Medvedev avisa: deslizámos para uma nova Guerra Fria

maiakinfo / Flickr

O presidente russo Vladimir Putin, com o primeiro-ministro Dmitri Medvedev

O presidente russo Vladimir Putin, com o primeiro-ministro Dmitri Medvedev

O primeiro-ministro russo, Dmitri Medvedev, afirma que as relações entre a Rússia e o Ocidente entraram numa “nova Guerra Fria”.

“Podemos dizer as coisas claramente: deslizámos para um novo período de Guerra Fria”, declarou Medvedev na Conferência de Segurança de Munique, afirmando que os laços entre Moscovo e a UE também estão deteriorados.

No contexto das tensões provocadas pelo conflito na Ucrânia e do apoio de Moscovo ao regime sírio, o primeiro-ministro russo frisou que “o que resta é uma política de inimizade da NATO em relação à Rússia”.

“Quase todos os dias, somos acusados de fazer novas ameaças terríveis contra a NATO como um todo, contra a Europa ou contra os Estados Unidos ou outros países”, disse.

Medvedev sublinhou que a Rússia está aberta a desempenhar um papel construtivo na guerra da Síria. “Vamos continuar a cooperar na implementação de iniciativas de paz conjuntas. Elas são difíceis, mas não há alternativas ao diálogo entre as nacionalidades e confissões.”

O primeiro-ministro russo afirmou ainda ser necessário que a confiança entre Moscovo e o Ocidente seja novamente estabelecida, acrescentando ser um “processo difícil”, mas necessário.

O representante russo criticou o alargamento da Organização do Tratado do Atlântico Norte e da influência da União Europeia sobre países europeus que integravam a antiga União Soviética desde o fim da Guerra Fria.

A Guerra Fria correspondeu a um período de tensão política e militar entre os blocos liderados pelos Estados Unidos e pela União Soviética, entre o fim da II Guerra Mundial e a queda do muro de Berlim, em 1989.

Por seu turno, o secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, sublinhou que a Aliança não procura o confronto. “Não queremos uma nova Guerra Fria”, garantiu.

Os ministros da Defesa dos 28 países pertencentes à NATO concordaram esta quarta-feira em aumentar a presença da aliança atlântica no leste da Europa, devido à ameaça sentida por países como Lituânia, Estónia, Letónia e Polónia em relação à Rússia.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Onde nunca existiu nenhuma ameaça Russa há Europa , a Europa pôs na mente que a Russia é uma ameaça á sua segurança .
    É a mesma coisa que argumentar sobre o fato inexistente .
    Mais valia a Rússia mandar 3 ou 4 bombas nucleares para a Europa , desta forma a Nato poderia afirmar o que afirma com provas disso .
    No entanto é ridículo sequer pensar que a Europa tem ou terá alguma defesa contra um futuro ataque provocado há Rússia pela NATO , os Russos já vieram várias vezes falar que o escudo de misseis europeus montados pelos estados unidos na Europa contra a Rússia é uma comédia para os novos misseis inter-continentais Russos .
    A Nato está a dar passos lentos para o lado da Rússia , é quase a mesma coisa que alguém ir lentamente com uma caçadeira até á sua porta e dizer que é apara auto-defesa .
    Quando a Rússia ficar farta destas brincadeiras da NATO e arrasar a Europa , depois chorem .

    • Que comédia, estes russos são mesmo uns atrasados… Mas alguma vez tinham hipóteses?
      Eram cilindrados em 2 tempos.
      Cambada de alcoólicos lol

  2. “Mais valia a Rússia mandar 3 ou 4 bombas nucleares para a Europa , desta forma a Nato poderia afirmar o que afirma com provas disso .”

    Parece que estás ansioso que isso aconteça. E já agora, vai até lá, se as bombas cairem é menos um a escrever tanta estupidez nestes sites de notícias.

  3. Concordo consigo Tóino das Batatas, este tal de TIPEPE anda a ver e a ouvir muita porcaria, e anda com o juízo a arrebentar com tanta merda que ouve e vê. Julga ele que se manda bombas nucleares para aqui e ali, como quem cospe caroço de azeitona. É lamentável que algumas pessoas não pensem no que dizem.

Imagens de satélite indicam que Irão começou construções em instalação nuclear

Imagens de satélite divulgadas esta quarta-feira mostram atividades na instalação nuclear iraniana de Natanz, um dia depois de inspetores da Agência Internacional de Energia Atómica confirmarem que o Irão iniciou a construção de uma central …

"Salvadores brancos". Organização vai acabar com as viagens de celebridades a África

A organização Comic Relief vai deixar de enviar celebridades como Ed Sheeran ou Stacey Dooley para fazerem filmes promocionais em países africanos após decidir que a abordagem reforça estereótipos ultrapassados sobre “salvadores brancos”. Além de acabar …

Tragédia no Canal da Mancha. Quatro migrantes morreram em alto mar após Governo rejeitar rota segura

De acordo com as autoridades francesas, quatro migrantes - incluindo duas crianças de cinco e oito anos - morreram ao tentar chegar ao Reino Unido de barco através do Canal da Mancha. O pequeno barco …

Detidos 21 suspeitos de desviarem fundos para financiar Puigdemont na Bélgica

A operação da polícia espanhola contra o alegado desvio de fundos públicos para financiar as despesas do ex-presidente regional catalão Carles Puigdemont fugido na Bélgica resultou hoje em 21 detidos ligados ao movimento independentista na …

Ativista detido depois de tentar retirar uma escultura indonésia do Museu do Louvre

Mwazulu Diyabanza foi detido na semana passada em Paris, depois de tentar retirar uma escultura indonésia do Louvre. O ativista congolês disse que a ação foi parte de um protesto para que os museus europeus …

Proteção Civil do Porto já pediu recolher obrigatório e recomenda novo estado de emergência

A Proteção Civil do distrito do Porto já avançou com o pedido ao Governo de recolher obrigatório para a região. Marco Martins sugere ainda o regresso ao estado de emergência. Marco Martins, responsável pela proteção Civil …

Exames nacionais de 2021 mantêm normas excecionais criadas no anterior ano letivo

Os professores vão voltar a contabilizar, na classificação dos próximos exames nacionais, apenas as respostas às perguntas obrigatórias e àquelas em que o aluno tenha melhor pontuação, à semelhança das normas excecionais aplicadas no ano …

PSD-Madeira critica preços "pornográficos" e "obscenos" nas viagens da TAP no Natal

O PSD-Madeira voltou nesta quarta-feira a criticar os preços praticados pela TAP nas viagens para a região, referindo que na época do Natal chegam a atingir 1.143 euros, e considerou os valores “pornográficos” e “obscenos”. “São …

Autarca de Roma revela que máfia italiana planeou um ataque contra si e a sua família

A presidente da Câmara de Roma, Virginia Raggi, revelou que grupos do crime organizado planearam matá-la e a sua família porque ela os estava a atacar em partes da capital italiana que dominam. Aos 37 anos, …

OE2021. "Quem vota contra quer outro modelo ou desistiu de melhorar o SNS", diz Temido

A ministra da Saúde, Marta Temido, sustentou esta quarta-feira que os partidos que vão votar contra o Orçamento do Estado para 2021 querem outro modelo de sistema de saúde ou desistiram de melhorar o SNS. Numa …