Costa aposta em programa de Passos que se fartou de criticar

Estela Silva / Lusa

O primeiro-ministro, António Costa

António Costa anunciou, durante o congresso do PS, que a aposta no regresso dos jovens emigrantes será “uma das prioridades” para o próximo Orçamento do Estado. Uma novidade que choca com a posição que assumiu, quando estava na oposição, de forte crítica ao programa lançado pelo Governo de Passos Coelho com o mesmo objectivo.

O programa VEM – Valorização do Empreendedorismo Emigrante – foi lançado com pompa e circunstância pelo governo de Passos Coelho em Março de 2015, mas “desapareceu em 2016 quase sem deixar rasto”, atesta o Diário de Notícias.

O Governo de António Costa deixou cair o programa, isto depois de o actual primeiro-ministro ter sido muito crítico relativamente à medida quando estava na oposição.

Mas agora, o líder socialista apresenta como grande “prioridade” do seu Governo para o Orçamento de Estado para 2019 a aposta em “criar condições únicas e extraordinárias” para promover o regresso dos jovens que se viram obrigados a emigrar.

Na prática, Costa recupera o programa de Passos Coelho que tanto criticou, embora provavelmente com moldes diferentes que ainda não são conhecidos.

O Diário de Notícias avança que o VEM engendrado pelo anterior Governo social-democrata “era lento e atingia poucos jovens”.

Enquanto esteve em vigor, o VEM teve um investimento de 381 mil euros, abrangendo “21 projectos”, dos quais apenas dois “não se concretizaram (um por impossibilidade na atribuição do visto da Venezuela para Portugal e outro por desentendimento entre os potenciais sócios)”, frisa o DN com base em dados do Governo.

O programa atingiu apenas 35 pessoas.

ZAP //

PARTILHAR

22 COMENTÁRIOS

  1. Bem, na realidade Costa não aposta em programa de Passo Fedelho, coisa alguma! O programa agora anunciado (e que ainda nem se sabe em que moldes) é da responsabilidade do actual governo, quer seja para o bem como para o mal.
    Lá está a comunicação social no seu melhor… Tanto vão moendo que as pessoas já perderam a confiança nos cabeçalhos que lêem.
    Então vejamos, Passos Fedelho tentou reduzir o défice, este governo ao tentar reduzir o défice está então a apostar no programa do anterior governo, segundo a lógica destas noticias!
    O objectivo é trazer de volta os jovens que saíram do país por força das circunstancia criadas pelo anterior governo, é um objectivo que qualquer governo tentaria atingir, não podem dizer que apostar neste objectivo é apostar em programa do governo anterior… Até porque nem sabem quais os moldes deste novo programa!
    E assim vamos perdendo a consideração por este jornalismo…

    • Que miséria de comentário. Diz esta Isabel, algures, “O objectivo é trazer de volta os jovens que saíram do país por força das circunstancia criadas pelo anterior governo”. Se esta criatura tivesse vergonha (aliás como muita gente xuxa) não escrevia isto, porque as circunstâncias e dificuldades porque todos passámos, foram criadas pelo partido socialista, ao deixar ao país uma bancarrota e um país falido e hipotecado à troika. Ao Passos Coelho, e a todos nós coube-nos a “fava”, isto é, a salvação emergente do país. Agora este Costa (derrotado em eleições), o que está a tentar é que não saiam mais portugueses para o estrangeiro. Sim porque em tempo de “vacas melhores” e com este governo, eles têm continuado a sair aos milhares. Quanto a miséria governativa (bem camuflada), estamos entendidos.

      • O Passos mandou emigrar, os desaires de má governação veio dos partidos que governaram e do mundo da Finança que mandava nos Governos. O Passos não passou de um deslumbre obcecado pelo défice, penalizar os mais pobres, e exibir se para a Troika dizendo ” eu vou mais além”. De Salvador teve muito pouco e de bom político muito menos

    • Esta avençada do Partido do Saque que aqui assina enquanto Ana Isabel é uma lástima! Total incapacidade de argumentar o que quer que seja. Este comentário é notável pelo seu total vazio.
      A notícia está correta. Se num primeiro momento, e graças ao estado em que o seu partido deixou o país, o Passos teve de apertar fortemente o cinto e nessa fase quase apelou à emigração. Num segundo momento procurou inverter à medida que as condições internas iam melhorando. É um facto.
      Agora também sabemos como é que o país chegou ao que chegou. Afinal o primeiro, o da economia, o das obras públicas e tantos outros andavam a governar-nos, perdão, a governarem-se às custas de todo um povo. E eram do seu gangue! O também conhecido gangue do imobiliário onde resto ainda pontificam alguns que têm conseguido escapar entre os pingos da chuva.

