Mário Centeno anuncia acordo sobre reforma da zona euro

Miguel A. Lopes / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno

Os ministros das Finanças da União Europeia chegaram a acordo sobre a reforma da zona euro, após 18 horas de negociações, anunciou esta terça-feira o presidente do Eurogrupo, Mário Centeno.

Cerca de 18 horas de negociações resultaram num acordo sobre a reforma da zona euro. O anuncio foi feito pelo presidente do Eurogrupo, Mário Centeno.

Em conferência de imprensa em Bruxelas, Centeno anunciou: “Devo dizer que conseguimos. Depois de vários meses de intensas negociações e de uma reunião difícil, chegámos a um acordo sobre um plano para fortalecer o euro. Um plano que tem o aval de todos nós”.

Precisamente um ano depois de ter sido eleito presidente do fórum dos ministros das Finanças da zona euro, o ministro português alcançou o progresso mais significativo para completar a reforma das instituições da zona euro, aquela que apontou como a grande prioridade da sua presidência.

O Financial Times escreve que foram horas de muita disputa num esforço conjunto de obter um documento final que satisfizesse as exigências de Paris, Roma, Holanda e Berlim.

Desta forma, o acordo alcançado prevê um reforço da União Bancária da zona euro, dando-lhe mais capacidade financeira e ainda o fundo de resgate da zona euro – o Mecanismo Europeu de Estabilidade (MEE) – que passa a ter mais flexibilidade para ajudar os países a resistir a momentos de maior turbulência económica nos mercados financeiros, incluindo através da sua utilização não só para resgates público mas, também, para intervenções na banca.

Segundo o Observador, Emmanuel Macron, Presidente francês, conseguiu também abertura para que se continue a negociar o futuro orçamento europeu, um dos temas mais tensos no Eurogrupo. A Holanda tem sido um dos principais opositores desta medida, que Paris quer introduzir por defender que terá um efeito estabilizador para as economias do euro.

Na próxima semana, na cimeira europeia, voltará a ser discutido este orçamento “para a convergência e competitividade”. Por enquanto, ainda é cedo para dizer que já existe um acordo final para que esse orçamento possa funcionar como um “estabilizador automático”.

Não atingimos uma visão comum sobre a necessidade e a conceção de tal mecanismo. As discussões técnicas vão continuar”, afirmou Centeno, reiterando, porém, que “isto não é o fim da estrada”.

Mário Centeno deu a entender que será necessário reformular o tratado que deu origem ao Mecanismo Europeu de Estabilidade, e isso passa, por exemplo, por ter o Mecanismo Europeu de Estabilidade a escrutinar os orçamentos dos países, algo que até ao momento só a Comissão Europeia é que faz.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A Segurança Social tem nova App que permite consultar valor e data de pagamento de prestações

A Segurança Social tem uma nova aplicação móvel que permite aos cidadãos e empresas acederem a vários serviços, como consultar o valor e a data de pagamento de várias prestações sociais. Segundo o Ministério do Trabalho, …

Enfermeiros querem angariar um total de 700 mil euros para financiar greve

Na greve em curso, os enfermeiros angariaram 300 mil euros, conseguindo mesmo ultrapassar o objetivo ao recolherem 360 mil euros até 22 de novembro. Para uma nova greve estabeleceram a meta de 400 mil euros …

Roménia quer adotar o euro até 2024

A Roménia espera adotar o euro até 2024 e pretende contribuir durante a sua presidência da União Europeia, que começa a 1 de janeiro, para reduzir as distâncias entre antigos e novos membros. "O nosso objetivo …

Há risco de irrealismo no preço das casas em Lisboa e Porto, alerta a Moody's

A Moody's prevê que os preços das casas continuem a subir em Portugal, mas adianta que em algumas zonas os aumentos não foram normais. De acordo com a agência de rating Moody's, os preços das casas …

PSD quer cortar metade do IRS dos senhorios nos contratos com mais de 10 anos

O PSD leva esta quinta-feira à Assembleia da República dez projetos-lei sobre habitação e arredamento. Um dos projetos que vai a votos propõe que se reduza a taxa de IRS para senhorios em metade nos …

Antiga Feira Popular dá "jackpot" à Câmara de Lisboa. Medina quer gastar em casas acessíveis

A Câmara de Lisboa arrecadou esta quarta-feira mais 85,5 milhões do que estimava no leilão dos terrenos de Entrecampos, dinheiro que será investido em habitação a custos acessíveis, adiantou o presidente, Fernando Medina "O resultado desta …

Um cometa verde vai passar pela Terra na segunda-feira (e qualquer pessoa vai poder vê-lo)

A cada 5,4 anos, o cometa 46P/Wirtanen orbita o Sol, passando pelos céus da Terra durante o caminho. Este ano, a sua visita é este mês. Geralmente, o cometa 46P/Wirtanen está demasiado longe para o podermos …

May consegue adiar a sua queda, mas não tira o Brexit da corda bamba

Mais de treze horas de incerteza em que o coração de Theresa May voltou a bater depressa demais. A primeira-ministra sobreviveu à moção de censura, mas tem pela frente mais um osso duro de roer: …

Ministra da Saúde reage às demissões no D. Estefânia (e acaba por criticar a sua secretária de Estado)

A ministra da Saúde, Marta Temido, assumiu esta quarta-feira que o Hospital pediátrico D. Estefânia é “uma das jóias da coroa” e não pode ser desfalcado, mas lembrou que “não abundam pediatras no país” e …

Sócios do Sporting vão decidir em AG se Bruno de Carvalho continua suspenso

Os sócios do Sporting vão decidir no sábado em Assembleia Geral se Bruno de Carvalho vai permanecer suspenso, na apreciação do recurso do ex-presidente do clube. Da ordem de trabalho para a reunião magna, marcada para …