CDS exige troca de artista na Bienal de Veneza ou demissão da ministra da Cultura

António Cotrim / Lusa

A artista portuguesa Leonor Antunes, selecionada para representar o país na 58.ª Bienal de Arte de Veneza, disse, esta semana, que nunca aceitaria representar internacionalmente o país se o atual Governo fosse de direita. 

“Se estivesse o PSD ou o CDS no Governo, não aceitaria. Embora sejam partidos democráticos, defendem valores em que não acredito”, afirmou.

As declarações da artista portuguesa geraram polémica e acabaram por envolver a ministra da Cultura, Graça Fonseca. Agora, e segundo avança o Jornal de Notícias esta sexta-feira, o CDS exige a substituição da artista ou a demissão da ministra.

Em declarações ao matutino, Nuno Melo, eurodeputado do CDS, afirmou que se impõe uma atitude por parte do Governo: “Retira o apoio a Leonor Antunes, que renega uma grande parte dos portugueses que, com o seus impostos, contribuem para pagar a representação na Bienal [500 mil euros], ou a ministra da Cultura tem de demitir-se.”

Paulo Rangel, eurodeputado do PSD, disse também em declarações ao diário que “o silêncio da ministra Graça Fonseca não é aceitável”.

“A ministra tem falhado sistematicamente e, desta vez, voltou a demonstrar que não tem a mínima sensibilidade para o cargo. O Estado tem um dever de neutralidade que ela tem obrigação de repor, distanciando-se das declarações infelizes e facciosas da artista”, afirmou o eurodeputado do PSD.

Contudo, as críticas a Leonor Antunes não surgem apenas da direita. Francisco Assis, eurodeputado do PS, disse também que garante não entender “por que razão a ministra não se distanciou imediatamente daquela declaração absurda”.

Na mesma linha, posicionou-se também o eurodeputado do PCP João Ferreira, afirmando que a preferência partidária da artista “não deve determinar a sua seleção nem o seu afastamento da bienal”, disse citado pelo JN.

O Ministério da Cultura recusou pronunciar-se sobre a polémica, lembrando que Leonor Antunes foi “escolhida por concurso e não por convite”.

ZAP //

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Este CDS é a comédia nacional… meu deus!
    A senhora tem o direito a pronunciar-se sobre as suas preferências…
    São tão ridículos estes tipos…

  2. Estes senhores são do partido que vetou o livro do único Nobel da Literatura português, por ser de esquerda, e agora vêm com lições de moral.
    Acham que as pessoas têm memória curta. Ridículo!!!

  3. Mas quem é o CDS, atual, para exigir o que quer que seja?
    A única coisa que o CDS pretende é ganhar protagonismo, já que aquele que a Dona Cristas assume é o protagonismo de vão de escada.

  4. Só se safa neste País quem alinha com os Desgovernos.
    Mais um taxo que vai atuar para alguns e, alguns a apoiar.
    Miserável portugal, onde vais para…

  5. É assim a esquerda.
    A direita ganha as eleições democraticamente e eles não aceitam. A esquerda ganha eleições de fantochada (vidé Venezuela ou Cuba) e qualquer crítica é contra o povo.
    Moral da história: A democracia só é boa se os resultados convierem à esquerda.
    Por estas e por outras é que me curei logo em 1976…

    • Exatamente. O partido que mais foi votado pelos portugueses, nas últimas legislativas, foi um dos dois partidos que esta artista parasita, hostiliza. Isto é democracia ou é governança parasitoide esquerdoide ? Estamos a caminhar para um Portugal triste e pequenino, com certa tralha proliferante.

  6. Entao se o partido do governo fosse o PsD e ela fosse selcionada por concurso, recusava ir representar o pais??
    E há quem ache isto aceitável?
    Só se forem tao fundamentalistas e poico democraticos como ela!

  7. Meio milhão de euros para Portugal estar representado numa Bienal de Arte !!!
    Anda uma pessoa a trabalhar e a pagar impostos à grande para custear isto, com tanta coisa mais importante e urgente para resolver no nosso país !

