que “as dores de coluna podem ser parte de um padrão de saúde precária e fracas capacidades funcionais, o que aumenta o risco de mortalidade na população mais velha”.

Matthew Fernandez sublinha ainda que se trata de “uma descoberta significativa, já que muitas pessoas pensam que as dores de costas não são uma ameaça à vida”.

Mas o investigador repara que é importante prosseguir com “mais investigação” em torno desta matéria porque, “embora haja uma clara ligação entre as dores de costas e a mortalidade, ainda não sabemos porque é que isso acontece“.

De qualquer modo, Matthew Fernandez atesta que “as dores de costas devem ser reconhecidas como uma importante co-morbidade que provavelmente, influencia a longevidade das pessoas e a sua qualidade de vida”.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Pessoas, que estão vivas, com 70 anos de idade ou mais, são “100% propensas a morrer”.
    Este estudo é meu e vale o que vale.
    Não aterrorizem mais o povo com estas coisas sem terem dados completos sobre a questão.
    Que vamos todos morrer já sabemos, com ou sem dor de costas.

Responder a Vasco Cancelar resposta

Há um mapa que revela os "labirintos" de Titã, a maior lua de Saturno

O primeiro mapa que mostra a geologia global da maior lua de Saturno, Titã, foi concluído e revela completamente um mundo dinâmico de dunas, lagos, planícies, cratera e outros terrenos. Titã é o único corpo planetário …

Cabify deixa de operar em Portugal a partir de 30 de novembro

A Cabify, que estava no mercado português desde 2016, vai deixar de operar em Portugal a partir do próximo dia 30 de novembro. "Queremos partilhar consigo que o próximo dia 30 de novembro será o nosso …

Presidente da federação russa de atletismo suspenso por obstruir investigação

O presidente da federação de atletismo da Rússia e outros seis elementos da federação foram, esta quinta-feira, suspensos, devido a irregularidades relacionadas com uma investigação antidoping. O presidente da federação de atletismo da Rússia, Dmitri Shliajtin, foi …

Avó e tios do bebé deixado no lixo estão a tentar a guarda da criança

O embaixador de Cabo Verde em Portugal explicou, esta sexta-feira, que a mãe e os irmãos da cabo-verdiana suspeita de abandonar o filho num ecoponto estão a tentar obter a guarda da criança por acreditarem …

Esta tecnologia de edição de genoma pode mudar o mundo (mas o seu criador tem receio disso)

A inovação de Kevin Esvelt tem potencial para ser usada tanto para o bem como para o mal. Os perigos que pode advir dela, deixam o biólogo reticente em relação a esta tecnologia, que também …

Governo quer "conciliação" entre tribunais criminais e de família em casos de violência doméstica

O Governo quer que os juízes de instrução possam determinar simultaneamente as medidas de coação a um agressor em contexto de violência doméstica e as medidas provisórias relativas às crianças, seja de promoção e proteção …

Sp. Braga critica autarquia por transmitir jogo do Flamengo em ecrã gigante

O Sporting de Braga acusou a Câmara Municipal de Braga de desrespeitar o clube e os seus adeptos por colaborar na organização da transmissão da final da Taça dos Libertadores de futebol, entre Flamengo e …

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandatos na FPF e COP

Hermínio Loureiro pediu a suspensão dos mandatos de vice-presidente da FPF e do COP, esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a agência …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …