CDS exige troca de artista na Bienal de Veneza ou demissão da ministra da Cultura

António Cotrim / Lusa

A artista portuguesa Leonor Antunes, selecionada para representar o país na 58.ª Bienal de Arte de Veneza, disse, esta semana, que nunca aceitaria representar internacionalmente o país se o atual Governo fosse de direita. 

“Se estivesse o PSD ou o CDS no Governo, não aceitaria. Embora sejam partidos democráticos, defendem valores em que não acredito”, afirmou.

As declarações da artista portuguesa geraram polémica e acabaram por envolver a ministra da Cultura, Graça Fonseca. Agora, e segundo avança o Jornal de Notícias esta sexta-feira, o CDS exige a substituição da artista ou a demissão da ministra.

Em declarações ao matutino, Nuno Melo, eurodeputado do CDS, afirmou que se impõe uma atitude por parte do Governo: “Retira o apoio a Leonor Antunes, que renega uma grande parte dos portugueses que, com o seus impostos, contribuem para pagar a representação na Bienal [500 mil euros], ou a ministra da Cultura tem de demitir-se.”

Paulo Rangel, eurodeputado do PSD, disse também em declarações ao diário que “o silêncio da ministra Graça Fonseca não é aceitável”.

“A ministra tem falhado sistematicamente e, desta vez, voltou a demonstrar que não tem a mínima sensibilidade para o cargo. O Estado tem um dever de neutralidade que ela tem obrigação de repor, distanciando-se das declarações infelizes e facciosas da artista”, afirmou o eurodeputado do PSD.

Contudo, as críticas a Leonor Antunes não surgem apenas da direita. Francisco Assis, eurodeputado do PS, disse também que garante não entender “por que razão a ministra não se distanciou imediatamente daquela declaração absurda”.

Na mesma linha, posicionou-se também o eurodeputado do PCP João Ferreira, afirmando que a preferência partidária da artista “não deve determinar a sua seleção nem o seu afastamento da bienal”, disse citado pelo JN.

O Ministério da Cultura recusou pronunciar-se sobre a polémica, lembrando que Leonor Antunes foi “escolhida por concurso e não por convite”.

ZAP //

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Este CDS é a comédia nacional… meu deus!
    A senhora tem o direito a pronunciar-se sobre as suas preferências…
    São tão ridículos estes tipos…

  2. Estes senhores são do partido que vetou o livro do único Nobel da Literatura português, por ser de esquerda, e agora vêm com lições de moral.
    Acham que as pessoas têm memória curta. Ridículo!!!

  3. Mas quem é o CDS, atual, para exigir o que quer que seja?
    A única coisa que o CDS pretende é ganhar protagonismo, já que aquele que a Dona Cristas assume é o protagonismo de vão de escada.

  4. Só se safa neste País quem alinha com os Desgovernos.
    Mais um taxo que vai atuar para alguns e, alguns a apoiar.
    Miserável portugal, onde vais para…

  5. É assim a esquerda.
    A direita ganha as eleições democraticamente e eles não aceitam. A esquerda ganha eleições de fantochada (vidé Venezuela ou Cuba) e qualquer crítica é contra o povo.
    Moral da história: A democracia só é boa se os resultados convierem à esquerda.
    Por estas e por outras é que me curei logo em 1976…

    • Exatamente. O partido que mais foi votado pelos portugueses, nas últimas legislativas, foi um dos dois partidos que esta artista parasita, hostiliza. Isto é democracia ou é governança parasitoide esquerdoide ? Estamos a caminhar para um Portugal triste e pequenino, com certa tralha proliferante.

  6. Entao se o partido do governo fosse o PsD e ela fosse selcionada por concurso, recusava ir representar o pais??
    E há quem ache isto aceitável?
    Só se forem tao fundamentalistas e poico democraticos como ela!

  7. Meio milhão de euros para Portugal estar representado numa Bienal de Arte !!!
    Anda uma pessoa a trabalhar e a pagar impostos à grande para custear isto, com tanta coisa mais importante e urgente para resolver no nosso país !

