Coreia do Sul criou “Unidade de Decapitação” para Kim Jong-un

koreanet / Flickr

O novo Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in

Com a escalada da tensão militar na península coreana, Seul anunciou que vai entrar em funcionamento uma equipa de elite para assassinar o líder da Coreia do Norte.

Quando a Coreia do Norte realizou a sua sexta prova nuclear no início de setembro, a tensão militar voltou a instalar-se na região. O Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou novas sanções contra o Governo de Pyongyang e a Coreia do Sul anunciou a criação de uma “unidade de decapitação” para matar Kim Jong-un.

A informação foi revelada pelo ministro da Defesa Song Young-moo, no Parlamento.

Segundo o The New York Times, funcionários sul-coreanos disseram que este grupo de forças especiais – que contará com 1.500 a 3 mil soldados – poderia realizar incursões transfronteiriças com helicópteros e aviões de transporte que poderiam penetrar na Coreia de Kim Jong-un durante a noite.

O general sulcoreano Shin Won-sik, já retirado, diz que a “melhor dissuasão” que podem ter, além das “armas nucleares”, é fazer com que Kim tema pela sua própria vida.

Além disso, o general é também de opinião que “num sistema medieval como o da Coreia do Norte, a vida de Kim Jong-un é tão valiosa como a de centenas de milhares de cidadãos comuns, cujas vidas estariam ameaçadas num ataque nuclear”.

Segundo assinala o portal Debate, esta não é a primeira vez que a Coreia do Sul tenta “assassinar” o líder do Norte. No final da década de 1960, a Coreia do Sul tinha já tentado criar um corpo militar encarregado de assassinar líderes da Coreia do Norte.

A decisão foi tomada assim que um comando norte-coreano tentou tomar a posse do palácio presidencial em Seul.

No entanto, a ação foi um fracasso. A unidade ia ser formada por ex presidiários que seriam infiltrados em território norte-coreano para degolar o então presidente Kim Il-sung. Não obstante, quando a missão foi cancelada, os ex-réus formaram um motim e assassinaram os seus “treinadores”, regressando à capital, onde se sacrificaram.

Tendo em conta essa experiência passada, vários analistas acreditam que o anúncio da criação de uma “unidade de decapitação” não tem, na realidade, como objetivo terminar com a vida do mandatário norte-coreano, mas plantar uma ameaça “preventiva” perante o potencial nuclear exibido por Pyongyang.

ZAP //

3 COMENTÁRIOS

  1. Acabava-se com o mal pela raiz acabavam-se as ameaças e os testes, agora preparem-se que perante isto ele é bem capaz de se querer vingar

  2. Isto é de loucos. Então estão a criá-la e andam a dizê-lo? Ou então é o próprio “suíno” jong-un que anda a espalhar tal coisa para espetar com uma merda qualquer nos cornos do Trump que, se os tivesse no sitio, como o velho Bush, já tinha acabado com a Corneia do Norte há muito tempo.

RESPONDER

Não, os EUA não declararam guerra à Coreia. Mas não lhes abatam os aviões

Os Estados Unidos negaram hoje ter declarado guerra à Coreia do Norte e frisaram que Pyongyang não pode disparar contra os seus aviões em águas internacionais, em resposta a uma ameaça do ministro dos Negócios …

Casal canibal detido na Rússia por ter comido 30 pessoas

Um homem e uma mulher da cidade de Krasnodar, no sul da Rússia, poderão ter sido responsáveis pelo assassinato de cerca de 30 pessoas, que terão posteriormente comido. Os suspeitos, um instrutor militar de 35 anos …

Portugal pagou menos 213ME em juros à 'troika' até agosto

Portugal pagou 1.161,2 milhões de euros em juros à 'troika' até agosto, menos 213,1 milhões em termos homólogos, devido à extensão da maturidade de parte do empréstimo e aos reembolsos antecipados ao FMI. O Estado reduziu …

"Príncipe da Pontinha" detido pela GNR na Madeira

A Guarda Nacional Republicana deteve, esta segunda-feira, o autointitulado "príncipe do ilhéu da Pontinha" por este se ter oposto a uma ordem de execução judicial de encerramento de instalações, informou o porta-voz do comando territorial. "A …

Vacina contra a gripe gratuita para diabéticos e bombeiros

Direção-geral da Saúde justifica alargamento da gratuitidade com os riscos que o frio representa para os diabéticos e com a assistência na saúde prestada pelos bombeiros. A vacina contra a gripe vai ser este ano pela …

Morreu Abd El Aty, a mulher que chegou a pesar 500 quilos

Aos 37 anos, Eman Ahmed Abd El Atya estava a ser submetida a um tratamento intensivo nos Emirados Árabes Unidos. Mas acabou por morrer na sequência de complicações cardíacas. A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, …

Turquia encerra fronteira e ameaça petróleo em represália a referendo curdo iraquiano

O Presidente da Turquia, forte opositor do referendo sobre a independência do Curdistão iraquiano, anunciou esta segunda-feira que encerrará em breve a fronteira terrestre com aquela região autónoma do Iraque, bem como ameaçou bloquear as …

Comentador do Benfica diz que foi agredido por administrador do Sporting

O comentador da Benfica TV e advogado António Pragal Colaço apresentou queixa-crime contra o administrador da SAD do Sporting, Nuno Correia da Silva, acusando-o de agressão. O caso é divulgado pelo Correio da Manhã (CM) que …

Políticos e militares negam relatório de Tancos (Expresso promete novas revelações)

O Exército continua a negar a existência de um relatório das secretas militares sobre o roubo de Tancos, tal como o Presidente da República, o primeiro-ministro e o ministro da Defesa. Mas o director do …

Sondagem: Isaltino ganha Oeiras

A candidatura de Isaltino Morais - Inovar Oeiras de Volta - lidera a sondagem com 13 pontos percentuais acima do atual presidente da autarquia Paulo Vistas, antigo vice presidente de Isaltino Morais. As eleições autárquicas estão …