Costa garante que a vida vai melhorar para os portugueses em 2016

partidosocialista / Flickr

O primeiro-Ministro António Costa

A vida vai ser melhor para as famílias portuguesas em 2016. A garantia é de António Costa que diz que o Orçamento do Estado para este novo ano vai mostrar que é possível equilibrar as contas públicas com menos austeridade.

Ideias expressas pelo primeiro-ministro num artigo de opinião intitulado “Ano novo, tempo novo“, que é publicado no site do Diário de Notícias.

António Costa apresenta como lemas principais para este 2016 que está a arrancar “mais crescimento, melhor emprego, maior igualdade“.

O primeiro-ministro, que fala numa “primeira prestação de contas da governação”, após apenas um mês de Executivo socialista, destaca que “as famílias portuguesas verão a sua vida melhorar, quebrando-se o ciclo de empobrecimento dos últimos anos“.

O governante faz referência ao “alívio fiscal”, resultante da “supressão” ou da “redução da sobretaxa de IRS já em Janeiro, para os quatro primeiros escalões”, e menciona a reversão dos cortes nos salários da Função Pública, o aumento do salário mínimo nacional para os 530 euros, a reposição do valor do complemento solidário para idosos e do valor de referência do rendimento social de inserção e o aumento dos três primeiros escalões do abono de família.

E com a aprovação destas medidas destaca que o objectivo do seu governo de “interromper o caminho de empobrecimento e retrocesso social que as políticas de austeridade impuseram aos portugueses” e de “afirmar uma nova visão para o país assente numa economia mais forte e sustentável”.

António Costa começa por destacar no seu artigo que quis “marcar a mudança de rumo, concretizando o compromisso eleitoral da viragem da página da austeridade”.

E as primeiras medidas adoptadas “vêm inaugurar um tempo novo para Portugal, alicerçado em mais crescimento, melhor emprego e maior igualdade”, garante o primeiro-ministro destacando a “aprovação de um conjunto de medidas que devolvem rendimentos às famílias e melhoram as condições de investimento nas empresas”.

Sem nunca mencionar o caso do Banif, onde o governo foi obrigado a assumir um elevado custo para os contribuintes,  António Costa refere também “a importância da estabilização do sistema financeiro, que com evitável dramatismo foi necessário enfrentar e que importa consolidar”.

Quanto ao Orçamento do Estado para 2016, o primeiro-ministro promete que vai mostrar “que é possível reverter o empobrecimento, cumprir a Constituição e garantir finanças públicas equilibradas”.

Salientando que o seu governo “e a nova maioria parlamentar provaram que é possível governar de forma diferente”, António Costa apresenta ainda um “compromisso” essencial para 2016.

“Governar melhor, reforçando a transparência e valorizando o diálogo social e descentralizador, tendo em vista um país mais desenvolvido, uma economia mais justa e uma sociedade mais igual“, escreve.

O governante também aproveita para deixar um recado sobre a necessidade de “concretizar ao nível da concertação social um acordo de concertação estratégica, de par com o desbloqueamento da contratação colectiva”.

António Costa termina notando que, após os anos de tumulto da crise, é preciso “gerir com inteligência a torrente, transformando a sua força em energia e progressivamente ir alargando as margens, aplacando a velocidade a que corre o caudal, permitindo navegação tranquila e com rumo certo”.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Cá ficamos a aguardar todos para ver esse milagre de mais de tudo com menos receita, e nada de truques com aumento de impostos porque aí a magia perderá efeito!

  2. Melhorias a partir de 2016? Onde? É c/ trocos que achas q há melhorias? Quem vai continuar a pagar será sempre a pobre da classe media que melhorias não as vê praticamente nenhumas. Como habitualmente estes PS é tudo fogo de vista, palavras, NADA mais. TRETAS!…

  3. Se o costa o diz é porque está certo. O que ele não disse é que a vida vai melhorar para politicos e ex-politicos. Com reformas vitalícias. Para todos os outros vai piorar. Mas que corja de FDP tomou conta deste país depois da abrilada de 74!!!

  4. O que melhorar em 2016 só se deverá ao governo patriotico de 2011-2015! O que irá piorar de 2017 em diante, só o deveremos ao monhé-sem-costas ou sem principios (pq ate apunhala e assassina pelas costas o AJS, e afinal ainda vale menos ou bastante poucochinho menos que AOS) que conjuntamente com os russofilos e os bebes da esquerdalhada serão os estroinas que nos levarao à 4ª bancarrota da esquerdalhada.

RESPONDER

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …

É responsabilidade a mais. Médicos não querem integrar Brigadas Rápidas dos lares

Está a ser difícil contratar médicos para as Brigadas de Intervenção Rápida dos lares que foram anunciadas pelo Governo. Mesmo a receberem acima da tabela de pagamentos, os médicos receiam a falta de condições e …

Restrições a turistas suavizadas. Finlândia tenta salvar a Lapónia (e a época de inverno)

A Finlândia, que vê o turismo estrangeiro em perigo na Lapónia, permite a partir de hoje a entrada de turistas de cerca de vinte países sem terem de fazer quarentena. As medidas surgem numa altura em …

"Foi uma vergonha". PS em choque com saída de Jamila e com o poder de Temido

A saída de Jamila Madeira do cargo de secretária de Estado Adjunta e da Saúde, a pedido da ministra Marta Temido, deixou alguns socialistas "arrepiados" e há um desconforto interno com a situação. É mais …