  8. Essa senhora não tem o direito e nem deve representar Portugal, é livre de ter a opinião que entender sobre política mas se não se sentiria à vontade para representar o país que é de todos e com o dinheiro de todos nesse caso deveria ter tido a coragem de não aceitar o convite porque neste caso também metade dos portugueses não se sentirão representados por tal personagem, mas uma vez que não teve a coragem e a honradez de o fazer optando pelo oportunismo deveria ser a senhora ministra a prescindir de tal pessoa, não o fazendo ficam as duas muito mal na fotografia. Ainda à dias uma misse Portugal nascida na Venezuela foi expulsa do concurso de misse Mundo só porque criticou o regime fascista do senhor Maduro que como todo o Mundo sabe está a matar o povo à fome e à repressão e a arruinar o país por completo, parece mais que justa a crítica a tal regime por quem sofre na pela as consequências, mas duvido que a tal senhora Leonor Antunes estivesse virada para aí.

RESPONDER

Se quer um coração saudável, desligue a televisão e tome um bom pequeno-almoço

É conhecida como a refeição mais importante do dia e não é por acaso. Os hábitos de vida que seguimos diariamente têm um impacto direto na nossa saúde vascular. Numa investigação recentemente apresentada na reunião anual …

Determinada temperatura das bebidas que aumenta risco de cancro

Cientistas da Universidade de Ciências Médicas de Teerão publicaram novas provas sobre a relação entre o consumo de bebidas quentes e o cancro do esófago. De acordo com o estudo publicado na revista International Journal of …

Descobertos 83 buracos negros supermassivos no Universo inicial

Astrónomos do Japão, de Taiwan e dos EUA descobriram 83 quasares alimentados por buracos negros supermassivos no universo distante, numa época em que o Universo tinha menos de 10% da sua idade atual. "É notável que …

Joy Milne consegue cheirar a doença de Parkinson antes de ser diagnosticada

Atualmente, não existe nenhum teste diagnóstico definitivo para o Parkinson, mas isso pode mudar graças a Joy Milne, uma mulher que consegue detetar a doença antes que os sintomas apareçam. Parece demasiado bizarro para ser verdade, …

Filho de José Eduardo dos Santos libertado da prisão. Estava preso desde setembro de 2018

O antigo presidente do Fundo Soberano de Angola, José Filomeno dos Santos, que se encontrava em prisão preventiva desde 24 de setembro de 2018, encontra-se já em liberdade, disse hoje à agência Lusa fonte oficial. A …

Naufrágio no Nilo é a primeira prova de que Heródoto não estava a mentir sobre os barcos egípcios

Um navio naufragado encontrado no rio Nilo pode ter permanecido inalterado durante mais de 2.500 anos. Agora, está finalmente a revelar os seus segredos: cientistas pensam que este navio revelou uma estrutura cuja existência tem …

A gravidade influencia a maneira como tomamos decisões

Todo e qualquer organismo vivo na Terra evoluiu a longo de milhares de anos sob um campo gravitacional constante, com a gravidade desempenhando um papel fundamental no comportamento e na cognição humana. Um estudo recente publicado …

"Atentado" na Disneyland Paris era apenas uma avaria nas escadas rolantes

Por volta das 21h00 em Paris, produziu-se um movimento de pânico na Disney Village, no parque de diversões francês da Disney. Rapidamente se multiplicaram mensagens sobre um "atentado". Ao jornal belga DH, uma fonte afirmou que …

Cientistas alargam limites físicos do grafeno

Até onde vão os limites físicos do grafeno? Uma equipa de cientistas do Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL), em Braga, respondeu a esta questão e desafiou-os. Uma equipa de investigadores dos Departamentos de Materiais Quânticos …

Ilusionista britânico diz que vai travar o Brexit com o poder da mente

Uri Geller é um ilusionista israelista, com nacionalidade britânica, que se tornou famoso nos anos 1970 em programas de televisão em que realizava demonstrações dos seus alegados poderes paranormais. Agora, Geller deixa um aviso a Theresa …