      IMOBILIÁRIA PS – JÁ ERA!

      • já foste, já te esqueceste quem mandou o sócrates abaixo? foi o teu imaculado cavaco e coelho mais as esquerdas unidas contra o mesmo, a memória é curta mas conveniente, devias ter vergonha, hoje governam uns amanhã outros para não se colarem muito ao poder, para não criarem vícios e esquemas como os que o teu partido e o que te está mais à direita para já estão a escapar, mas não vão se livrar sempre, um dia também vão ser humilhados, a história, a justiça e os media esperam, não têm pressa, acorda, os ladrões estão em todo o lado, não é só na casa do teu vizinho.

        • Deves andar com pouca oxigenação no cérebro. Nunca votei em toda a minha vida e já vou com uns saudáveis 57 anos. Partidos?! Cambada de ladrões. Ainda assim, há alguns que parece que não fazem mais nada a não ser roubar. Outros roubam, mas sempre vão fazendo alguma coisa.

  2. E com tal decisão comprova-se uma vez mais que muitas vezes só se é do contra porque a cor política não é a mesma, mas o que me parece ainda mais grave é que o senhor Costa em início de governação prometia esse tal regresso de emigrantes, no entanto em finais de mandato não só não cumpriu o que prometeu como volta a renovar a promessa agora já com fins eleitoralistas, mentiras sobre mentiras e há quem se sinta perfeitamente bem vivendo de ilusões!.

  3. olha lá ó Ana Isabel, o Costinha do PS, deve te dár como o sócrates (desse voçê não fala ) uns presentes para o defender tanto, não sei se sabe o presidente Pedro passos Coelho, sim presidente porque ele ganhou só que o Maduro Português tomou o cargo á força contra a vontade dos Portugueses, e nós estavamos em austeridade, que o sócio do Costinha (Socrates) arruinou o nosso pais, o que queria que ele fize-se? tinha que haver cortes e não tinhamos o combustivel tão caro e não via tantas greves como agora e estava a colocar horários(dos funcionarios publicos) como o privado, mas o Costinha dá tudo ao funcionário publico, para ganhar eleições e dá 2 ou 3 euros aos reformados que se iludem, porque a seguir gastam tudo nos aumentos que são feitos, acorde e não veja cores, veja o que se passa, já votei em partidos diferentes porque perante o que vejo tento escolher o “melhor”, deixe-se de tempos antigos, do Benfica sou para sempre, mais nada.

  4. Alguém escreve que os emigrantes, que nem costa nem nenhum da sua pandilha conseguirão fazer voltar, tiveram de sair do país por culpa do anterior governo. Não Vêm um boi à frente dos olhos. A emigração na segunda década deste século é da culpa do país falido e da vinda da troika chamada pela corja “socialista”. Chamaram a troika porque já não havia chêta nem para pagar salários aos funcionários públicos. O mal do PSD foi deitar o anterior desgoverno abaixo e ir para lá corrigir os erros cometidos. Era deixá-los cair com grande estrondo e para bem fundo, de forma que nunca mais se levantassem. Sacudiram a água do capote, o costa nem sequer ganhou eleições, não obstante os cortes e a austeridade do passos. Teve de se aliar à esquerda(lha) para ir para o poleiro, traindo quem votou nele. Agora também já esteve a sugerir aos empresários que paguem mais salários. Mais uma palhaçada como tantas outras. Os empresários não vão pagar mais salários só porque o sem costas e sem vergonha, pede!

    • já se esqueceu da campanha montada com sócrates para o costa não ganhar, acha que algum dia neste país prendiam um imediato ex-governante do psd ou cds sem culpa formada, sim ele esteve preso largos meses, isso desgasta e muito a imagem de um partido ou não interessa? é que ladrões também os há e em grande número em todo o lado, em todo o lado, e não são só os políticos, que prazer tem este povo em dizer mal dos políticos, a culpa é sempre dos políticos que estão em Lisboa a mamar, tudo que acontece a culpa é sempre dos políticos, do poder, deles, deixem o costa ou quem nos governar em paz, alguém tem de assumir o governo, as contas fazem-se ao fim de quatro anos, depois logo se vê, julgam-se na altura própria e não com campanhas anti-isto anti-aquilo, o povo sabe bem em quem deve votar, quem deve escolher, não precisa de que o iluminem

  5. São todos iguais… Utilizam palavras bonitas para cativar quando começa a haver pouca “carne para consumir”… Vejam bem o que se está a passar e vão-se preparando para novo FMI (muito pior) daqui a 8/10 anos. Enquanto o compadrio valer mais que a competência, só vamos piorando…

  6. A Isabelita que trocou o Coelho por fedelho é daqueles cromos avençados que tentam baralhar o pessoal trocando as realidades pelos seus desejos. E por isso argumenta, pobremente, que os culpados disto são os jornalistas. Tenham vergonha e ajudem a construir.

