Cientistas anunciam plano para “recongelar” o Ártico

Situações desesperados exigem medidas desesperadas. Um grupo de cientistas sugeriu um plano para “recongelar” o Ártico, uma vez que as temperaturas próximas ao Polo Norte estão 20°C mais quentes do que a média do ano passado.

O gelo do mar está a desaparecer do Ártico a um ritmo sem precedentes, o que tem consequências terríveis para o planeta. Por isso, os cientistas propuseram uma ideia que pode resolver este problema – instalar cerca de 10 milhões de bombas eólicas na região, para pulverizar a água do mar na superfície e reabastecer o gelo.

“É uma boa ideia, mas vamos precisar de muito mais do que isto para impedir que o gelo do Ártico desapareça”, disse o físico da Universidade Estadual do Arizona, Steven Desch, ao jornal britânico The Guardian.

As 10 milhões de bombas eólicas poderiam adicionar um metro extra de gelo marinho à camada atual da região, o que ajudaria a proteger o gelo das temperaturas mais elevadas.

“Metade do gelo marinho do Ártico tem uma espessura média anual de apenas 1,5 metros. Adicionar um metro é uma mudança significativa”, afirmaram os cientistas.

No entanto, a área do Oceano Ártico é de cerca de 107 km², o que significa que 10 milhões de bombas apenas iriam cobrir 10% da área. E seriam necessárias 100 milhões de bombas eólicas para cobrir toda a região.

Cada turbina eólica deve ter 3 lâminas de 6 metros de diâmetro, com um peso de 4.000 kg de aço. Para manter a bomba a flutuar, seria preciso uma boia com peso aproximadamente igual. Ou seja, seriam necessários aproximadamente 10.000 kg de aço.

Para 10 milhões de bombas, seriam 10 milhões de toneladas de aço por ano – ou 100 milhões de toneladas para cobrir completamente o mar. A título de comparação, os EUA produzem atualmente “apenas” cerca de 80 milhões de toneladas de aço por ano.

O novo projeto tem um preço estimado de cerca de 500 mil milhões de dólares, o que significa que vários governos de todo o mundo teriam de ajudar a pagar os custos da instalação.

No entanto, é extremamente urgente que seja tomada uma atitude porque com a região a aquecer rapidamente, corremos o risco de perder a maior parte do gelo do Ártico nas próximas décadas – e isso terá efeitos drásticos para o planeta em geral.

Esta não é a primeira vez que os cientistas consideram seriamente usar geoengenharia para inverter as consequências do aquecimento global. Propostas anteriores incluíram o branqueamento artificial do Ártico para ajudar a refletir a radiação solar e a criação de nuvens artificiais que impediriam o calor de chegar à superfície gelada.

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Eu por acaso não consumo muitas massas, prefiro o arroz ou uma boa batatinha cozida ou quiçá frita … hmmm batatinha cozida com umas lulas guisadas e tudo regado com um bom azeite é um manjar, quero lá saber das massas, consome-as tu!

  2. … “os cientistas consideram seriamente usar geoengenharia ” …. afinal, a GeoEngenharia Climática sempre existe e é praticada!…
    Neste caso pontual, “a ação através da não-ação” seria o mais eficaz, isto é, bastaria que parasse a Manipulação Climática e o Ártico retomaria o seu gelo normal…
    Assinado: Maria da Maia

RESPONDER

Centro Europeu de Controlo de Doenças alerta: países que retirem medidas para o Natal terão aumento de internamentos

O Centro Europeu de Controlo de Doenças estima que se os países que em outubro e novembro tomaram novas medidas para controlar a pandemia as levantassem a 21 de dezembro, os internamentos hospitalares aumentariam na …

Pensilvânia certifica vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais

As autoridades da Pensilvânia certificaram, esta terça-feira, a vitória do democrata naquele estado nas eleições presidenciais norte-americanas. Na sua conta do Twitter, o governador local, o democrata Tom Wolf, escreveu que o Departamento de Estado da Pensilvânia …

Nos Países Baixos, há drive-ins para as crianças poderem visitar o Pai Natal em tempo de pandemia

Muito se tem falado de como será o Natal neste ano atípico. Contudo, há países que já começam a arranjar alternativas para a época festiva. Nos Países Baixos, os drive-ins estão a ser usados para …

Vereador da Educação de Lisboa ameaça autarca com “um par de murros”

O vereador da Educação da Câmara de Lisboa afirmou, num comentário no Facebook, em resposta a uma publicação de um vogal da Junta de Freguesia do Areeiro, estar disponível para lhe dar "um par de …

Papa Francisco critica negacionistas da covid-19 e fala da morte de George Floyd

O papa Francisco, num livro esta segunda-feira publicado, criticou os opositores ao uso de máscaras ou outras restrições impostas para conter a pandemia de covid-19, sublinhando que nunca se manifestariam contra a morte do afro-americano …

Fenprof reconhece abertura da tutela do Ensino Superior para negociar apesar de divergências

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) reconheceu esta segunda-feira a abertura do Governo para negociar algumas questões do Ensino Superior, depois de uma reunião em que a tutela e a organização sindical nem sempre estiveram …

Bombeiros vão receber verba adicional de três milhões de euros

As associações humanitárias de bombeiros vão receber uma verba adicional de três milhões de euros em 2021 para fazer face aos constrangimentos financeiros devido à pandemia de covid-19, segundo uma proposta do PS hoje aprovado. Este …

Media Capital desafia ERC e elege Mário Ferreira como presidente

Os acionistas da Media Capital elegeram, esta terça-feira, o empresário Mário Ferreira presidente da dona da TVI. A assembleia-geral esteve inicialmente convocada para 28 de outubro, tendo sido suspensa, retomando hoje os trabalhos e com uma …

Estado de emergência. Maioria dos portugueses concorda com novas medidas de restrição

Uma sondagem da Intercampus para o Correio da Manhã revela que a maioria dos portugueses concorda com o regresso ao estado de emergência e com as restrições impostas pelo Governo. De acordo com o Correio da …

Taarabt é o terceiro jogador do Benfica infetado com covid-19

O internacional marroquino também testou positivo à covid-19, dois dias antes de o Benfica, que já tinha previstas oito baixas no plantel, defrontar o Rangers para a Liga Europa.  Depois de Darwin Nuñez e Julian Weigl …