China usa tecnologia de reconhecimento facial para controlar minorias

O Governo chinês utiliza software de reconhecimento facial como ferramenta de opressão contra as minorias uigur e cazaque, na zona Oeste do país. Agora, um novo projeto fotográfico quer sensibilizar as pessoas para este problema.

O projeto 2091: The Ministry of Privacy, de Maxime Matthys, pode ser visto no Centro Português de Fotografia, no âmbito da segunda edição da Bienal’21, Fotografia do Porto e surge em forma de crítica às autoridades chinesas.

O fotógrafo belga Maxime Matthys esteve em Xinjiang durante uma semana, no Oeste da China, região onde o Governo chinês conduz, sob o olhar do mundo, um conjunto de medidas repressivas graves contra as minorias muçulmanas uigur e cazaque.

“Algumas das mais avançadas tecnologias de vigilância, que incluem o uso de software de reconhecimento facial, estão a ser utilizadas pelo Governo chinês de forma massiva na região, de forma a controlar cada movimento dos seus habitantes”, explica no seu site o fotógrafo de 25 anos.

Segundo o Público, o projeto decorre de uma fuga de informação, em fevereiro de 2019, que dá conta da existência de uma empresa de vigilância chinesa que controla os movimentos de mais de 2,5 milhões de pessoas da região de Xinjiang.

Debaixo de um controlo apertado e sem liberdade de movimentos, Maxime conseguiu fazer fotografia de rua e utilizou elementos gráficos para comunicar a sua mensagem.

“Para isso, desenvolvi, em conjunto com um engenheiro informático francês, um software de reconhecimento facial”, explica no site. “Ao transferir as imagens para o computador, o software desenhava a informação biométrica sobre os rostos das pessoas nas fotografias.”

Com este processo, o projeto revela “o poder de penetração e o perigo deste tipo de tecnologia invisível”.

Apesar das condicionantes, Maxime conseguiu realizar o projeto fazendo um registo do quotidiano desta população ameaçada e apontando um dedo apontado ao Governo chinês.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Tempestade de areia "engoliu" cidade na China

Uma forte tempestade de areia "engoliu" a cidade de Dunhuang, no noroeste da China, no passado domingo. De acordo com o South China Morning Post, a forte tempestade de areia, que provocou nuvens de poeira com …

Raíssa faz bolachas com o lema "Fora Bolsonaro". Já se tornaram virais

Uma brasileira começou a fazer bolachas com o lema "Fora Bolsonaro" em jeito de brincadeira, mas agora já vende centenas todos os dias. Aquilo que começou como uma simples brincadeira, acabou por tornar-se viral. A ideia …

Zara, 19 anos, quer ser a mulher mais nova de sempre a voar sozinha à volta do mundo

Uma jovem, de 19 anos, pôs mãos à obra para levar a cabo um "gap year" (o chamado ano sabático) com um propósito muito fora do comum: tornar-se a mulher mais nova de sempre a …

Francês diz ter usado método matemático para ganhar o Euromilhões

O francês, que não quis revelar a sua fórmula à imprensa, ganhou, no dia 11 de junho, 30 milhões de euros com a combinação com a qual jogava há um mês. A história foi contada, esta …

Mais de metade da população portuguesa já tem a vacinação completa

Mais de metade da população residente em Portugal (52%) já tem a vacinação completa contra a covid-19, revela o relatório semanal de vacinação divulgado esta terça-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último relatório semanal …

Campeão olímpico criou problemas no seu país natal

Richard Carapaz, medalha de ouro no ciclismo, foi direto: "O país nunca acreditou em mim". Presidente do Equador, ministro e Comité Olímpico reagiram. Poucos dias depois de ter subido ao pódio final da Volta a França …

Jovens preocupados com fertilidade e efeitos secundários das vacinas contra a covid-19

Com o avanço das campanhas de vacinação, um grande número de pessoas das faixas etárias baixo dos 30 anos mostra-se relutante em tomar a vacina contra a covid-19. Os jovens falam de preocupações com fertilidade …

Dois gestos de Cla(ri)sse que ficam para a memória olímpica

Clarisse Agbégnénou foi campeã olímpica no judo, pela primeira vez - mas a atitude que demonstrou, mal venceu a final, ficará também nos registos. Campeã mundial cinco vezes, mais duas medalhas de prata. Cinco medalhas em …

Sindicatos avançam com ações legais para travar despedimento coletivo na TAP

Os sindicatos que representam os trabalhadores da TAP vão avançar com ações legais para travar o despedimento coletivo que a empresa iniciou na segunda-feira, que abrange 124 profissionais. "Até agora houve conversa, a partir de agora …

Ginastas alemãs usam fato integral para combater sexualização da modalidade

Ao contrário do que acontece com os ginastas masculinos, que podem optar por calções ou calças, as mulheres competem, desde o início da modalidade, de bodies que expõem grande parte do seu corpo. Quando, no último …