  7. A coligação de interesses (exploradores/corruptos/parasitas), “roubou” milhões de portugueses nos seus recursos, direitos e auto-estima, forçou centenas de milhar de jovens portugueses a emigrar, levou o nivel de desemprego para números elevadíssimos; condenou milhares de famílias à miséria com uma lei de rendas “criminosa”, aumentou o valor da dívida pública, contribuiu para o aumento da corrupção e muito mais. Por isso, os portugueses têm memória e já não são influenciáveis com títulos de notícia encome dados nem com a demagogia que persiste em alguns mídia que procuram desvirtuar a atual solução de governo.

  8. Parem de bater na Ana Isabelita que é nova nestas coisas. Só sai do país quem quer, e a maioria dos que quiseram estão melhor de vida e não querem voltar (muitos tiveram filhos). Os que querem voltar sofrem por saudosismo aos seus ou então não tiveram a esperteza para se safar. Se tivessem ficado cá não teriam morrido de fome, pois acho que ninguém morreu de fome nesses “negros” tempos. Esta medida de Costa é populista e para ganhar votos. Quem merece recompensa é quem fica no barco a evitar que afunde e não os ratos que fogem com o que podem às costas.

RESPONDER

Pavilhão Rosa Mota transformado em "Hospital de Missão" com 300 camas

O Pavilhão Rosa Mota, no Porto, entrará, na próxima semana, em funcionamento como “Hospital de Missão” e, com 300 camas, servirá para acolher doentes com poucos sintomas de covid-19 ou até assintomáticos sem “retaguarda familiar”. “Trata-se …

Maduro acusa EUA de provocarem "perigoso momento de tensão" no continente

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, enviou na segunda-feira uma carta aos governantes internacionais, alertando que os Estados Unidos (EUA), ao oferecerem uma recompensa por informações que levem à sua detenção, conduzem a "um perigoso …

Prestações ao banco vão subir para quem recorrer à moratória

As prestações dos créditos à habitação vão subir para empresas e clientes particulares que pedirem a sua suspensão no âmbito da moratória criada pelo Governo. Os juros vencidos durante os seis meses da moratória serão …

BE e PCP querem isenção do pagamento de propinas durante estado de emergência

O Bloco de Esquerda e o Partido Comunista Português consideram que os alunos do Ensino Superior devem ficar isentos do pagamento de propinas durante o estado de emergência. Tanto o BE como o PCP sempre defenderam …

Menina de 12 anos morre na Bélgica vítima da covid-19

Uma menina de 12 anos morreu esta segunda-feira na Bélgica devido à pandemia de covid-19, anunciaram esta terça-feira as autoridades de saúde deste país. "É um caso muito raro, mas que nos afeta muito, é um …

"Bomba" de Graça Freitas rebentou-lhe nas mãos. Governo rejeita cerco sanitário ao Porto

O Secretário de Estado da Saúde, António Sales, rejeitou, nesta terça-feira, a possibilidade de impor um cerco sanitário ao Porto. Esta hipótese foi avançada pela directora-geral da Saúde, Graça Freitas, e foi fortemente criticada por …

Novo máximo diário. Covid-19 mata mais 849 pessoas em Espanha

Espanha registou, nas últimas 24 horas, 849 mortos com o novo coronavírus, um novo recorde de falecidos num só dia, elevando o balanço total para 8189. Os números do Ministério da Saúde espanhol revelam ainda um …

Termina esta terça-feira o prazo para reclamar das despesas para IRS

O prazo para consultar e reclamar das despesas gerais e familiares apuradas pelo fisco para efeitos de deduções à coleta termina esta terça-feira. Os contribuintes têm até esta terça-feira, 31 de março, para consultar e reclamar …

Ryanair avança com lay-off em Portugal a partir de 1 de abril

A Ryanair vai avançar com o lay-off simplificado, considerando o recurso à medida "indispensável para a manutenção da viabilidade e preservação dos postos de trabalho". Segundo a comunicação da sucursal em Portugal aos sindicatos relativamente à …

Recibos verdes arriscam ficar sem apoio em abril

A Segurança Social só vai disponibilizar o formulário para requerer apoio por paragem total de atividade a partir de 1 de abril. O apoio para minimizar os danos económicos dos trabalhadores independentes que enfrentem paragem …