CIA avisa ativistas ligados a Jamal Khashoggi sobre ameaça da Arábia Saudita

Erdem Sahin / EPA

Três colegas de trabalho de Jamal Khashoggi foram alertados a respeito de uma possível ameaça e aconselhados a não viajar para países na Europa e na Ásia onde a Arábia Saudita tem particular influência.

Depois da morte de Jamal Khashoggi, a CIA foi muito criticada por não ter avisado o jornalista da ordem de captura que tinha sido emitida em seu nome pelas autoridades sauditas. No entanto, segundo a revista Time, a Agência Central de Inteligência americana está a tentar redimir-se.

Recentemente, três colegas de trabalho do jornalista assassinado foram alertados a respeito de uma possível ameaça e aconselhados a não viajar para países na Europa e na Ásia onde a Arábia Saudita tem particular influência, bem como a retirar familiares de um país específico, a Malásia.

A Time cita fontes de segurança de diferentes países e os próprios ativistas visados: Iyad El-Baghdadi, que vive em Oslo, na Noruega; Omar Abdulaziz, que vive em Montreal, no Canadá; e uma terceira pessoa que se encontra nos Estados Unidos e pediu para não ser identificado.

Os três ativistas trabalhavam com Khashoggi em projetos de direitos humanos na altura em que o jornalista foi assassinado no interior da embaixada saudita na Turquia, em outubro do ano passado. Tal como Jamal Khashoggi, os ativistas são abertamente críticos do príncipe herdeiro saudita, Mohammed bin Salman, tendo-o acusado de ter ordenado a morte do jornalista e de pretender fazer o mesmo com outros.

Apesar de não se ter pronunciado acerca do assunto, a CIA afirma que é seu “dever legal avisar potenciais vítimas a respeito de ameaças específicas, incluindo homicídio, roubo e violência”. De acordo com os ativistas, não lhes foi transmitida qualquer informação a respeito da natureza da possível ameaça nem sobre que riscos em concreto eles correm.

À revista Time, Iyad El-Baghdadi, um doas ativistas visados, referiu que foi instruído a adotar várias precauções, incluindo medidas para dificultar o acesso por parte de algum hacker aos seus dispositivos eletrónicos, uma tática que a Arábia Saudita já usou contra um dos ativistas avisados, Omar Abdulaziz, adianta o Expresso.

Nada me disseram sobre a natureza da ameaça, exceto que eu estava marcado e que não deveria viajar, assim como a minha família”, contou El-Baghdadi.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Príncipe italiano vende massa fresca numa roulote nos Estados Unidos

O príncipe italiano Emanuele Filiberto é dono da "Princípe de Veneza", a única roulote que vende massa fresca em Los Angeles, nos Estados Unidos. Harry e Meghan Markle podem bem pôr os olhos neste exemplo de …

Há 140 anos, "choveu" carne nos Estados Unidos (e ainda não se sabe porquê)

Há 140 anos, em 1876, uma quinta no estado norte-americano de Kentucky testemunhou uma "chuva" de carne cuja origem permanece um mistério. Tudo começou quando, em 3 de março de 1876, a mulher do agricultor Allen …

"Posso sempre confiar" nos americanos. Coleção de cartas manuscritas da princesa Diana vai a leilão

Em 25 de junho de 1997, alguns meses antes da morte da princesa Diana em agosto, dezenas dos seus vestidos foram leiloados na Christie's, em Nova Iorque. Agora, algumas das suas cartas manuscritas sobre esse …

Governos desligaram a Internet centenas de vezes em 2019

Dezenas de Governos de todo o mundo desligaram os seus países da Internet de forma intencional mais de 200 vezes durante o ano passado, afetando milhões de utilizadores, revela um novo relatório do grupo de …

Falha de protocolo do Governo americano pode ter ajudado a espalhar o coronavírus

Uma whistleblower do Departamento de Saúde e Serviços Humanos norte-americano defende que uma falha no protocolo de saúde pública pode ter levado à disseminação do coronavírus dentro do país. Uma denunciante do Departamento de Saúde e …

Coronavírus pode fazer com que Liverpool não seja campeão inglês

O Liverpool pode não se sagrar campeão inglês devido ao surto do novo coronavírus. Caso o Governo britânico suspendesse a competição, os 'reds' poderiam não ser considerados campeões. O coronavírus continua a ameaçar o mundo inteiro …

Sissoco Embaló demite primeiro-ministro e ambos falam em "golpe de Estado"

Umaro Sissoco Embaló, candidato às presidenciais dado como vencedor pela Comissão Nacional de Eleições da Guiné- Bissau, e que quinta-feira tomou posse simbolicamente como Presidente do país, demitiu hoje o primeiro-ministro guineense, Aristides Gomes. Num decreto …

"Neve sangrenta" está a cair do céu na Antártida

Nas últimas semanas, o gelo em redor da Base de Pesquisa Vernadsky da Ucrânia foi revestida com o que os investigadores chamam de "neve de framboesa". Uma publicação no Facebook do Ministério da Educação e Ciência …

Face Oculta: Sobrinho de Manuel Godinho diz que não se orgulha do que fez

O sobrinho do sucateiro Manuel Godinho, principal arguido do processo Face Oculta, disse hoje estar arrependido do que fez quando trabalhava para o tio nos negócios da gestão de resíduos. “Não me orgulho nada daquilo que …

Há uma "Greta" que nega as alterações climáticas: Naomi Seibt

Naomi Seibt é uma jovem alemã de 19 anos que é a voz dos negacionistas das alterações climáticas. As comparações com Greta Thunberg são inevitáveis. Greta Thunberg tem sido provavelmente a voz mais ativa no que …