Um chuva de meteoritos gigantes bombardeou a Terra e a Lua há 800 milhões de anos

Murayama / Osaka University

Uma equipa de investigadores da Universidade de Osaka, no Japão, estudou 59 crateras lunares com mais de 20 quilómetros de diâmetro e concluiu que todas se formaram depois de um grande asteróide com mais de 100 quilómetros se ter desintegrado há 800 milhões de anos e os seus fragmentos terem caído na Terra e na Lua.

De acordo com o comunicado divulgado pelo EurekAlert, até 50 quatrilhões de quilogramas de meteoritos bombardearam a Terra e a Lua. Isso representa cerca de 60 vezes a quantidade de material envolvido no impacto de Chicxulub – o evento de asteróide que aniquilou os dinossauros não aviários há 66 milhões de anos.

Prevê-se que os eventos de asteróides na escala de Chicxulub atinjam a Terra a cada 100 milhões de anos. No entanto, as crateras de tal impacto ocorridas há mais de 600 milhões de anos terão sido apagadas do planeta devido à erosão, vulcanismo e outros processos geológicos.

Assim, para estudar os impactos desse período, os astrónomos recorrem às crateras da Lua. A densidade das crateras mais pequenas ao redor, formadas a partir de ejetos, poderia ser usada para aproximar as suas idades. Dos 59 sob investigação, os investigadores descobriram que oito formaram-se simultaneamente – foi a primeira vez que esse fenómeno foi registado.

O culpado dos impactos foi um gigantesco asteróide de 100 quilómetros de largura. Os seus fragmentos choveram sobre o sistema Terra-Lua, enquanto meteoritos mais pequenos bombardeavam o planeta e a sua companheira.

Análises posteriores mostraram que o asteróide-pai que continha carbono não era uma rocha comum – pertencia à família de asteróides Eulalia, uma das cinco famílias em que a maioria dos asteróides pode ser rastreada.

Acredita-se, por exemplo, que o asteróide Ryugu, cuja amostra está atualmente voltando para a Terra, faça parte dessa família. Pode ser um fragmento deixado para trás desta colossal chuva de asteróides há 800 milhões de anos.

“Os nossos resultados de investigação forneceram uma nova perspectiva sobre ciências da terra e ciências planetárias”, disse Kentaro Terada, da Universidade de Osaka. “Produzirão uma ampla gama de efeitos positivos em vários campos de pesquisa”.

Este estudo foi publicado este mês na revista científica Nature Communications.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Pela primeira vez, foi observada luz por detrás de um buraco negro

Um estudo divulgado esta quarta-feira revelou a primeira observação direta da luz por detrás de um buraco negro, através da deteção de pequenos sinais luminosos de raios-X, confirmando a Teoria da Relatividade Geral, de Einstein. Segundo …

Cheias atingem campos no Bangladesh. Pelo menos seis refugiados Rohingya mortos

Pelo menos seis refugiados Rohingya morreram após as cheias inundarem os campos de refugiados em Bangladesh nos últimos dias, destruindo os abrigos de bambu e plástico e deixando pelo menos 5.000 desabrigados, informou o Alto-comissariado …

Defesa de Salgado alega diagnóstico preliminar de Alzheimer do ex-banqueiro

A defesa do antigo presidente do BES, que está a ser julgado por três crimes de abuso de confiança no âmbito da Operação Marquês, pediu ao tribunal uma perícia médica devido ao seu diagnóstico preliminar …

Três norte-americanos emitem carbono suficiente para matar uma pessoa, revela estudo

O estilo de vida de três norte-americanos leva a uma emissão de carbono suficiente para matar uma pessoa, revelou um novo artigo, concluindo ainda que as emissões de uma única usina a carvão podem causar …

Terceira dose da vacina da Pfizer aumenta "fortemente" a proteção contra a variante Delta

Farmacêutica norte-americana pretende submeter um novo pedido de autorização de emergência para a administração da terceira dose ao regulador, depois de já ter visto um pedido anterior ser recusado por falta de evidências científicas. Depois de …

Estabelecimentos abertos até às 02h00. Máscaras na rua acabam em setembro

O primeiro-ministro anunciou, esta quinta-feira, a partir do Palácio Nacional da Ajuda, as novas medidas de desconfinamento decididas no Conselho de Ministros. António Costa começou por referir que, graças às medidas restritivas dos últimos tempos, é …

Surpresa na Liga dos Campeões: Celtic é uma equipa de "terceira divisão"

Críticas à qualidade do plantel do gigante escocês, que nem passou da segunda pré-eliminatória de acesso à Liga dos Campeões. O Midtjylland fez a festa. Há uns tempos seria uma surpresa mas, nos anos mais recentes, …

Morreu o poeta e tradutor Pedro Tamen, aos 86 anos

O poeta e tradutor, de 86 anos, morreu, esta quinta-feira, em Setúbal, onde estava hospitalizado, disse à agência Lusa fonte próxima da família. Pedro Tamen, que além de poeta também foi tradutor, estreou-se, em 1956, com …

Corrida à Câmara de Lisboa divide CDS. Mesquita Nunes junta-se aos críticos

A escolha de Filipe Anacoreta Correia, em vez de João Gonçalves Pereira, para número dois da lista à Câmara de Lisboa está a gerar uma guerra interna no CDS. A escolha de Filipe Anacoreta Correia para …

Tragédia Hillsborough: morreu uma vítima, depois de 32 anos em estado vegetativo

Andrew Devine faleceu aos 55 anos. É oficialmente a 97.ª pessoa a morrer por causa do desastre em 1989, em Sheffield. De 15 de abril de 1989 até 27 de julho de 2021 passaram mais de …