Mãos no colo e janela aberta. DGS divulga orientações para os transportes públicos

Manuel de Almeida / Lusa

Desinfeção frequente das superfícies, distanciamento físico e uso de máscara são algumas das orientações divulgadas pela Direção-Geral da Saúde para os transportes públicos.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) publicou esta quarta-feira as orientações de cuidados de saúde pública a manter em transportes públicos como autocarros, comboios, metros e táxis.

As empresas e operadoras de transportes públicos coletivos e individuais devem ter um plano de contingência próprio, ficando encarregues de acompanhar a sua implementação. O plano deverá garantir “aconselhamento técnico aos seus colaboradores, sensibilização para o cumprimento de medidas de proteção contra a covid-19 e materiais de limpeza, máscaras e equipamentos de proteção individual adequados”.

Os trabalhadores devem ser sensibilizados para o cumprimento das regras de etiqueta respiratória, lavagem correta de mãos, distanciamento físico e outras medidas de higienização e controlo ambiental.

“Os trabalhadores que estejam expostos ao público ou que partilhem o mesmo espaço com outras pessoas devem utilizar máscara facial, de preferência cirúrgica”, lê-se ainda no documento citado pelo SAPO24.

Em relação aos passageiros de transportes públicos, a DGS recomenda que sigam as medidas de segurança e de higiene recomendadas, entre as quais a utilização de máscara. Para além do apelo ao distanciamento físico, etiqueta respiratória e lavagem correta de mãos, os passageiros também devem “reduzir ao mínimo o contacto manual com as superfícies”.

Como tal, as empresas e operadoras deverão “disponibilizar, para trabalhadores e utilizadores, uma solução antissética de base alcoólica ou outra solução à base de álcool”.

O pagamento eletrónico deve ser privilegiado, evitando ao máximo o contacto direto com os motoristas e funcionários.

Nos veículos em que tal seja tecnicamente possível, a DGS determina a “abertura automática das portas, efetuando paragem em todas as estações/paragens, no sentido de evitar que os utilizadores tenham de carregar no botão de abertura de portas (botão stop), e privilegiar a entrada e a saída dos utilizadores pela porta traseira do veículo”.

Em táxis e veículos TVDE, os passageiros devem viajar apenas no banco de trás, “mantendo a janela aberta para permitir a circulação do ar”.

“Já os utilizadores deste tipo de transporte devem colocar os pertences próprios na bagageira de forma autónoma e independente, manter as mãos no colo durante a viagem e evitar o manuseamento e toque nas superfícies do interior do veículo e higienizar as mãos antes e após a utilização”, lê-se ainda no documento.

A limpeza e desinfeção das superfícies é também uma das prioridades apontadas pela DGS para todas as empresas e operadoras de transportes públicos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Portanto que se ponham a pau as empresas privadas sujeitas a fiscalização e multas. As empresas de estado podem voltar ao modo “lata de sardinha”. Tal como na limpeza das matas, o zé povinho paga mas as matas do estado continuam na mesma…

RESPONDER

O novo recurso da Google encontra qualquer música. Basta cantarolar, assobiar ou cantar

Na semana passada, a gigante tecnológica da Google lançou uma versão atualizada da aplicação que ajuda a encontrar qualquer música que esteja presa na sua cabeça - mas que não saiba o nome. Com a nova …

Pintura de Jacob Lawrence desaparecida há 60 anos foi encontrada em Nova Iorque

Uma visitante do Met, nos Estados Unidos, descobriu o paredeiro do quadro desaparecido de Jacob Lawrence. A mulher associou o quadro a um pendurado na sala de estar dos seus vizinhos, suspeitando que poderia fazer …

Fezes ancestrais ajudam a descobrir como o microbioma afeta a nossa saúde

Um novo estudo, realizado em Israel e na Letónia, analisou fezes ancestrais e comparou-as com o nosso microbioma para tentar descobrir pistas sobre as doenças modernas. A equipa de investigadores, que trabalhou enterrada até aos joelhos …

Santa Clara 1-2 Sporting | “Leão” mostra POTEncial nas ilhas

Ao final da tarde deste sábado, o Sporting venceu o Santa Clara por 2-1, num duelo a contar para a 5ª jornada da Liga NOS que decorreu no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada. …

Robô ultrarrealista pode vir a substituir os golfinhos em cativeiro em parques temáticos

A empresa de engenharia Edge Innovations, com sede em São Francisco, Estados Unidos, projetou e construiu um golfinho-robô que se parece e age quase exatamente como um. Nadando ao redor da piscina enquanto um grupo de …

PCP avisa: Abstenção é “apenas e só” para discutir o OE2021

O secretário-geral do PCP avisou este sábado que a abstenção anunciada pelo partido visa "apenas e só" fazer passar o Orçamento do Estado de 2021 a "outra fase de discussão" e recusou estar garantido um …

Convento medieval encontrado sob parque de estacionamento em Inglaterra

Uma equipa de arqueólogos britânicos encontrou um convento medieval, há muito perdido, debaixo de um parque de estacionamento em Inglaterra. Há muito que os arqueólogos britânicos especulavam sobre a potencial localização de um antigo convento medieval, …

Virgin Galactic leva cientista planetário ao Espaço pela primeira vez

O norte-americano Alan Stern será o primeiro a realizar experiências científicas financiadas pela NASA, a bordo de uma aeronave comercial da empresa espacial privada Virgin Galactic. A NASA revelou a semana passada que o cientista planetário …

Português responsável por limpeza de hospitais condecorado pela Rainha Isabel II

O português Maciel Vinagre pensou que era mentira ou engano ao ler a notificação de que tinha sido distinguido pela Rainha Isabel II pelo trabalho como responsável da limpeza de dois hospitais públicos britânicos durante …

Japonês inventa sacos de plástico "comestíveis" (para salvar o veado sagrado de Nara)

Um empresário local no destino turístico japonês de Nara desenvolveu uma alternativa aos sacos de plástico de compras para proteger o veado sagrado da cidade. Hidetoshi Matsukawa, que trabalha na Nara-ism, um agente de souvenirs, disse, …