Novo documentário da Netflix arrasa Moro, Bolsonaro e Temer

Fernando Frazão / Agencia Brasil

Jair Bolsonaro

Desde o dia 19 no streaming da Netflix, “Democracia em Vertigem”, de Petra Costa e com música de Rodrigo Leão, é um relato da ascensão de Jair Bolsonaro e Sérgio Moro e da queda de Dilma Rusself e Lula da Silva. A crise de um Brasil dividido em duas horas de cinema de denúncia pura e dura.

Segundo um artigo do Diário de Notícias (DN), publicado na quinta-feira, nos últimos dias Sérgio Moro tem estado nas notícias sobre a sua possível imparcialidade na condução do processo Lava Jato, mas em janeiro estreava no Festival Sundance este documento que investigava e dava pistas sobre o fim da democracia no Brasil desde o ‘impeachment’ a Dilma Rousseff e a queda de Lula da Silva.

“Democracia em Vertigem” tem uma realizadora que investiga em gesto político e que assume a sua parcialidade. “E aí não engana ninguém: mesmo com críticas à falência ética e moral do PT, Petra Costa, filha de antigos ativistas contra a ditadura militar brasileira, está a filmar um golpe e a querer dizer ao espetador que as elites e a direita travaram o processo que Lula tinha iniciado no começo do seu primeiro mandato”, refere o DN.

 

Através de imagens de arquivo e de um acesso privilegiado a Lula da Silva e a Dilma Rousseff, o filme expõe todo o processo que culminou na queda de governo, até à eleição de Jair Bolsonaro.

O documentário contém imagens que denunciam um complô entre juízes e políticos de direita, ao mesmo tempo que prova um país “rachado”, sublinhado num plano simbólico no Planalto, onde um autarca decide que os apoiantes de Dilma ficam à esquerda da linha divisóriA, indica a crítica do DN.

O que surpreende mesmo, continua o artigo, é a forma como consegue mostrar as emoções de Lula da Silva à flor da pele nos momentos em que percebe que a inevitabilidade da sua detenção está ao virar da esquina ou quando segue Dilma Rousseff no exato momento em que acaba de ver a votação no Senado para a sua destituição.

“E, nesse plano, trata-se de um mecanismo emocional que visa afirmar uma ideia de humanidade. Dilma e Lula não são peões políticos, a câmara de Petra não corta as lágrimas que caem dos seus rostos”, lê-se no DN.

De alguma forma, “Democracia em Vertigem” é um complemento a outro documentário, “O Processo”, de Maria Augusta Ramos, apenas visto por cá no IndieLisboa. Mas se em ambas visões há “um registo de prova de cabala ou de golpe palaciano”, o primeiro tem “um pouco menos de cinema e mais de ativismo político, embora Petra ganhe o filme por apostar em confissões íntimas a partir de uma narração que revela um desencanto de quem anuncia nuvens sombrias quanto ao futuro do seu país”.

De acordo com o DN, mais do que peripécias do nascimento de um fascismo populista, a crónica neste registo é a de um trauma. É precisamente esse aspeto que parece conferir ao filme uma carga assustadora, quase de “thriller”, onde os maus-da-fita roubam o sonho de uma democracia de 35 anos – “A democracia no Brasil e eu temos a mesma idade e eu pensava que aos trinta iríamos estar em terreno sólido”, ouve-se Petra a dizer.

“Democracia em Vertigem”, continua o DN, “não vive do arremesso do panfleto mas não deixa de ter uma energia notável de filme de protesto para as audiências internacionais poderem refletir sobre o que se está a passar no Brasil”.

“Petra Costa convenceu a Netflix a apostar nesta sua teoria de como o Brasil não está a dar certo nestes dias de vertigem. Fê-lo com duas horas de cinema documental que deixam em transe qualquer espetador… imparcial”, conclui a crítica do jornal  diário.

TP, ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Sério mesma essa matéria, não provam nada contra o atual governo e se baseia em invasão de privacidade, ninguém sabe se as mensagens do site são verdadeiras, só se sabe que os governos anteriores quase acabaram com o país e disso o documentário fala o que? Nada. Parece que o ladrão tem razão gostaria que a Justiça Brasileira fosse a da China com corruptos

  2. Documentário ridículo feito por militantes de esquerda, direcionados pelo PT e seus satélites para justificar a roubalheira q fizeram! O PT fez um dos maiores roubos da história da humanidade e a roubalheira do PT não tem uma linha nesse documentário??? Cadê a parcialidade?

  3. Desde Dom João que o Brasil cresce com os roubos e corrupção, por que acabar com isto agora?
    Que voltem todos a roubar, é assim que funciona.
    Por que colocar na cadeia empresas que geram empregos só porque corrompe governos? Deixe ela trabalhar!
    O roubo e a corrução são os elementos fundamentais para o crescimento e a felicidade do povo, afinal povo alimentado é povo triste, povo gosta é de pão e circo!
    Prendam-se os homens de bem pois estes só trazem a discórdia, suguem o estado pois é para isto que ele existe!

