Casa Branca garante que Obama não mentiu: Bin Laden foi morto pelos marines

Pete Souza / White House

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama

A Casa Branca classificou como falsa a investigação do jornalista Seymour Hersh, que garantiu que o Presidente Barack Obama mentiu sobre a morte de Bin Laden e que as autoridades paquistanesas sabiam da operação que o matou.

O porta-voz adjunto do Conselho de Segurança da Casa Branca, Ned Price, assegurou em comunicado que a história de Seymour Hersh, publicada no domingo no jornal London Review of Books, tem “demasiadas imprecisões e afirmações sem fundamento”.

Price afirmou que “a noção de que a operação que acabou com a vida de Osama bin Laden foi outra coisa que não uma missão unilateral dos EUA é evidentemente falsa” e manteve que a operação era do conhecimento exclusivo de um reduzido número de altos dirigentes norte-americanos.

Hersh assegura que os serviços de informações do Paquistão tinham já capturado Bin Laden, mantendo-o escondido em Abbotabad com a intenção de o entregar quando as circunstâncias fossem as mais convenientes para Islamabad.

Os EUA têm sempre mantido que a operação das forças especiais da Marinha, em 11 de maio de 2011, contra um complexo habitacional na localidade paquistanesa de Abbottabad, onde se escondia Bin Laden, líder de Al-Qaeda, foi feita de forma unilateral e em segredo.

O Presidente decidiu não informar nenhum governo, incluindo o paquistanês, que só foi notificado depois de a operação ter acabado”, disse Price.

O extenso artigo de Hersh é alegadamente baseado nas revelações de um alto dirigente dos serviços de espionagem dos EUA, entretanto reformado, que conhecia as informações recebidas sobre a presença de Bin Laden em Abbotabad, onde também está a maior academia militar do Paquistão.

Segundo o relato de  Seymour Hersh, a Casa Branca terá sabido da presença de Bin Laden por intermédio de um membro dos serviços secretos do Paquistão, que queria a recompensa de 25 milhões de dólares que Washington oferecia por informações conducentes ao chefe da Al-Qaeda.

No artigo, Hersh garante também que alguns dos principais dirigentes dos serviços de informações e do exército paquistanês sabiam que a operação ia ser feita, mencionando inclusive que foram os paquistaneses a guiar as forças especiais norte-americanas até ao esconderijo de Bin Laden.

O autor também escreveu que o objetivo final da missão não era capturar Bin Laden vivo, mas sim matá-lo e livrar-se do corpo, e que Obama decidiu revelar a sua morte imediatamente com a intenção de a utilizar para facilitar a sua reeleição em 2012.

Fontes da CIA contrapuseram ao diário The Washington Post que o artigo de Hersh é “um total sem sentido“.

/Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Tenham cuidado com os títulos das noticias que publicam. Estamos na idade da informação e não há necessidade de escrever asneiras. Os “marines” são o “4º ramo” das forças armadas americanas. Os SEALS, nomeadamente a TEAM 6, a quem é atribuida a morte de Bin Laden pertencem à Marinha norte-americana.

    • Caro Artistabastuz,
      Tem razão, cometemos a incorreção de “arredondar” o nome da força militar chamando genericamente “marines” aos Navy Seals.

      • Mas, os SEAL não são Marines (nem “genericamente”)!!
        As forças armadas americanas tem 5 ramos: (Army, Marine Corps, Navy, Air Force e Coast Guard)!
        Como os SEAL pertencem à Marinha (Navy), nada tem a ver com os Marines!!

RESPONDER

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …