CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar “buraco” da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está “chocado” por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar “buraco” da TAP para servir apenas Lisboa.

O CDS-PP disse, este domingo, que o Governo socialista considera que “os portugueses têm obrigação de pagar o buraco financeiro da TAP”, mas apenas para servir a região de Lisboa, já que o Porto foi abandonado pela companhia aérea.

“O ministro Pedro Nunos Santos, com infeliz prepotência, afirma que ‘a TAP é do povo português, para o bem e para o mal’, querendo com isto significar que os contribuintes portugueses têm de pagar sem questionar os desvarios ideológicos e despesistas do Partido Socialista”, critica o CDS, num comunicado enviado à Lusa, assinado pelo vice-presidente Raul Almeida.

O CDS-PP condena o facto de, para Pedro Nuno Santos e para o Governo socialista, “todos os portugueses têm obrigação de pagar o buraco financeiro da TAP, mas só a região de Lisboa tem direito a ser servida” pela companhia.

“Para nossa absoluta perplexidade, a TAP, que todos os portugueses pagam, abandona o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, o mais importante do noroeste peninsular, com a esfarrapada desculpa de falta de rentabilidade na operação, desculpa, entretanto, desmentida cabalmente pelo prejuízo crónico de algumas rotas intocadas a partir de Lisboa”, critica.

De acordo com os centristas, “o Aeroporto Francisco Sá Carneiro tem conhecido, até ao período de pandemia, um crescimento constante, fruto da operação de diferentes companhias”.

“Curiosamente, a companhia de bandeira alemã opera rotas fundamentais a partir do Porto, de modo rentável, sem que os contribuintes alemães tenham de a sustentar com os seus impostos. A TAP, pelos vistos, não tem uma gestão à altura de o conseguir”, aponta.

O Governo socialista, condena o CDS-PP, apesar da injeção de dinheiro dos contribuintes na TAP, “não questiona o serviço público, a coesão territorial ou a equidade contributiva”.

“O CDS questiona tudo isto, chocado com o escândalo que constitui esta inexplicável decisão, exigindo responsabilidade política a quem a tem e defendendo Portugal no seu todo, e nunca uns em detrimento de outros”, conclui.

Na quinta-feira, numa audição na Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, o ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, disse que as quatro rotas criadas no aeroporto do Porto, para Amesterdão, Milão, Zurique e Ponta Delgada, estão com “46% da lotação em média” e são “neste momento um prejuízo para a TAP”.

As boas notícias da TAPPelos vistos, são as quatro rotas do Porto que dão prejuízo à TAP. As rotas de Lisboa darão…

Publicado por Rui Moreira em Quinta-feira, 15 de outubro de 2020

“Pelos vistos, são as quatro rotas do Porto que dão prejuízo à TAP. As rotas de Lisboa darão lucro. A nova rota Lisboa/Bilbau deve ser um ‘must’ em termos de rentabilidade e importantíssima para uma estratégia nacional. Promover visitas ao Gugenheim basco é ‘top’. Mas, senhor ministro, são boas notícias”, ironizou, no dia seguinte, o presidente da Câmara do Porto, o independente Rui Moreira, numa publicação no Facebook.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Câmara do Porto aprova sistema de videovigilância no centro histórico

Esta segunda-feira, na reunião do Executivo portuense, foi aprovado, com o voto contra da CDU e do BE, o protocolo a celebrar com a PSP para implementação da videovigilância na Baixa do Porto. O presidente da …

Conselho das Finanças Públicas alerta para riscos na TAP e falta de orçamentação para Novo Banco

O Conselho das Finanças Públicas (CFP) alertou esta segunda-feira, numa análise à proposta do Governo para o Orçamento do Estado de 2022 (OE2022), para a possibilidade de se injetar mais dinheiro na TAP e no …

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho

Novo Banco apresenta nova imagem. "Agora é o renascimento", diz Ramalho

O presidente do Novo Banco disse, esta segunda-feira, que a nova imagem representa o "renascimento" da instituição financeira, que está numa "rota de lucro e rendibilidade". Na apresentação da nova imagem de marca do Novo Banco, …

Governo disponível para suspender caducidade de convenções coletivas "sem limite de tempo"

O Governo está disponível para avançar com a suspensão dos prazos da caducidade das convenções coletivas "sem limite de tempo", disse, esta segunda-feira, no Parlamento a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social. A medida foi …

PEV também vota contra o Orçamento do Estado para 2022

O partido ecologista "Os Verdes" (PEV) anunciou, esta segunda-feira, que também vai votar contra o Orçamento do Estado para 2022. Em conferência de imprensa, na Assembleia da República, José Luís Ferreira disse que "o grupo parlamentar …

Governo lamenta decisão do PCP. "Nunca tínhamos ido tão longe como fomos este ano"

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares reagiu, esta segunda-feira à tarde, na Assembleia da República, ao anúncio de voto contra do PCP ao Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). Na Assembleia da República, Duarte Cordeiro …

Vulcão Cumbre Vieja lança lava, cinzas e fumo em La Palma

Vulcão de La Palma "no auge da atividade". Derrocada parcial do cone revela grande fonte de lava

Uma derrocada parcial do cone do vulcão da ilha de La Palma, nas Canárias, deixou à vista uma grande fonte de lava, segundo o Instituto Vulcanológico das Ilhas Canárias (Involcan). "Estamos no auge da atividade" do …

Presidente recebeu dose de reforço da vacina contra a covid-19 juntamente com a da gripe

O Presidente da República recebeu, esta segunda-feira, a dose de reforço da vacina contra a covid-19, juntamente com a vacina da gripe. "O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa recebeu esta tarde o reforço (ou terceira dose) …

PCP duvida do "golpe de asa" do Governo. BE estranha a sua "indisponibilidade"

O Partido Comunista anunciou, esta segunda-feira, que vai votar contra o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) na generalidade, juntando-se ao Bloco de Esquerda. "Não acredito em bruxas (...). Nunca faltámos à chamada e procurámos sempre …

"Ou há Orçamento ou avanço para a dissolução da Assembleia da República", diz Presidente

O Presidente da República afirmou, esta segunda-feira, que irá aguardar até ao último segundo da votação do Orçamento do Estado para 2022 na generalidade e, caso se confirme o chumbo, iniciará logo o processo de …