Crítico de Marta Temido, Adalberto Campos Fernandes vai liderar estudo “sem sectarismos” sobre o SNS

Manuel de Almeida / Lusa

O ex-ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes

O Conselho Económico e Social (CES) vai dedicar-se este ano a dois grandes estudos, que serão coordenados pelo militante social-democrata Fernando Alexandre e o ex-ministro socialista crítico do Governo Adalberto Campos Fernandes.

De acordo com o semanário Expresso, que ouviu o presidente do Conselho Económico e Social (CES) e o ex-eurodeputado do PS, Francisco Assis, Fernando Alexandre, ex-secretário de Estado do PSD na Administração Interna e professor de Economia será o responsável pela “discussão sobre o crescimento da economia e a produtividade”.

“Será uma ampla discussão ouvindo todas as correntes de opinião sobre porque é que Portugal cresce tão pouco, projetado para depois da pandemia”, explicou Assis.

Adalberto Campos Fernandes, que foi o primeiro a tutelar a pasta da Saúde nos Governos de António Costa e que tem sido crítico da atual ministra Marta Temido, vai coordenar estudo sobre o Serviço Nacional de Saúde (SNS).

“Pedi a Adalberto Campos Fernandes para ser ele a coordenar. Temos oito conselheiros do setor da saúde, é muita gente a pensar e ele próprio tem uma grande experiência teórica e pratica”, afirmou o presidente do CES, acrescentado que pretende um “debate sobre saúde, partindo do que está balizado na Constituição”, ou seja, um sistema universal e tendencialmente gratuito, “mas sem qualquer limitação em abordar o assunto”.

Para Assis, o facto de muitas pessoas de “classe média e média baixa terem seguros de saúde, mostra alguma desconfiança sobre SNS” e merece reflexão. O ex-eurodeputado espera uma reflexão “aberta à realidade” e “sem sectarismos”, com “componentes ideológicas diversas, mas que fuja do confronto entre os supostos defensores a todo o transe do SNS e os adversários mais radicais contra o Serviço Nacional de Saúde”.

O facto de Portugal ser um dos países mais pobres da Europa e com mais oferta pública e ser dos que gasta maior percentagem do PIB com a saúde privada – 28% contra 16% da Dinamarca, 22% da Irlanda ou 18% de Espanha – será um dos pontos de reflexão.

“Isto significa que alguma coisa já estava a funcionar mal. Evitou-se a rutura, mas não podemos fechar os olhos à realidade”, concluiu Assis.

  Maria Campos, ZAP //

 

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Só que me parece que, pelo que me foi dado observar pelo seu comportamento durante a pandemia, Adalberto não estará assim tão preocupado com os 28% do PIB para os privados (esta quantia faz muita falta ao SNS!). Daí a sua malapata com a ministra que desde o início do seu mandato fez questão de marcar bem a sua posição a favor do SNS. Tenho dúvidas em relação a esta escolha uma vez que o sr Adalberto já está pressioná-la para deixar a “retórica ideológica”. A ministra é ela!! Ele já foi e não teria permitido que ela lhe tivesse falado assim. Acho de muito mau gosto esta observação e não sei se o ministério da saúde fosse liderado por um homem se o sr. Adalberto teria usado o mesmo tom e o mesmo discurso!!

RESPONDER

Com as ruas inundadas, casal indiano usa panela de cozinha para se deslocar para o próprio casamento

Um casal indiano foi transportado para o seu casamento por um meio de transporte incomum: uma panela de cozinha. Com as ruas do estado de Kerala inundadas, após chuvas torrenciais, esta foi a única forma …

OE2022: PCP propõe eliminação do adicional de ISP e da “dupla tributação” dos combustíveis

O PCP anunciou hoje que irá propor em sede de Orçamento para 2022 a eliminação do “adicional” ao Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) e da dupla tributação dos combustíveis e insistir na fixação de preços …

Besiktas 1-4 Sporting | Tratado leonino deixa turcos KO

O Sporting foi à Turquia somar a primeira vitória no Grupo C da Liga dos Campeões, ao bater o Besiktas por 4-1. Um desfecho fundamental para a equipa de Alvalade continuar a acalentar esperanças de apuramento …

Lei de David. Reino Unido pondera acabar com anonimato online depois de esfaqueamento de deputado

A morte de David Amess está a suscitar um debate no Reino Unido sobre a segurança dos deputados e os insultos de que as figuras políticas são alvo nas redes sociais. Depois do deputado conservador David …

"Não há acordo". Bloco e Governo continuam às turras por causa do OE, mas há mais reuniões previstas

Os bloquistas não se mostraram satisfeitos com o resultado da reunião com o executivo e exigem mais cedências do Governo. Ambos os lados confirmam que ainda se vão encontrar mais vezes para debater o Orçamento. "Não …

Dois mortos e 450 feridos em manifestações para assinalar protestos de 2019 no Chile

Dois mortos e 450 detidos foi o resultado da violência registada em Santiago do Chile, na sequência de uma manifestação para celebrar o segundo aniversário dos protestos de 2019 contra a desigualdade social no país. A …

Votação das leis sobre teletrabalho só para depois do Orçamento

As recentes alterações às propostas têm aproximado os partidos, mas as compensações dadas aos trabalhadores pelos custos adicionais do teletrabalho e o direito a desligar continuam sem consenso. Apesar do calendário inicial apontar que os projectos …

O temido aconteceu: Engenheiros criam cão robô com sniper às costas

A Ghost Robotics criou um cão robô com uma arma equipada às costas. O SPUR "é o futuro dos sistemas de armas não tripuladas". A evolução da robótica e da Inteligência Artificial tem sido recebida de …

Morreu Armanda Passos, uma “referência maior da pintura contemporânea nacional”

Armanda Passos faleceu aos 77 anos na passada madrugada. Ferro Rodrigues lamenta a perda de uma "referência maior da pintura contemporânea" portuguesa. A pintora Armanda Passos morreu hoje, aos 77 anos, confirmou a Universidade do Porto, …

Os números que levam o Bayern a dizer: "O Benfica tem medo de nós"

Alemães destacam sete dados, antes da deslocação a Lisboa. Formação do Benfica destacada pelo Bayern. O Bayern Munique, na antevisão ao jogo com o Benfica na terceira jornada da Liga dos Campeões, publicou um artigo com …