Cientistas australianos estão a um pequeno passo da droga anti-envelhecimento

(dr) Britta Campion

O professor David Sinclair e a sua equipa de investigadores

O biólogo e professor de genética David Sinclair (c) e a sua equipa de investigadores

Cientistas de uma universidade australiana descobriram um mecanismo da regeneração das células que poderá levar ao desenvolvimento de um medicamento anti-envelhecimento – que será crucial por exemplo para os astronautas em viagens espaciais longas.

Após um estudo sobre o metabolito NAD+, presente em todas as células do corpo como regulador do processo que controla a reparação do ADN – código que regula a composição genética dos seres vivos – investigadores australianos concluíram que a substância pode ser usada para desenvolver um medicamento contra o envelhecimento.

O estudo foi publicado esta quinta-feira na revista Science.

Usando ratos, os investigadores reforçaram a capacidade do metabolito, e melhoraram a capacidade de as células repararem os estragos feitos ao ADN pela exposição excessiva à radiação ou pelo envelhecimento.

Nunca estivemos tão perto de uma droga anti-envelhecimento segura e eficaz, que talvez esteja a três ou cinco anos de distância do mercado, se os testes correrem bem” afirmou o autor principal do estudo, David Sinclair, da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Nova Gales do Sul e da Faculdade de Medicina de Harvard, nos EUA.

A descoberta ganhou um prémio da agência espacial norte-americana, NASA, que ficou interessada na tecnologia pelo papel que poderá ter na saúde dos astronautas que um dia iniciem a viagem de quatro anos até Marte.

Mesmo em missões curtas, os astronautas sofrem um envelhecimento acelerado provocado pela exposição à radiação cósmica, que enfraquece os músculos e afecta a memória, o que seria particularmente acentuado numa viagem a Marte, na qual o risco de cancro seria próximo de 100%.

Outros possíveis beneficiados com este tipo de terapia poderão ser os sobreviventes de cancro na infância, a esmagadora maioria dos quais contrai uma doença crónica até aos 45 anos de idade.

Nos últimos meses têm-se sucedido as notícias de que, com diferentes abordagens e técnicas, cientistas de diferentes partes do mundo estão a um passo de conseguir aumentar a esperança de vida do homem, ou mesmo reverter o envelhecimento. E até há quem o tenha prometido fazer com chocolate.

Poderá o enorme avanço científico conseguido pela equipa de David Sinclair significar que estamos agora realmente a um pequeno passo do elixir da juventude?

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Realmente, estas contradições só nos fazem lembrar os vendedores de banha da cobra que habitualmente apareciam nas feiras tradicionais. Ainda me lembro quando era puto de que esses vendedores comercializavam uma pomada milagrosa que dava para tudo: a bela dona. Alguém se lembra?

RESPONDER

Ex-Presidente do Zimbabué Robert Mugabe morreu vítima de cancro

O ex-Presidente do Zimbabué, que morreu no passado dia 6 de setembro num hospital em Singapura, sofria de cancro em fase terminal, anunciou esta segunda-feira o novo chefe de Estado do país. O atual Presidente, …

Britânicos que divulgaram imagens de Emiliano Sala na morgue condenados a pena de prisão

Os dois britânicos acusados de terem acedido e divulgado imagens do corpo do jogador argentino, que faleceu num acidente de avião, foram condenados a penas de prisão efetivas. Segundo o Observador, um homem e uma mulher …

Lionel Messi ganha prémio The Best pela sexta vez

O futebolista argentino conquistou, pela sexta vez, o prémio The Best da FIFA, , durante a cerimónia que decorreu em Milão, Itália, sucedendo ao croata Luka Modric. O argentino Lionel Messi, de 32 anos, regressou ao lote …

Lágrimas de cristal. Jovem chora "diamantes" em vez de lágrimas

Em vez de lágrimas, Satenik Kazarián chora pequenos cristais. Os médicos ainda não conseguiram obter um diagnóstico preciso da doença, que tem tornado a vida desta jovem num autêntico "inferno". Satenik Kazarián, uma arménia de apenas …

UGT defende aumento do salário mínimo para 660 euros em 2020

A União Geral de Trabalhadores (UGT) reivindicou, esta segunda-feira, a subida do salário mínimo para 660 euros em 2020, para que se atinja um patamar de, pelo menos, 800 euros no final da próxima legislatura …

Troca de garrafas de gás de qualquer marca obrigatória a partir de terça-feira

Os pontos de venda de gás engarrafado vão ser obrigados, a partir desta terça-feira, a aceitar botijas vazias de qualquer marca, segundo um regulamento publicado esta segunda. A medida já tinha sido aprovada pelo Governo no …

Pais ameaçam fechar 11 escolas em Gaia. Diretor admite haver razões para isso

As associações de pais de Canelas, em Vila Nova de Gaia, ameaçam fechar os 11 estabelecimentos de ensino que compõem o agrupamento escolar. Os pais dizem que a falta de funcionários compromete a segurança de crianças …

Rutura de coletor na origem de dejetos junto ao Festival Iminente

Denúncias nas redes sociais mostravam esgotos a céu aberto junto ao panorâmico de Monsanto, com dejetos como restos de papel higiénico, luvas de plástico e bocados de comida.  Segundo o Expresso, as fotografias e os vídeos …

Marroquinas declaram-se "fora da lei" para defender a sua liberdade

Centenas de marroquinas declararam-se "fora-da-lei", proclamando terem já violado as "obsoletas" leis sobre os costumes e o aborto, num manifesto publicado, esta segunda-feira, por vários media marroquinos em nome das liberdades individuais. A tomada de …

Emmy. Atrizes usam palco para apelos pró-transexuais, igualdade salarial e imigração

As atrizes Patricia Arquette, Michelle Williams e Alex Borstein usaram o seu discurso de vitória nos prémios Emmy da Academia de Televisão, que decorreu esta madrugada em Los Angeles, nos Estados Unidos (EUA) para fazerem …