Cientistas explicam porque é que o café tira o sono

Já todos sabemos que o café tira o sono, tanto que muitos deixam mesmo de o tomar antes de ir dormir para garantir uma noite sem percalços. Cientistas finalmente explicam o porquê deste fenómeno.

O motivo para a cafeína nos tirar o sono explica-se pelo facto desta substância alterar o nosso relógio biológico interno, chamado de circadiano, pode ler-se na notícia da ABC. É este o relógio que regula as fases de sono e que nos diz quando devemos dormir ou despertar.

Quem o diz é uma equipa de investigadores da Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, e do Laboratório de Biologia Molecular do Medical Research Council de Cambridge, em Inglaterra.

A quantidade de cafeína contida num café duplo, consumida três horas antes de irmos dormir, atrasa o nosso biorritmo em 40 minutos e, por isso, a nossa capacidade para ter sono, diz o estudo.

Para além disso, “o café afeta o nosso cronómetro celular”, segundo afirma Kenneth Wright, um dos investigadores da universidade americana.

Já se sabia que a cafeína, a droga psicoativa mais utilizada em todo o mundo, alterava os hábitos de espécies como as algas e as moscas presentes na fruta mas esta é a primeira vez que uma pesquisa consegue provar que a cafeína atrasa também o relógio biológico dos seres humanos.

Em 2013, Wright já tinha analisado os padrões do sono ao demonstrar que, depois de uma semana a acampar nas Montanhas Rochosas sem luz artificial, oito campistas foram capazes de sincronizar os seus relógios circadianos com o nascer e o pôr do sol.

No estudo agora publicado na Science Translational Medicine, os voluntários, três mulheres e dois homens, foram controlados num laboratório durante 49 dias. Durante este período, submeteram-se a diferentes condições ligadas com o ciclo do sono-vígilia.

Um quarto com pouca luz e um comprimido de placebo; pouca luz e o equivalente a 200 miligramas de cafeína dependendo do peso de cada um; luz brilhante e mais placebo e, por fim, a mesma luz e mais 200 miligramas de cafeína.

Para analisar os efeitos destas quatro situações, os investigadores recolheram, de uma forma periódica, amostras da melatonina, hormona produzida pela glândula pineal quando o nosso relógio ordena, que se ativa, ou não, em função da luz e coordena todos os relógios celulares do corpo.

Os resultados foram claros, já que todos aqueles que consumiram cafeína tiveram um atraso de cerca de 40 minutos no ritmo circadiano noturno, em comparação com os que tomaram o comprimido de placebo em condições de pouca luz.

No entanto, este atraso é metade do que o induzido pela exposição à luz brilhante três horas antes de irem dormir. A combinação da luz e da cafeína produziu um atraso de quase 105 minutos.

Já no laboratório de John O’Neill, em Cambridge, analisaram-se as mudanças causadas a nível celular pela cafeína, o que permitiu perceber que a cafeína pode bloquear os recetores celulares do neurotransmissor adenosina que, em situações normais, favorece o sono e suprime a excitação.

Os resultados deste estudo abrem agora caminho para analisar de uma forma mais rigorosa como pode a cafeína afetar o corpo humano.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

Responder a O Tal Cancelar resposta

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …

Irão corta acesso à Internet após protestos contra a subida do preço da gasolina

O Irão cortou o acesso à internet no sábado, após os protestos contra o aumento do preço da gasolina, que provocaram fortes confrontos entre manifestantes e forças de segurança. O Irão cortou o acesso à internet …

A maior parte das Testemunhas de Jeová não apresenta queixa em caso de abuso sexual. Mas uma nova lei pode alterar essa realidade

Em casos de abuso sexual dentro organização religiosa Testemunhas de Jeová, a maior parte das vítimas não acusa os agressores por receio de serem excluídas, revelou um artigo da Vice. Agora, uma nova lei norte-americana, …

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …

FC Porto tira pão da boca ao Sporting ao desviar central brasileiro

Os 'dragões' podem estar perto de chegar a acordo para a transferência de Gustavo Henrique. O central do Santos estava em negociações com o Sporting, mas uma forte investida do FC Porto, pode ter mudado …

Será que os cães conseguem farejar uma gravidez?

Já ouvimos falar de cães a farejar bombas e de cães a farejar cancro. E quanto à gravidez, o que poderá o nariz de um cão dizer? Há várias mulheres grávidas a relatar que o cão …