Covid-19. Doentes curados continuaram internados por falta de respostas sociais

Jean-Christophe Bott / EPA

De acordo com o barómetro especial sobre internamentos sociais, da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH), quase 20% dos doentes curados continuaram internados por falta de respostas sociais.

O barómetro especial sobre internamentos sociais, da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH), que inclui um levantamento sobre dos doentes infetados com covid-19 realizado em maio, concluiu que 18% dos curados continuaram internados, em média 16,5 dias.

Segundo o Público, que avança a notícia nesta segunda-feira, os três principais motivos para estes doentes se manterem internados foram a incapacidade de resposta de familiar ou cuidador em período de covid-19 (29%), a falta de capacidade da estrutura residencial para idosos para garantir as condições de isolamento necessárias (23%) e a espera para que o teste dê negativo para admissão na RNCCI (21%).

O barómetro, citado pela TSF, dá conta de que a maioria (73%) está na região Norte e tem idade igual ou superior a 70 anos (77%).

Em média, os idosos em internamento social ficaram dois meses e meio a aguardar uma solução. No caso mais difícil, um paciente com alta teve de esperar 220 dias – mais de sete meses – até poder sair do hospital.

Deveria ter havido respostas sociais para os doentes com Covid-19 que não necessitam de cuidados hospitalares”, considera Alexandre Lourenço, presidente da APAH, acrescentando que, “para segundas ou terceiras vagas, é preciso planear este tipo de resposta de cuidados continuados ou de natureza social”.

A pandemia veio agravar o problema da falta de cuidados continuados em Portugal. A 18 de fevereiro estavam internadas inapropriadamente nos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) 1.551 pessoas – cerca de 8,7% dos doentes internados daquele dia.

“É o número mais elevado [das edições já realizadas] de utentes internados inapropriadamente. Praticamente um em cada dez doentes estava internado por motivos sociais. Fomos surpreendidos por este resultado de 8,7% do total de internamentos”, disse ao Público Alexandre Lourenço.

Os internamentos têm também grandes impactos financeiros nos hospitais. Neste caso, o impacto financeiro dos internamentos inapropriados a 18 de fevereiro foi de 46,6 milhões de euros. Pelas contas da APAH, os internamentos sociais vão custar ao Estado, só este ano, 184 milhões de euros.

A quarta edição do Barómetro de Internamentos Sociais, realizado pela APAH, contou com a informação de 40 hospitais do Continente e da Região Autónoma dos Açores, que representam 78% do universo de unidades e 90% das camas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Pela primeira vez, cientistas viram chimpanzés a matar gorilas

Investigadores testemunharam, pela primeira vez, chimpanzés e gorilas a lutar entre si, confrontos esses que provocaram a morte de alguns deles. De acordo com o site Science Alert, as duas disputas foram observadas no Parque Nacional …

Vírus com 15 mil anos descobertos no gelo do Planalto do Tibete

Cientistas que estudam glaciares encontraram vírus com quase 15 mil anos em duas amostras de gelo retiradas do Planalto do Tibete, na China. Muitos deles, que sobreviveram porque se mantiveram congelados, são diferentes de todos …

Leite sem lactose em laboratório (e com a ajuda de membranas de óxido de grafeno)

As membranas de óxido de grafeno (uma forma oxidada do material) têm sido muito estudadas para a dessalinização da água e separação de corantes, mas as suas propriedades podem não ficar por aqui. Uma equipa de …

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …