Coreia do Norte ameaça atacar Nova Iorque por tweet de Trump com 5 meses

(dv) KCNA / YONHAP

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

A Coreia do Norte relembrou uma mensagem do presidente norte-americano Donald Trump, publicada há cinco meses no Twitter, para ameaçar um ataque contra a cidade de Nova York. Para Pyongyang, o ataque “deve ser comprovado na prática”.

“A Coreia do Norte está a cerca de 10.400 quilómetros de distância de Nova York. Mas isso actualmente não é uma grande distância para os nossos ataques”, diz um artigo de opinião do jornal estatal norte-coreano Rodong Sinmun.

Intitulado “A política hostil dos EUA está condenada a ir à falência“, o artigo vai mais longe e afirma que “os norte-americanos estão a sentir-se desconfortáveis porque um tal ataque é possível de comprovar na prática”.

“Isso acontece porque a política hostil dos americanos vai mostrar-se uma futilidade, quando a República da Coreia do Norte realizar o lançamento de um míssil intercontinental capaz de atingir com precisão qualquer parte do território dos EUA”.

O texto faz referência a um tweet publicado por Trump em janeiro, no qual o presidente norte-americano desdenha do anúncio de Pyongyang de que estaria na “fase final” de criação de uma arma nuclear capaz de atingir qualquer parte dos Estados Unidois, e diz que tal ataque “não vai acontecer”.

“Trump ficou nervoso no início deste ano quando soube que a Coreia do Norte está próximo de ter uma arma nuclear que pode atingir todo o continente americano, e disse que isso  nunca acontecerá. Mas os testes estratégicos de armas que realizámos demonstraram que o tempo de testar um ICBM não está muito distante”, diz o texto.

Desde o início do ano, os norte-coreanos realizaram já uma dezena de testes balísticos, o que, segundo especialistas, será parte do trabalho de aperfeiçoamento da tecnologia que Pyongyang espera poder levar o país a ter o seu próprio míssil balístico intercontinental.

Os mísseis balísticos norte-coreanos conhecidos, capazes de transportar ogivas nucleares, têm um alcance de até 10 mil quilómetros, podendo atingir a maior parte dos países da Ásia, América do Norte e Europa.

Nova Iorque, tal como a capital norte-americana, Washington, encontram-se na costa leste dos EUA – aparentemente a salvo, para já, dos ICBMs norte-coreanos.

(dr) RT

Alcance dos mísseis balísticos da Coreia do Norte

Alcance dos mísseis balísticos da Coreia do Norte

Os mísseis norte-coreanos são capazes de atingir todo o território do Japão, da Coreia do Sul, da Rússia e da China, e cobrem metade do território norte-americano. A América do Sul é o único continente que está completamente fora do alcance das armas balísticas da Coreia do Norte.

Esta não é a primeira vez que a Coreia do Norte ameaça atacar especificamente uma cidade norte-americana. Há cerca de um ano, Pyongyang divulgou um vídeo de propaganda no qual mostrava o seu “triunfante ataque nuclear a Washington“.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Quando eu era estudante ensinavam-nos que havia 6 continentes: Europa, África, Ásia, América, Oceania e Antárctida. Ora, apesar do mapa que aparece no artigo nem apresentar a Antárctida, não há dúvidas que este continente também está a salvo dos mísseis!

RESPONDER

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …

Covid-19. México investiga mercado negro de atestados de óbito falsos

As autoridades da Cidade do México anunciaram que estão a investigar um suposto mercado negro de atestados de óbito relacionado com a covid-19, no dia em que o país registou 625 mortes nas últimas 24 …

Astrónomos descobrem "réplica" do Sol e da Terra a três mil anos-luz

O que diferencia esta descoberta de outros exoplanetas parecidos com a Terra é que a sua estrela tem uma semelhança impressionante com o nosso Sol. Entre os dados da missão Kepler, uma equipa de investigadores identificou …

Sem romarias e festas, milhares de famílias estão a entrar em falência

Milhares de famílias cujo rendimento depende das romarias e festas populares estão a atravessar sérias dificuldades económicas. Os prejuízos ultrapassam os 50 milhões de euros. A suspensão das festas populares e romarias religiosas em todo o …

Corpo de Maria Velho da Costa ficou 11 dias na morgue. Filho critica MP e fala em "massacre psicológico"

Os restos mortais da escritora Maria Velho da Costa, que faleceu a 23 de Maio, ficaram no Instituto de Medicina Legal, em Lisboa, durante 11 dias, sem que a família tivesse conhecimento de que já …

"Vocês são uns ingratos". Vieira arrasa equipa após empate com o Tondela

Luís Filipe Vieira foi ao balneário falar com os jogadores após o empate com o Tondela. O presidente benfiquista mostrou-se irritado e acusou os futebolistas de ingratidão. Depois do empate do SL Benfica com o CD …

Costa tirou o tapete ao seu "super-ministro" (que é cada vez mais candidato a líder do PS)

Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas, já foi um peso-pesado do Governo de António Costa, mas o primeiro-ministro desautorizou-o na discussão sobre o futuro da TAP, num claro sinal de que a "lua-de-mel" entre os …

Há dois candidatos na calha para suceder a Centeno. Siza Vieira fora da corrida

Pedro Siza Vieira era apontado como o favorito a suceder a Mário Centeno na pasta das Finanças, mas recusou essa possibilidade. Nelson de Souza e João Leão são agora os dois principais candidatos. Com a saída …