  8. Essa senhora não tem o direito e nem deve representar Portugal, é livre de ter a opinião que entender sobre política mas se não se sentiria à vontade para representar o país que é de todos e com o dinheiro de todos nesse caso deveria ter tido a coragem de não aceitar o convite porque neste caso também metade dos portugueses não se sentirão representados por tal personagem, mas uma vez que não teve a coragem e a honradez de o fazer optando pelo oportunismo deveria ser a senhora ministra a prescindir de tal pessoa, não o fazendo ficam as duas muito mal na fotografia. Ainda à dias uma misse Portugal nascida na Venezuela foi expulsa do concurso de misse Mundo só porque criticou o regime fascista do senhor Maduro que como todo o Mundo sabe está a matar o povo à fome e à repressão e a arruinar o país por completo, parece mais que justa a crítica a tal regime por quem sofre na pela as consequências, mas duvido que a tal senhora Leonor Antunes estivesse virada para aí.

RESPONDER

Abrantes. Escolas deixam de dar notas em novo modelo de avaliação

Não há notas: a avaliação passa a ser contínua. Este é o novo modelo de avaliação que o Agrupamento de Escolas Solano de Abreu, em Abrantes, apresentou esta segunda-feira. O Agrupamento de Escolas Solano de Abreu, …

Uma onda de calor atingiu a Europa (mas Portugal escapou)

Portugal é dos poucos países que vão escapar à massa de ar quente vinda do deserto do Saara que elevará o mercúrio dos termómetros para lá dos 40ºC em quase toda a Europa. Porém, o nosso …

AEK Atenas oficializa Francisco Geraldes por empréstimo do Sporting

O futebolista português Francisco Geraldes foi esta terça-feira oficializado pelos gregos do AEK Atenas como reforço para a época 2019/200, por empréstimo do Sporting. "O AEK comunica oficialmente a assinatura com o médio ofensivo Francisco Geraldes, …

Diretor artístico do Teatro São Carlos demite-se

O diretor artístico do Teatro Nacional de São Carlos (TNSC), Patrick Dickie, apresentou esta terça-feira a sua demissão à ministra da Cultura. “O diretor artístico do Teatro Nacional de São Carlos, Patrick Dickie, informou esta tarde …

Entre elogios e recados, Marcelo dá luz verde ao decreto de execução orçamental

O Presidente da República promulgou o decreto-lei de Execução Orçamental, um dia depois de o diploma ter entrado em Belém, para que "possa entrar em vigor ainda antes do início do segundo semestre". Na nota publicada …

Hospital da Luz em Lisboa limita acesso a urgências pediátricas no verão

O acesso dos clientes ao Atendimento Urgente de Pediatria "será limitado temporariamente" devido a obras de expansão do hospital. Condicionamento vai durar de 1 de julho a 15 de setembro. O Hospital da Luz, em Lisboa, …

Português entre as vítimas mortais em incêndio em Paris

Um cidadão português é uma das três vítimas mortais do incêndio ocorrido no sábado num prédio no centro de Paris, França, disse esta terça-feira à Lusa fonte oficial do Governo. Uma fonte oficial do gabinete do …

Restaurante de Avillez entre os 50 melhores do mundo

O restaurante Belcanto, do chef José Avillez, entrou pela primeira vez para a lista dos melhores 50 melhores restaurantes do mundo, para a 42ª posição. No ano passado, o restaurante, situado no Largo de São Carlos, …

Sevilha terá recusado contratar João Félix por 1,5 milhões. Era "muito dinheiro"

Reforço já garantido pelo Atlético Madrid para a próxima temporada, João Félix poderia por estes dias já andar na Liga espanhola, ao serviço do Sevilha, clube que no arranque da temporada 2018/19 terá recusado contratar …

Carrossel internacional do IVA. 15 empresários detidos em megaoperação da PJ

A Polícia Judiciária (PJ) deteve nesta terça-feira 15 empresários por suspeitas de fraude fiscal e de branqueamento de capitais no âmbito de um esquema conhecido por carrossel internacional do IVA. Está em causa um tipo de …