Cartão de Cidadão sem género. Afinal, foi um “lapso” da Secretária de Estado

Afinal, o novo Cartão de Cidadão vai manter a referência ao género. O “lapso” foi corrigido pela secretária de Estado da Justiça, Anabela Pedroso, que tinha informado que o sexo ia deixar de aparecer neste documento de identificação no âmbito das mudanças que estão previstas a nível europeu.

No dia em que se anunciaram alterações ao formato do actual Cartão de Cidadão, no seguimento de um novo regulamento europeu que visa uniformizar estes documentos de identificação, Anabela Pedroso revelou na TSF que a versão portuguesa ia deixar de conter o género.

A secretária de Estado da Justiça explicava que um estudo em torno de “um novo regulamento sobre segurança de Cartões de Identidade” determinou o que é que estes “devem incluir” para “garantir a segurança na circulação em Shenguen”.

“Não vai existir uma uniformização de Cartões de Cidadão na Europa, o que vamos ter é uma harmonização dos Cartões com alguns elementos de segurança que vão ser reconhecidos em todos os países”, apontava a governante.

Retiramos na nova versão de Cartão de Cidadão o género“, sublinhava ainda, a título de exemplo de uma das mudanças previstas, constatando que “Portugal não vai manter” essa referência que será “facultativa”.

Mas, afinal, não vai ser assim e o género manter-se-á no Cartão de Cidadão, como explicou posteriormente a Secretária de Estado.

Anabela Pedroso telefonou à TSF para esclarecer que foi um “lapso” e justificando que o género se vai manter depois de o assunto ter sido “estudado e trabalhado com todas as organizações”.

Uma ideia que se deve ao facto de se tratar de “um Cartão que não é só de Identificação” e que tem “muitas ligações com outras Bases de Dados“, nomeadamente da área da Saúde, onde, “por razões naturais”, se continua a usar “a questão do sexo para aferição de algum atributo” do documento, realçou Anabela Pedroso.

A secretária de Estado também sustentou que ficou acordado que Portugal “vai continuar a usar a designação de Cartão de Cidadão“, enquanto que na versão em Inglês passará a ser “Identity Card” (ou seja, Cartão de Identificação).

Anabela Pedroso referiu ainda que o prazo para aplicação das alterações é de 24 meses. Assim, “daqui a dois anos, vamos ter que ter todo este trabalho feito internamente por forma a que os novos Cartões que venham a ser emitidos no segundo semestre de 2021 já incorporem estes elementos de harmonização”, concluiu.

  SV, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Anabela Pedroso,,, Anabela coisa… ou Pedroso coiso… ou de sexo indefinido ?
    Socialistas, onde os homens querem ser mulheres e as mulheres homens.
    Um tal Galamba maricone já usa brinquinho … género ? indefinido.
    BE onde quase todos os militantes pertencem ao LGBTQ

RESPONDER

OE. Costa promete salário mínimo de 850 euros em 2025 e aumento de pensões em janeiro

O secretário-geral do PS, António Costa, afirmou esta sexta-feira que é intenção do Governo elevar o salário mínimo aos 850 euros em 2025 e aumentar o mínimo de existência no próximo ano, isentando de IRS …

Cientistas portugueses ajudam a descobrir novo mecanismo para regeneração muscular

O músculo é conhecido por se regenerar através de um processo complexo que envolve várias etapas e depende de células-tronco. Mas uma nova pesquisa apresenta um novo mecanismo. Um novo estudo liderado por investigadores do Instituto …

Investigadores de Harvard utilizam corantes para armazenar dados

Na era digital, quase tudo é possível. Uma equipa de químicos de Harvard desenvolveu um novo sistema que utiliza misturas de sete corantes fluorescentes disponíveis comercialmente para armazenar ficheiros de dados. É comum pensarmos no armazenamento …

Uma impressão artística de um impacto gigantesco no sistema estelar HD 17255

Dois planetas envolveram-se num choque tão violento que um deles perdeu a atmosfera

Uma equipa de astrónomos encontrou provas de uma gigantesca colisão entre dois planetas num sistema planetário jovem, localizado a 95 anos-luz da Terra. A poeira à volta da jovem estrela HD 172555, de 23 milhões de …

Rorhwerk, o maior instrumento musical do mundo

Rohrwerk, uma obra de arte efémera, é a maior "fábrica do som" do mundo

Uma espécie de "pavilhão do som". Alunos da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, criaram um novo instrumento musical, o maior alguma vez construído. Com 45 metros de altura, a obra de arte imponente …

Costa já pediu desculpas às confederações patronais. "Houve um lapso"

O primeiro-ministro afirmou, esta sexta-feira, que já apresentou um pedido de desculpas às confederações patronais por o Governo ter aprovado duas medidas na área do trabalho sem antes as ter apresentado em Concertação Social. À chegada …

Luxemburgo torna-se o primeiro país da Europa a legalizar o cultivo e consumo de canábis

O Governo luxemburguês anunciou, esta sexta-feira, que o país será a primeira nação do Velho Continente a legalizar o cultivo e o consumo de canábis. De acordo com a nova legislação, explica o jornal The …

Prisão preventiva para suspeitos da morte de jovem no metro das Laranjeiras

Os quatro suspeitos da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa, ficaram em prisão preventiva, depois de presentes a primeiro interrogatório judicial. Os quatro arguidos, com idades entre os …

Cristiano vs. Salah: Klopp não queria comparar mas comparou

Treinador do Liverpool não acredita que vai encontrar um adversário debilitado: "Eles são capazes de fazer coisas incríveis". É o grande jogo de futebol no Reino Unido e um dos mais aguardados em todos os países: …

Bastonário dos Médicos considera direção executiva do SNS "um disparate"

O bastonário da Ordem dos Médicos considera que a criação da direção executiva do Serviço Nacional de Saúde, proposta no Estatuto do SNS aprovado esta quinta-feira, é "um disparate" e que há estruturas que podem …