  4. Acredito que precisamos um pouco mais de cuidado e informações corretas , esse documentário é de fato nos leva a refletir e procurar as respostas para tudo o que aconteceu, de fato foi em um protesto contra as tarifas de ônibus que tudo começou, eu também estive nos protestos e garanto que muitos aproveitaram essa mobilização para fazer outros protestos, muitos voltados a assuntos que não eram do passe livre , usaram a todos para promover uma das mais baixas formas de apoio a deposição da presidente … Tarifa de ônibus se quer é um assunto presidencial , mas mesmo assim devido ao grande número de pessoas nos protestos instalados juntamente com o da tarifa a presidente recebeu alguns membros do passe livre para conversar .
    Estou triste por ter feito parte de uma mentira , que já foi muito longe… Onde muitos se uniram para disseminar a ofensa e a discórdia do mal .
    E u espero que todo o meu erro não traga mais discórdia e ódio e que o povo brasileiro volte a ser uma população unida.
    Hoje o que vejo é um país que eu não queria , as pessoas parecem se ofendem e se agridem de forma gratuita , pessoas sem capacidade de pensar e formar sua própria opinião , atacam de forma cruel chamando outros brasileiros de esquerdopatas ou de comunista por não terem as mesma opiniões ou as vezes capacidade de dialogar .
    Tramas que foram costuradas e criadas para derrubar uma democracia em pró a privilégios de poucos , pessoas que vivem dos seus trabalhos e que se acham ricos e poderosos só porque se encontram em uma situação um pouco melhor que os outros , influenciadores que fazem alienação de cabeças fracas e sem equilíbrio emocional .
    Precisamos de um pouco mais de coerência e de sabedoria , para não continuarmos destruindo com o nosso país … Realmente hoje não tenho certeza se tudo o que foi feito pelos nossos políticos, ex juiz e MP não foi algo premeditado e que golpeou nossa politica e democracia de uma forma suja e criminosa.

  5. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK..DOCUMENTÁRIO AGORA VIROU PROPAGANDA DE IDEOLOGIA??QUE LIXO…

Valência chega a acordo com Diogo Leite. Saída do FC Porto estará quase consumada

O Valência tem 20 milhões de euros para oferecer ao FC Porto em troca do defesa-central Diogo Leite, com quem já terá chegado a acordo. De acordo com o jornal desportivo A Bola, Diogo Leite já …

Jornais espanhóis fazem boicote às "conferências-farsas" do Governo

Os jornais espanhóis, como o Libertad Digital, o El Mundo, o ABC e o Vozpópuli, estão a boicotar as conferências de imprensa do governo de Espanha, acusando-o de filtrar as perguntas dos meios de comunicação. Tudo começou …

Número diário de óbitos desce em Espanha. Mais um campo de refugiados grego em quarentena

Em Espanha, o número diário de óbitos por infeção de covid-19 tem mantido uma tendência de subida. Já na Alemanha, há menos casos, mas mais mortes. Espanha continua a manter a tendência de descida do número …

Trump diz que o pior está para vir (mas admite aliviar restrições para ir à missa na Páscoa)

Este sábado, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, admitiu que o pior ainda está para vir e que ainda “vai haver muitas mortes". Depois, disse que está a pensar aliviar as restrições para permitir …

Covid-19. Mais 754 casos de infeção e 29 mortes em Portugal

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Deral da Saúde (DGS) este domingo, há 11.278 infetados por covid-19 em Portugal e 295 óbitos. O número de infetados por covid-19 subiu, este domingo, para um total …

Inspetores do SEF suspeitos de assassinar ucraniano foram identificados em carta anónima

Os três inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) suspeitos de assassinar um ucraniano no aeroporto de Lisboa foram identificados numa carta anónima enviada à Polícia Judiciária (PJ). De acordo com o semanário Expresso, a …

Avião fretado pelo Estado aterra em Lisboa com 20 toneladas de equipamento médico

Um avião fretado pelo Estado português chegou este sábado a Lisboa com equipamento médico proveniente de Pequim, incluindo 144 ventiladores e máscaras de proteção respiratória, destinados ao Sistema Nacional de Saúde (SNS), informou a embaixada …

Marinha venezuelana divulga vídeo editado sobre colisão com cruzeiro português

A Marinha venezuelana divulgou, este sábado, um vídeo editado sobre a colisão entre o cruzeiro de bandeira portuguesa "Resolute" e uma embarcação da Marina da Venezuela, "Naiguatá GC-23", ocorrido a 30 de março. O vídeo, de …

PCP quer alargar apoio para recibos verdes aos sócios-gerentes e fundo de apoio às pequenas empresas

O PCP considerou este sábado insuficientes as medidas do Governo de resposta económica à pandemia de covid-19 e defende que o apoio previsto para recibos verdes deveria ser alargado aos sócios-gerentes, um fundo público de …

Governo admite aumentar apoios às empresas (e injetar mais dez mil milhões na economia)

O Ministério da Economia, ouvido pela TSF, admitiu, este sábado, aumentar o apoio às empresas e à economia, de 3 para 13 milhões de euros. De acordo com a TSF, o Ministério da Economia pediu autorização …