Défice piora 314 milhões de euros até abril devido aos reembolsos fiscais

Manuel de Almeida / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno

O ministro das Finanças, Mário Centeno

O défice orçamental das administrações públicas, em contabilidade pública, subiu para 1.931 milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano, piorando 314 milhões face ao mesmo período do ano passado.

Segundo o comunicado enviado pela tutela, o défice orçamental até abril aumentou 314 milhões de euros, o que se deveu essencialmente ao aumento de 530 milhões de euros do valor dos reembolsos dos vários impostos, em particular do IRS e do IVA.

Os reembolsos do IRS aumentaram 215 milhões de euros, em resultado do IRS Automático, que permitiu este ano, pela primeira vez, aos contribuintes que tenham apenas rendimentos do trabalho dependente ou de pensões e que não tenham dependentes, acederem a uma declaração pré-preenchida que podiam validar e entregar de forma rápida.

Além disso, este ano houve, também pela primeira vez, um prazo único de entrega da declaração de rendimentos, entre 1 de abril e 31 de maio, independentemente das categorias de rendimentos dos contribuintes, o que significa que sujeitos passivos que até aqui só podiam entregar a declaração em maio puderam agora fazê-lo em abril, o que também terá contribuído para esta aceleração dos reembolsos.

Os reembolsos do IVA, por seu lado, aumentaram também 289 milhões de euros, devido à redução do prazo médio de reembolsos que se tem verificado desde o início de 2017: entre janeiro e abril, o prazo médio de reembolsos do IVA mensal foi de 20 dias, o que compara com os 29 dias registados nos mesmos meses de 2015.

Do lado da despesa, nos primeiros quatro meses do ano, a despesa primária (que exclui os encargos com a dívida pública) das administrações públicas cresceu 0,8%, um aumento inferior ao previsto no Orçamento do Estado para o conjunto do ano (de 5%).

Olhando para várias rubricas da despesa, verifica-se que a despesa de investimento das administrações públicas aumentou 12,4% até abril e que as despesas com pessoal aumentaram 0,8% no mesmo período e face ao período homólogo.

Segundo o Governo, estes efeitos são temporários e não põem em causa a meta estabelecida para o défice.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Absolutamente normal!
    Agora experimentem meter a escumalha que foge ao fisco a torto e a direito, a pagar o que tem de pagar, e recuperem o que essa chulagem do BPN, BPP, BES, BANIF, etc, roubaram. Quase de certeza que ficamos em superavit.

RESPONDER

Coimbrões 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto venceu hoje o Coimbrões, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal que os «dragões» resolveram com três golos nos 12 minutos iniciais. Aproveitando a inexperiência e nervosismo da formação …

Produção de filmes em Hollywood é um inimigo silencioso do ambiente

Hollywood é casa para a maioria dos grandes filmes produzidos que estreiam nas salas de cinema espalhadas por todo o mundo. Contudo, consegue ser bastante prejudicial para o meio ambiente e, mais do que nunca, …

O escorbuto era uma doença comum entre piratas, mas pode estar de regresso

O número de casos de escorbuto no Reino Unido mais do que duplicou nos últimos anos. A desnutrição é um dos principais responsáveis pelo regresso desta doença. O escorbuto está em ascensão no Reino Unido e …

Dois veleiros robotizados vão medir alterações climáticas no Atlântico

Dois veleiros de navegação robotizada vão medir, durante os próximos quatro meses, a pegada das mudanças climáticas no oceano Atlântico e irão passar pela Madeira e Cabo Verde. A Plataforma Oceânica das Canárias (PLOCAN) libertou esta …

A educação científica está sob ataque legislativo nos Estados Unidos

São inúmeros os professores de ciências que trabalham diariamente nas escolas públicas dos Estados Unidos para garantir que os alunos estão equipados com o conhecimento teórico e prático necessário para enfrentar o futuro. No entanto, …

João Félix saiu lesionado com gravidade no jogo contra o Valência

João Félix, avançado português do Atlético de Madrid, saiu este sábado lesionado com "forte torção no tornozelo direito", ao minuto 78 do jogo contra o Valência, da nona jornada da Liga espanhola de futebol, disputado …

As traças ficaram mais escuras por causa da Revolução Industrial? Cientistas já sabem a resposta

No virar do século XIX, na Grã-Bretanha, traças de todo o país começaram a ficar gradualmente mais escuras em resposta à forte poluição provocada pela Revolução Industrial. A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações …

Mais de mil médicos foram alvo de processos disciplinares. 45 foram condenados, nenhum foi expulso

Mais de 1.070 processos disciplinares a médicos foram abertos no ano passado pelos conselhos disciplinares da Ordem, tendo sido condenados 45, segundo dados este sábado divulgados. Segundo os dados da Ordem dos Médicos, os conselhos disciplinares …

Publicar no Instagram rende mais a Ronaldo do que jogar na Juve

As publicações pagas no Instagram rendem mais a Cristiano Ronaldo do que jogar na Juventus, revela um estudo do Buzz Bingo. O internacional português foi a personalidade mais bem paga neste rede social em 2018. De …

Brexit: Hoje era o Dia D (mas afinal, fica tudo na mesma)

Devia ter sido o dia decisivo para o Brexit no Parlamento do Reino Unido, mas o processo foi mais uma vez adiado.  Foi aprovada uma emenda que obriga o primeiro-ministro Boris Johnson a pedir um novo …