Centeno pediu convites ao Benfica para assistir ao jogo contra o FC Porto

Nuno Fox / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno

O ministro das Finanças pediu dois lugares na bancada presidencial do estádio da Luz para assistir com o filho ao jogo entre o Benfica e o FC Porto, na época passada, com o seu gabinete a invocar agora “questões de segurança”.

A notícia, avançada pelo Observador, dá conta que Mário Centeno pediu ao Benfica dois convites para assistir ao clássico contra o FC Porto com o filho, que se disputou em abril de 2017, na bancada presidencial do estádio da Luz.

De acordo com o jornal online, o pedido foi feito pelo assessor diplomático do ministro das Finanças, André Costa Monteiro, em março desse ano, numa altura em que já tinha sido publicado o Código de Conduta do Governo, depois do chamado “Galpgate”, polémica das viagens oferecidas pela petrolífera a vários políticos para verem jogos do Euro 2016, que se realizou em França.

O secretário de Estado do Tesouro, Álvaro Novo, e outros dois elementos do ministério também pediram para assistir à partida, mas para lugares pagos, em qualquer uma das bancadas do estádio.

O gabinete do ministro, recentemente eleito presidente do Eurogrupo, já confirmou este pedido ao Observador, invocando “questões de segurança”. “A notoriedade pública do ministro das Finanças coloca exigências à sua participação em eventos públicos como jogos de futebol no que concerne a garantir a sua segurança pessoal”, respondeu fonte oficial.

Relativamente ao facto de este pedido poder colidir com o Código de Conduta, a mesma fonte justifica que os acessos à tribuna do presidente dos encarnados não são vendidos, portanto, não têm um valor pecuniário associado. “Os acessos em causa, que eram para assistir ao jogo na tribuna presidencial, não são comercializáveis, pelo que não têm um preço de venda definido”.

Em declarações aos jornalistas, à saída de uma visita ao Hospital de Santa Maria, em Lisboa, António Costa considerou que “não há polémica nenhuma” nesta notícia. “Se o fez, é porque certamente tinha boas razões para o fazer”, afirmou ainda.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Coitadinho do Mario Centeno, já não ganha o suficiente para comprar uns bilhetes ao Benfica.
    È mais um pedinte entre nós Portugueses.

  2. Sinceramente não vejo onde está a questão…
    O que vejo aqui é aproveitamento noticioso!
    De resto é tudo normal, qualquer membro do governo tem o corpo de segurança a garantir que nada lhes acontece, é perfeitamente normal que tenha sido solicitado acesso para uma área reservada onde a Segurança seja garantida!
    A histeria popular é exatamente o objectivo destas notícias!
    “o que é que eles são mais que nós?”
    “sabem muito”
    “os favores têm contrapartidas”
    É é isto…

  3. Qual o problema?!
    Se gosta de futebol, faz muito bem em aproveitar o facto de ser ministro e gozar umas mordomias de politico aproveitador.
    Afinal se a cultura dominante é a da pedinchice e do arranjinho, cada um deve procurar a companhia daqueles com quem melhor se identifica e mais depressa nos fazem os jeitos.
    Sendo ministro das finanças, no intervalo do jogo podia ter perguntado ao presidente desse clube como se regulariza uma dívida de 600 M€ ao banco BES, cuja falência anda a ser paga por contribuintes que sequer eram clientes desse banco e tampouco são adeptos dessa agremiação futeboleira…

  4. Não tem problema nenhum que ideia, mas quando toca aos outros fazem um escândalo falam do mesmo a toda a hora, porque será??? Estes politicos de M—- não valem mesmo nada…

RESPONDER

Bósnia fecha campo improvisado e transfere quase 800 pessoas para Sarajevo

A Bósnia fechou, esta quarta-feira, um campo de refugiados, montado num local onde antes funcionava um aterro de lixo, que não tem água potável nem eletricidade. As autoridades bósnias fecharam esta quarta-feira um campo acolhimento de …

Trabalhadores dos Registos em greve a 26, 27 e 28 de dezembro

O Sindicato Nacional de Registos vai estar em greve contra o decreto-lei aprovado pelo Governo, acusando Marcelo Rebelo de Sousa de não ter tido "sensibilidade na análise do diploma do sistema remuneratório". O Sindicato Nacional de …

Artistas exigem 1% do Orçamento do Estado para a Cultura

Mais de 300 artistas concentrados esta terça-feira em frente ao Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, exigiram um valor imediato de 1% do Orçamento do Estado para a Cultura, em 2020. O protesto, convocado pela …

Depois do Idai, ainda há carência de comida e água potável

São milhares os desalojados que, após o ciclone Idai, continuam sem acesso a água potável. Além disso, a necessidade de comida mantém-se em níveis inalterados. Os dados da Organização Internacional para as Migrações (OIM), patentes no …

Há mulheres-polícia que recebem menos quando estão grávidas

De acordo com um relatório sobre as iniquidades de género dentro da Polícia de Segurança Pública (PSP), ao qual a revista Sábado teve acesso, há mulheres-polícia que recebem menos quando ficam grávidas. Segundo o inquérito realizado …

França. Governo adia entrada em vigor das novas pensões

O novo sistema universal de pensões em França vai abranger apenas as gerações nascidas a partir de 1975 e só terá nova formulação, através de pontos, a partir de 2025. O novo sistema universal de pensões …

Greta Thunberg é a "Personalidade do Ano" da revista Time

Greta Thunberg é a “Personalidade do Ano” mais jovem alguma vez escolhida pela revista Time. A capa da edição de 23 de dezembro foi divulgada esta quarta-feira. A revista norte-americana Time elegeu a ativista climática sueca …

Erupção do Whakaari. Nova Zelândia encomendou 120 metros quadrados de pele para tratar os feridos

A Nova Zelândia já encomendou 120 metros quadrados de pele humana aos Estados Unidos para tratar os 30 feridos do vulcão Whakaari, na Ilha Branca. Cirurgiões neozelandeses têm trabalhado sem parar dado o número de queimados …

Entidade Reguladora da Saúde diz que fez tudo o que devia no caso do bebé sem rosto

Esta quarta-feira, a presidente da Entidade Reguladora da Saúde (ERS) considerou que o regulador fez tudo o que devia ter feito no caso do bebé que nasceu em Setúbal com malformações graves não detetadas as …

Legislação não impede que animais selvagens sejam vendidos a circos estrangeiros

A nova lei de proteção a animais selvagens não impede que estes sejam vendidos e continuem a ser usados em circos estrangeiros. Animais como camelos, cães e cavalos continuam a poder ser usados. A lei de …